Connect with us

Bico do Papagaio

AGUIARNÓPOLIS: Asa Norte reclama de demora em financiamento

Publicado

em

O Frigorífico Asa Norte Alimentos, localizado em Aguiarnópolis, reclama de dificuldades na liberação de financiamentos junto ao Banco da Amazônia. A declaração foi feita ontem pelo vice-presidente do Grupo, Sérgio Costa Araújo, em entrevista ao Jornal do Tocantins.

A Asa Norte exporta para os mercados das Regiões Norte e Nordeste e a escolha do Tocantins para a implantação da empresa considerou a redução de custos, pela sua localização geográfica. Um estudo realizado pela agroindústria mostrou que instalar-se no Extremo-Norte do Tocantins poderia garantir uma economia de US$ 50 por tonelada. Para a empresa, a Ferrovia Norte-Sul e a hidrovia, que estão em fase de implantação, vão assegurar o escoamento do produto.

Abate

Atualmente, a Asa Norte opera com capacidade de abate de 40 mil aves/dia, o que representa 20% da sua capacidade total. O Grupo espera fortalecer a avicultura no Bico do Papagaio e torná-la mais competitiva.

Mas, segundo Araújo, a empresa tem dificuldades para obter linhas de crédito tanto para os pequenos como para os grande produtores de aves junto ao Banco da Amazônia. Ele espera que nos próximos dias esse quadro seja revertido.

“Na semana passada tivemos uma reunião em Belém (PA) com representantes do banco e eles se responsabilizaram em reavaliar os repasses. No máximo em dois anos estaremos operando na região com 100% da capacidade, depois da obtenção dos recursos” acredita Araújo.

A Asa Norte afirma que pequenos produtores, considerados integrados, serão beneficiados com os recursos dos financiamentos para a construção de granjas. Nas granjas de cada produtor, os frangos são criados e vendidos para a empresa, que os abate. “Os produtores integrados são pagos pela criação dos frangos” explica Araújo. Por telefone, a gerente regional do Banco da Amazônia no Tocantins Marisa Helena Miranda Maracaípe informou que o processo de financiamento à Asa Norte está em andamento e que o banco ainda estaria fazendo uma análise do setor avícola. (JT)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
1 Comment

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Cacique faz denúncias graves contra gestão Paulo Gomes e descaso com saúde de indígena

Publicado

em

Cacique Orlando Apinajé fez um desabafo grave, alertando quando a suposto descaso da Prefeitura de Tocantinópolis, quando a saúde de indígenas no município. O cacique quede socorro das autoridades.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Aquiles manda recado para assentados, “Não sou governado pelo rabo”

Publicado

em

O prefeito de Araguatins, no Bico do Papagaio, Aquiles da Areia (PP), ficou irritado por estar sendo cobrado por moradores de diversas regiões de assentamentos e distritos, por conta das más condições das estradas vicinais, que tem dificultado a vida dessa parte da população que necessita se locomover até a cidade.

O gestor gravou um vídeo e divulgou nas redes sociais, respondendo os críticos. Assista:

Continue lendo

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: Estelionatário especialista em falsificação de diplomas de medicina é preso após desligar padrões de energia

Publicado

em

Por força de mandado judicial pelo crime de estelionato, a Polícia Militar realizou a prisão de um homem de 33 anos, na noite de segunda-feira, 24, na cidade de Augustinópolis, no Bico do Papagaio. 

A prisão foi feita pela equipe de policiais militares do 9º Batalhão da PM (9º BPM) e contou com o apoio de um militar que se encontrava de folga e agentes da Polícia Civil, que auxiliaram com informações que levaram a prisão do indivíduo.

As primeiras informações que chegaram para a Polícia Militar davam conta de que moradores da área central da cidade de Augustinópolis estariam amedrontados devido uma pessoa estar desligando o padrão de energia das casas durante a noite.

No local, a PM foi recebida por moradores que disseram para a polícia o nome do possível suspeito da ação e o indivíduo acabou sendo localizado pela equipe de policiais militares e preso. 

Através de consulta ao Banco Nacional de Mandados de Prisão, o sistema apontou que havia um mandado judicial aberto em desfavor do foragido, acusado pelo crime de estelionato. Segundo informações, o indivíduo era especialista em falsificação de certificados escolares e universitários, principalmente de curso de medicina.

O autor foi apresentado na Central de Flagrantes para as providências cabíveis.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze