Connect with us

Tocantins

Ação conjunta das Polícias do TO e PA desmonta organização criminosa especializada em assalto a bancos

Publicado

em

A Polícia Civil do Estado do Tocantins, por intermédio da Delegacia Especializada em Investigações Criminais, (DEIC), Núcleo Norte, de Araguaína, com apoio da DHPP, DERFRVA e Delegacia de Filadélfia, bem como da Polícia Civil do Pará, na manhã desta terça-feira, 19, deflagrou a Operação “Plunder” objetivando dar cumprimento a mandados de prisão de integrantes de uma organização criminosa especializada na prática de roubos a instituições financeiras e que atuava nos Estados do Pará, Tocantins e Maranhão.

A ação resultou na prisão de sete pessoas e apreensão de armas, munições, drogas, veículos e aparelhos de telefone celular. A operação é resultante do desdobramento das investigações do roubo a agência do Banco do Brasil na cidade de Filadélfia – TO, ocorrido em 29 de outubro de 2017.

Durante as diligências, foram identificados os integrantes de um grupo criminoso especializado em roubos a instituições financeiras nos estados do Tocantins, Pará e Maranhão, os quais tiveram suas prisões temporárias decretadas após representação da Polícia Civil do Estado do Tocantins.

Conforme o delegado José Anchieta de Menezes Filho, titular da DEIC-NORTE, o líder da organização foi identificado como Caio Menezes, o qual foi capturado na tarde da última segunda-feira, no Estado do Pará.

Durante o cumprimento dos mandados, foram apreendidas três armas de fogo, sendo uma pistola de calibre restrito (9mm) e dois revólveres calibre 38, além de grande quantidade de comprimidos de anfetaminas, um veículo roubado, aparelhos de telefone celular e apetrechos que seriam utilizados na empreitada criminosa.

Parte do grupo estava reunida em uma residência no Setor São Miguel, em Araguaína, onde finalizavam os preparativos para realizar mais um roubo, sob a liderança de Israel Teixeira de Jesus. No local também se encontrava um veículo roubado.

Ao todo, foram cumpridos quatro mandados de prisão, sendo um no Estado do Pará e três em Araguaína. Durante a operação Plunder, os indivíduos também foram presos, em flagrante, pela prática dos crimes de tráfico de drogas, posse ilegal de arma de fogo, adulteração de sinal identificador de veículo, bem como, formação de organização criminosa.

Os presos são: Israel Teixeira de Jesus, Luciano Francisco Veras da Silva, Kleison Reis Chagas, João Bosco Sousa Oliveira, Caio Menezes Silva, Maik Douglas Marcel da Silva, Kayo Lucas de Araújo e Douglas Dias Araújo. Dos veículos apreendidos, havia na residência um Hyundai HB20 roubado, que seria usado na ação criminosa, além de um Fiat Pálio que era utilizado como suporte para transporte dos criminosos e armas.

Após a realização dos procedimentos necessários, os presos foram encaminhados para a Casa de Prisão Provisória de Araguaína – CPPA, onde permanecerão recolhidos à disposição do Poder Judiciário.

O delegado Anchieta falou sobre o comprometimento das instituições de segurança durante a operação. “Vale ressaltar, por fim, o empenho de todas as instituições, que fazem parte do sistema de justiça criminal, para o sucesso das investigações, especialmente do Poder Judiciário da Comarca de Filadélfia que atuou com extrema agilidade na análise e deferimento das medidas cautelares investigativas”, pontuou.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

Sebrae Tocantins se classifica para 12º Prêmio CIEE de Estágio

Publicado

em

Acontece nesta quinta-feira, 17, a entrega do 12º Prêmio de Melhores Programas de Estágio, promovido pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE). A cerimônia será transmitida pelo CIEE, no Youtube, a partir das 16h. O evento é uma forma de reconhecer organizações quando o assunto é inclusão no mundo do trabalho, e o Sebrae Tocantins está classificado, a partir de pesquisas realizadas com os estagiários.

A premiação também permite o levantamento de pontos importantes para entender a realidade dos estagiários nas empresas e promover a troca de conhecimentos sobre as melhores práticas de gestão, com estudo conduzido por renomados institutos de pesquisa do país.

Para a estagiária da Unidade de Marketing e Comunicação do Sebrae Tocantins, Fabiana Espíndola, este momento é um grande passo para começar uma trajetória no mercado de trabalho. “É importante estagiar em uma instituição que acolhe, escuta, apoia e promove o crescimento e aprendizado constante, para que nos tornemos bons profissionais, e aqui no Sebrae, encontramos isso”, enfatizou.

Segundo a gerente da Gestão de Pessoas do Sebrae TO, Vera Braga, todo estagiário deveria ter a oportunidade de avaliar seu período dentro de uma empresa. “Estamos felizes em saber que eles avaliam bem nosso programa de estágio e podem contar com a nossa disposição e empenho para ofertar o melhor para o crescimento deles”, pontuou. 

O superintendente do Sebrae Tocantins, Moisés Gomes, afirma que é uma satisfação participar do 12º Prêmio dos Melhores Programas de Estágio do CIEE. “Aqui, desde o início, na elaboração dos planos de estágio, os jovens são acompanhados por profissionais experientes, que auxiliam em cada etapa de desenvolvimento, investindo em treinamento e capacitação. Nossa intenção é formar bons profissionais, não só para o Sebrae, mas para o mundo do trabalho”, destacou.

Continue lendo

Tocantins

PALMAS: Médicos não cumprem escala em Hospitais e vistoria constata mais problemas

Publicado

em

O Ministério Público do Tocantins (MPTO) realizou vistorias no Hospital Geral de Palmas (HGP) e no Hospital e Maternidade Dona Regina, de Palmas, nesta terça-feira, 15, a fim de apurar denúncia de irregularidade quanto ao cumprimento da carga horária de trabalho por profissionais médicos.

No período da manhã, o promotor de Justiça Thiago Ribeiro Franco Vilela esteve no HGP apurando a situação de pacientes acomodados em macas instaladas nos corredores da unidade, o que foi confirmado logo no início da vistoria, que teve como foco as áreas da oncologia e neurologia.

Servidores e profissionais médicos relataram a ausência de insumos básicos como lençóis, esparadrapos, luvas, capotes, cadeira de rodas, instrumentos cirúrgicos e medicamentos. Outra reclamação foi a falta de profissionais para atender à demanda. Havia apenas uma fisioterapeuta plantonista para acompanhar todos os pacientes da ortopedia no período da manhã.

Acerca das denúncias do não cumprimento da carga horária de trabalho por parte de alguns profissionais, o promotor de Justiça conferiu a lista de plantonistas do dia e constatou que quatro médicos não estavam na unidade hospitalar, embora seus nomes constassem na escala do dia. Os casos serão apurados individualmente pela 19ª Promotoria de Justiça da Capital.

Por fim, diversos servidores relataram falta de segurança dentro do HGP. As entradas do hospital contam com recepcionistas, mas não há profissionais de segurança. Um recepcionista está afastado para tratar de ferimentos causados por uma agressão sofrida na última semana, enquanto tentava impedir a entrada de um acompanhante. O fato também será apurado pelo promotor de Justiça.

Dona Regina

Já no Hospital e Maternidade Dona Regina, o promotor de Justiça percorreu os setores com a escala do plantão médico em mãos e verificou que um servidor não estava presente no plantão, sem que houvesse comunicado e justificado sua ausência à direção-geral. Um procedimento será instaurado para investigar o fato.

Na vistoria, o promotor de Justiça verificou também aspectos gerais de funcionamento do Hospital e Maternidade, conversando com profissionais e pacientes. Grande parte dos problemas verificados decorrem da deficiência estrutural da sede do Hospital, como a extrema precariedade das salas de repouso dos servidores e a insuficiência de espaço do posto de enfermagem, onde profissionais precisam se aglomerar durante o serviço e onde falta lugar adequado para o manejo de medicamentos. Em todos os setores, foram ouvidas reclamações quanto à estrutura da unidade.

Na vistoria no Hospital e Maternidade Dona Regina, servidores também se queixaram quanto à indisponibilidade de instrumentos básicos, sendo relatada a insuficiência de aparelhos de verificação de pressão arterial, de sonares e de amniótomos (conhecido como “rompedor de bolsa”), bem como a precariedade de termômetros e bombas de infusão.

Na Unidade de Cuidados Intermediários (UCI), que está passando por ampliação da quantidade de leitos, foram relatadas necessidades mais urgentes, como a ligação de todos os leitos à rede de oxigênio, ausência de berço, incubadora e equipamento de fototerapia, bem como a insuficiência de equipamentos básicos, como ambu (reanimador manual) e manômetros (que regulam a pressão contida nos cilindros de oxigênio).

Continue lendo

Tocantins

Sebrae participa do Seminário Imagine 5.0 para líderes empreendedores

Publicado

em

Com o formato online, o Sebrae realiza gratuitamente nesta quarta-feira, 16, o Imagine 5.0, primeiro evento do Brasil para líderes que querem tornar as empresas mais humanas e sustentáveis. Com participação de 21 especialistas nacionais e internacionais, o seminário acontece até quinta-feira, 17.  As inscrições e a programação completa podem ser conferidas pelo link: https://imagine5sebrae.com.br/

As palestras e painéis serão realizados em duas sessões de seis horas, das 14h às 20h, em ambientes distintos e os pequenos empreendedores locais também irão compartilhar conhecimentos.  Quando for necessário, as falas terão tradução simultânea. 


A diretora técnica do Sebrae Tocantins e uma das mediadoras do evento, Eliana Castro, explica que eventos como esse, servem para mostrar aos empreendedores que eles podem ir além da tecnologia e produtividade para aprimorar os processos. “Podemos utilizar esses recursos para termos negócios mais inclusivos, inteligentes e sustentáveis. Os debates do Imagine 5.0 irão proporcionar uma experiência única, com imersão de conteúdos que inspiram as novas reflexões e práticas para um mundo mais responsável e criativo”, enfatizou.

Os momentos de transição serão organizados de forma a relaxar, inspirar, emocionar e gerar reflexão na audiência, por meio de happy breaks, exercícios rápidos de alongamento e de respiração, além de vídeos curtos e inspiradores sobre o futuro que queremos e qual o nosso papel de protagonismo.

Presenças

Estarão presentes no evento, o editor-fundador do Global Strategy Journal, Subramanian Rangan, a Codiretora do Escritório de Tecnologia Industrial de Keidanren no Japão, Naoko Ogawa, a consultora e coach de aceleração de negócios, Shannon Wellis, o fundador e presidente da Global Entrepreneurship Network (GEN), Jonathan Ortmans e o Professor de administração e ex-reitor do SC Johnson College of Business na Cornell University, em Nova York, Soumitra Dutta.

Compondo o time de painelistas internacionais, o seminário terá também a presença do fundador e presidente da Global Entrepreneurship Network (GEN), Jonathan Ortmans. A GEN é uma organização que ajuda os empreendedores a transformar ideias em novos empreendimentos promissores – criando empregos, inovações para a sociedade e fortalecendo a estabilidade econômica, com enfoque no ecossistema de empreendedorismo global.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze