Connect with us

Tocantins

Após impeachment, Kátia Abreu diz estar com consciência tranquila

Publicado

em

image

Após o resultado da votação que resultou na cassação do mandato da presidenta Dilma Roussef, a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) disse estar triste, mas com a consciência tranquila e com a certeza do dever cumprido. “Fiz meu dever. Para mim, lealdade, coerência e ética não são só palavras no texto, só uma bandeira. Para mim, é uma bandeira e as pessoas têm de lutar. Foi isso que fiz e faria tudo de novo”, afirmou.

Correligionária do presidente Michel Temer e uma das principais defensoras de Dilma, a senadora questionou a postura do partido durante o processo de impeachment.

“Não fui eu quem mudou de lugar. O Michel Temer foi vice-presidente da Dilma por duas vezes. Apoiei essa chapa. Quase que perdemos e também quase não tinha coligação com Dilma, porque grande parte do PMDB que hoje apoia Temer não queria que ele fosse vice-presidente da Dilma”, afirmou.

De acordo com a senadora, muitos votaram no Aécio Neves. “O Geddel Vieira Lima [atual ministro da Secretaria de Governo] e o Jucá [ex-ministro do Planejamento] votaram no Aécio Neves. Tantos outros diretórios não votaram no Michel Temer e hoje estão aí usufruindo de um governo que não ajudaram a eleger.”

Diante de rumores de uma possível expulsão, ela também cobrou da legenda respeito por sua posição e do senador Roberto Requião (PMDB-PR) que foram contra o processo.

“Quero lembrar que ele [o PMDB] sempre decantou em verso e prosa a democracia. Foi um dos grande pilares da democracia no Brasil, desde as diretas já, e isso não pode ser só discurso para fora. Espero que o PMDB pratique a democracia interna e eu, como o senador Requião, fizemos aquilo que nossos valores e princípios indicaram”, acrescentou.

Questionada como seria sua postura diante do novo governo, Katia Abreu informou que votará com independência e que o PMDB nunca cobrou fechamento de questão em torno das votações.

“Voto de forma totalmente independente. Ainda na semana passada, votei a favor da DRU [Desvinculação de Receitas da União]. Ninguém me pediu, mas minha consciência mandou votar com a DRU, porque ninguém governa o país sem a DRU. Votarei a favor de todas as matérias que forem boas para o Brasil, inclusive as reformas. Não terei nenhum problema em votar contra aquilo que acredito que não é bom para o país”, destacou.

Ao avaliar o novo governo, Katia Abreu disse acreditar que Temer terá dificuldade de manter coesa sua base de apoio no Parlamento.

“Tenho muita dúvida sobre a base de apoio do PMDB. Se de fato ela vai continuar com alguns partidos políticos à sua volta. Assistimos aqui hoje, antes mesmo do impeachment, divergências entre o PSDB e DEM com relação aos aumentos abusivos de gastos públicos que este governo está praticando. Assistimos no plenário do Senado.”

A senadora disse ainda que defendeu Dilma não apenas pela amizade, mas por acreditar na sua inocência, “Minha lealdade não pode ser encarada de forma contrária: é amiga da Dilma, logo é leal. Não. O que me fez ser amiga da Dilma foi justamente o tratamento que ela deu ao setor agropecuário, às demandas solucionadas.”

Conforme Kátia Abreu, existe a gratidão “pelo que ela deu ao setor de minha atividade e isso trouxe sintonia de ideia e pensamentos. Por isso, nos tornamos amigas. Poderíamos ser amigas, eu não acreditar na sua honestidade e continuar amiga dela, mas não a defenderia como fiz”, concluiu a senadora.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

PALMAS: BRK Ambiental inicia obra de esgoto que beneficiará mais de 3 mil moradores da quadra T-31 do Jardim Taquari

Publicado

em

A BRK Ambiental, responsável pelos serviços de saneamento em 47 cidades do Tocantins, inicia nesta segunda-feira (12) as obras de implantação do sistema de coleta e tratamento de esgoto, na quadra T-31 do setor Jardim Taquari, em Palmas. 

As equipes da concessionária irão implantar mais de 12 mil metros de novas tubulações, que beneficiarão diretamente mais de 3 mil moradores do bairro, conforme explica o responsável operacional da BRK Ambiental em Palmas, Dalton Bracarense. 

“Palmas é um município em que já atingimos a meta de universalização do saneamento. Mas a cidade continua em expansão constante, por esse motivo é essencial que o saneamento acompanhe esse crescimento, garantindo para as pessoas mais qualidade de vida”, explica Dalton. 

A coleta e tratamento do esgoto estão diretamente relacionados à saúde e a qualidade de vida das pessoas. O acesso a esse serviço elimina os riscos de contaminações por doenças causadas pela falta de saneamento, como: diarreia, dengue, leptospirose e infecções gastrointestinais. 

As obras no setor Jardim Taquari devem ser concluídas até agosto de 2021. Nesse período, é importante ressaltar que as equipes da BRK Ambiental estão trabalhando de acordo com os rígidos protocolos de saúde e distanciamento social. As ruas onde os trabalhos irão ocorrer serão interditadas, para garantir a segurança dos trabalhadores e pedestres (confira o cronograma abaixo). 

O asfalto e a calçada dos trechos que irão receber as obras serão recompostos seguindo cronograma que acompanha o término das obras. As equipes da BRK Ambiental estão a postos para solucionarem eventuais dúvidas da população sobre as obras pelo telefone 0800 6440 195, WhatsApp (11) 99988-0001 ou site brkambiental.com.br. 

Nas próximas semanas, as obras irão ocorrer nos seguintes locais: 

Rua NS-16;  
Rua NS-8; 
Rua TNS-4; 
Rua LO-1; 
Rua LO-9; 

Continue lendo

Tocantins

Escola Superior de Gestão Penitenciária e Prisional oferta curso sobre inteligência emocional para servidores do Sistema Penal no Tocantins

Publicado

em

Buscando aprimorar o exercício das atividades de execução penal com foco na ressocialização, a Secretaria do Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), por meio da Escola Superior de Gestão Penitenciária e Prisional (Esgespen), está ofertando aos servidores dos Sistemas Penal do Tocantins o curso “Dois Finais de Semana para a sua Inteligência Emocional”. O curso, realizado pela Federação Brasileira de Coaching Integral Sistêmico (Febracis), tem 100 vagas disponíveis. As inscrições podem ser feitas aqui e vão até o dia 13 de abril.

O curso será ministrado pelo coaching Paulo Vieira em dois finais de semana, sendo o primeiro nos dias 23, 24 e 25 de abril, e o segundo nos dias 01 e 02 de maio. Conforme o gerente da Escola de Formação, Daniel Rodrigo Araújo, o curso visa investir na inteligência emocional para o melhor desenvolvimento das atividades dos servidores. “O curso irá colaborar no fortalecimento das potencialidades positivas dos servidores,” afirmou.

O gerente ainda ressalta que a participação dos servidores é importante também para o seu crescimento pessoal. “O servidor da Execução Penal que é cadastrado na lista de transmissão da Esgespen receberá o link e deverá garantir sua vaga durante o período de inscrição que vai de 6 a 13 de abril. Aqueles que participarem do curso farão um investimento na melhora da qualidade de vida”, observou.  

Instituição Febracis

Com matriz em Fortaleza e núcleos em mais de 40 cidades do Brasil, incluindo EUA e mais três continentes, a Febracis já impactou mais de 70 milhões de pessoas ao longo de sua trajetória. A atuação da Febracis é destaque no mercado por transformar vidas por meio do Coaching Integral Sistêmico (CIS), um processo que se adequa à sua realidade, gerando as melhores possibilidades e estratégias para conquistar um estilo de vida abundante. (Gabriela Santos)

Continue lendo

Tocantins

Conselho Estadual reúne-se para debater pautas voltadas para promoção das políticas dos Direitos Humanos no Tocantins

Publicado

em

Para alinhar e debater pautas que condizem as suas competências, o Conselho Estadual dos Direitos Humanos (CEDDH/TO), vinculado à Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), realizou reunião nesta quinta-feira, 8, com o intuito de apresentar um novo membro e discutir pautas voltadas para promoção das políticas dos Direitos Humanos no Estado. O encontro ocorreu de maneira virtual, por meio da plataforma Google Meet.

Foi apresentado, ao Conselho, o novo membro representando a Defensoria Pública do Estado do Tocantins, o defensor Euler Nunes, e foram escolhidos os conselheiros para participarem da Rede Nacional de Direitos Humanos, são eles: Maria Lúcia Viana, como titular; e Celio Roberto Pereira de Sousa, como suplente.

Durante a reunião, também foram propostas maneiras de publicizar futuras reuniões ordinárias, por meio de plataformas virtuais, para incluir a participação do público. Foi discutido sobre como tornar efetiva a atuação das comissões, falou-se sobre a elaboração de um Plano Estadual de Direitos Humanos, e debatido a disponibilização orçamentária para desenvolvimento de ações na área dos Direitos Humanos dos órgãos que integram o Conselho.

Além disso, foi sugerida a criação de cursos de formação focados em Direitos Humanos para as instituições que compõem a Segurança Pública do Estado do Tocantins (Polícias Militar, Civil e Penal; e o Corpo de Bombeiros), com ressalva do presidente do Conselho, Deocleciano Gomes, sobre a importância do assunto no atual momento.  “É uma questão necessária para o presente”, afirmou.

Participantes

Participaram do encontro os seguintes membros do Conselho: representando a Seciju, Nayara Brandão; representando a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), o conselheiro José Gilbert Arruda Martins e o suplente Romeu Aloísio Félix; representando a Secretaria de Estado da Saúde (SES), conselheira Viviane Souza Paiva e a suplente Daíse Rodrigues Teixeira; representando a Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), o conselheiro Eduardo José Silva Lima; representando a Defensoria Pública Estadual, o conselheiro Euler Nunes; representando a Associação de Desenvolvimento de Preservação dos Rios Araguaia e Tocantins, Judite da Rocha; representando a Procuradoria-Geral do Estado, o presidente do Conselho Deocleciano Gomes Filho; representando a OAB Tocantins, a vice-presidente Maria Lúcia Soares Viana; representando a Associação Brasileira de Enfermagem do Tocantins, a conselheira Mônica Bandeira; representando a Uber, a conselheira Esmeraldina Laurinda da Silva; representando o Centro dos Direitos da Criança e do Adolescente do Tocantins, a conselheira Barbara Oliveira Xavier e a suplente Mônica Pereira Brito.

Participando como convidados para contribuir com a reunião, estiveram a representante da SES, Maria Nadir da Conceição Santos; as representantes da Secretaria de Estado da Segurança Pública, Karoline Soares Chaves e Denise Franca; a representante da Seduc, Patrícia Macena Lino; o representante da Secretaria de Estado da Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), Clodoaldo Carvalho Lopes; o secretário do Conselho, Célio Roberto Pereira De Souza; e a diretora de Planejamento e Convênios da Seciju, Bárbara Risomar de Souza. (Gabriela Santos)

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze