Connect with us

Tocantins

ARAGUAÍNA: Com quadro depressivo grave, aluno de medicina no Ceará ganha na Justiça direito de estudar no Tocantins para se tratar ao lado da família

Publicado

em

Um estudante de medicina recorreu à Justiça para que pudesse transferir o curso de uma Instituição particular em Fortaleza, Ceará, para outra Instituição também privada em Araguaína-TO. O aluno apresentava um quadro grave de depressão e precisava se tratar, ao lado da família, a doença que se abateu após a morte do irmão em um acidente de carro. A sentença favorável à transferência foi proferida pelo juiz Marcelo Laurito Paro, no último dia 8 de julho. 

O estudante relata que mesmo depois da perda precoce do seu irmão, seus pais permitiram que fosse para cidade de Fortaleza-CE, onde passou a cursar medicina. E que, a partir daí, começou a apresentar sintomas graves de depressão, deixando se levar pela tristeza, sendo reprovado por faltas e tendo engordado 40 kg após a mudança de cidade. Inclusive os professores da instituição reportaram aos seus pais seu comportamento estranho e distante.

Por causa do seu abalado estado de saúde e na decorrente necessidade de permanecer próximo à família, ele solicitou a transferência do seu curso da faculdade de origem para a faculdade em Araguaína, ambas instituições de ensino privadas. 

O juiz, que atua no Núcleo de Apoio às Comarcas (Nacom), então determinou que a instituição de ensino receba o pedido de transferência do autor para o curso de Medicina ofertado e proceda a sua matrícula definitiva na universidade durante o período de duração do seu tratamento médico, observadas as disciplinas já cursadas e a compatibilidade com a grade curricular adotada pela ré. (Gabriela Almeida)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

Fraudes em licitações para aquisição de camas hospitalares no Tocantins são alvo da PF

Publicado

em

A Polícia Federal, em ação conjunta com a Controladoria Geral da União, deflagrou nesta sexta-feira (18) a Operação “Cama de Tut”, visando apurar supostos ilícitos relacionados à aquisição de 590 camas hospitalares pelo Governo do Estado do Tocantins.

Os investigados são suspeitos de fraudar o processo licitatório conduzido pela Secretaria Estadual de Saúde e alienar os leitos com valores aproximadamente de 227% superiores aos praticados pelo mercado e pela própria empresa que venceu o certame, conforme apurado pelos investigadores, pelo Tribunal de Contas da União-TCU e pela Controladoria Geral da União-TCU. 

Aproximadamente 30 Policiais Federais cumprem 6 mandados de busca e apreensão, todos expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região, nas cidades de Palmas/TO e São Paulo/SP.

Além da obtenção de novas provas, busca-se verificar a efetiva entrega dos bens adquiridos e o suposto pagamento de vantagens indevidas. O potencial de superfaturamento apontado pelos órgãos de controle seria de mais de 7 milhões de reais.

Os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de fraude a licitação e peculato, cujas penas somadas podem chegar a 16 anos de reclusão.

A Polícia Federal ressalta que, em razão da situação de pandemia da COVID-19, foi planejada uma logística especial de prevenção ao contágio, com distribuição de EPIs a todos os envolvidos na missão, a fim de preservar a saúde dos policiais, testemunhas, investigados e seus familiares. (Foto: Ana Paula Rehbein/TV Anhanguera)

Continue lendo

Tocantins

Chega a 61.683 casos confirmados de Covid-19 no Tocantins

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que nesta quinta-feira, 17 de setembro, foram contabilizados 640 novos casos confirmados para Covid-19.

Deste total, 102 foram registrados nas últimas 24 horas e o restante por exames coletados em dias anteriores e que tiveram seus resultados liberados na data de ontem.

Desta forma, hoje o Tocantins registra um total de 188.144 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 61.683 casos confirmados da doença. Destes 44.011 pacientes estão recuperados e 16.832 estão ainda ativos (em isolamento domiciliar ou hospitalar), além de 840 óbitos.

Clique AQUI e veja o boletim completo.

Continue lendo

Tocantins

Parceria entre BRK Ambiental e Senai Cimatec garante a recuperação de respiradores

Publicado

em

Comprometida em promover ações que contribuam com o combate ao coronavírus, a BRK Ambiental, empresa privada de saneamento básico presente em mais de 100 municípios brasileiros, integra a Aliança Empresarial para Enfrentamento da Covid-19, organizada pelo Senai Cimatec, na Bahia. O projeto tem como objetivo apoiar o sistema de saúde pública do Brasil e, desde março deste ano, já recuperou 1.769 respiradores em todo o país.

Para contribuir com a iniciativa, a BRK Ambiental fez a doação de R$ 100 mil, valor que foi destinado à recuperação de equipamentos de ventilação mecânica e para a ampliação da capacidade de atendimento das UTIs do país. A meta do projeto é reparar 3 mil respiradores. Em Palmas, onde a concessionária é responsável pelos serviços de água e esgoto, já foram recuperados 41 equipamentos. Até o final do projeto, a cidade deve receber mais 7 respiradores recuperados. Além de Palmas, as cidades de Araguaína e Araguacema, no norte do Tocantins, também receberão equipamentos recuperados.

“A BRK apoia essa iniciativa do Senai/Cimatec  por reconhecer a importância do projeto para ampliar a capacidade de atendimento das UTIs em todo o Brasil”, reforça Thadeu Pinto, diretor de contrato da BRK Ambiental no Tocantins e Pará.

Outras doações

Para auxiliar ações de combate ao coronavírus, a BRK Ambiental promoveu ainda uma série de doações aos municípios em que atua, como a compra de equipamentos de UTI para as redes públicas de hospitais do Brasil, em parceria com a Comunitas – organização social que atua na melhoria da gestão pública. Foram doados monitores e camas hospitalares para o governo estadual e para a Prefeitura de Palmas.

Continue lendo
publicidade Bronze