- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 08 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img

ANANÁS: Comendo biscoito e chocolate greve de presos chega ao fim

Mais Lidas

Nesta terça feira, 7, graças à intermediação do Ministério Público, foi finalizada uma greve de fome deflagrada pelos detentos da Cadeia Pública de Ananás, que havia se iniciado no sábado, 30 de novembro.

Na segunda-feira, 5, compareceram à Promotoria de Justiça de Ananás vários familiares de detentos, que representaram por providências do Ministério Público em razão da greve de fome em protesto ao fornecimento de comida estragada.

Imediatamente foram requisitadas informações do Chefe da Cadeia Pública, o qual apresentou um relatório informando que as refeições eram servidas normalmente e com boa qualidade, havendo uma revolta mesmo após o atendimento de quase todas as reivindicações, informando inclusive que o cardápio era montado pelos próprios detentos e que alguns presos eram coagidos a aderir ao movimento mediante ameaças.

Foram informados os nomes de cinco detentos como sendo os líderes da revolta, a maioria já tendo vindo de outros estabelecimentos prisionais onde deram problemas à administração carcerária.

Apurou-se que três detentos já haviam sido encaminhados a atendimento médico por desnutrição e que os detentos tentavam impedir a prestação de socorro aos mesmos.

O promotor de Justiça, Caleb Melo, requisitou a instauração de inquérito policial e realização de perícia na cozinha da Cadeia Pública e reforço policial junto à Cia. da PMTO de Tocantinópolis, tendo a Cadeia Pública sido cercada e, após o restabelecimento da segurança, conversou com os detentos e ouviu suas reivindicações, sendo providenciadas as transferências dos líderes do movimento (no total de cinco) para outros estabelecimentos prisionais.

Em revista nas celas se pôde constatar que haviam vários pacotes de biscoito e chocolates, que só era disponibilizados aos líderes do movimento.

Por orientação de um médico da cidade, após serem os líderes transferidos, o Ministério Público recomendou que fossem disponibilizados aos detentos leite morno com açúcar e sucos para a reidratação e, após, o fornecimento de refeições leves, o que foi aceito por todos e o movimento foi encerrado, de modo que nesta quarta-feira, 7, retornou à normalidade. (Assessoria de comunicação do MPE/Ananás)

- Publicidade -spot_img

5 Comentários

Assinar
Notificar-me
guest
5 Comentários
Mais antigo
Mais recente Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
POVÃO 2

mata esses fila da puta

CRISTINA

PARABÉNS PARA O DELEGADO AFONSO, POLICIAIS DA POLICIA CIVIL, PROMOTOR KALEBE E OS POLICIAIS MILITARES.GENTE O CHEFE DA CADEIA ERA O BATATINHA, MAS O SENHOR DOUTOR DELEGADO AFONSO DEU UM JEITO NELE E MANDOU ELE PARA O BARRA DA GROTA.

WISTON

VAMOS LA,CADE AS FOTOS E RESULTADOS DO JOGOS ABERTO DE AUGUSTINOPOLIS RELISADOS NOS DIAS 2,3,e4 DE DEZEMBRO, ESTOMOS AGUARDANDO.

Codigo Penal

Enquanto esses presos consomem biscoito e Chocolate, as vítimas deles consomem terras em algum cemitério por ai ou andam de cadeira de roda. Ou ainda, consomem medicamento contra a depressão causada pelo trauma o qual foram submetido durante uma ação desses marginais.

joaquim

Wilson Saraiva é o meu líder. O MELHOR PREFEITO DO TOCANTINS,, ELE VAI AJUDAR O PRESIDIO A SAIR DESTA SITUAÇAO. AVANTE E AVANTE WILSON SARAIVA.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias