Connect with us

Tocantins

ARAGUAÍNA: Começam a chegar kits de alimentação para alunos da rede pública

Publicado

em

Chegaram em Araguaína nesta sexta-feira, 19, os caminhões do Governo do Tocantins carregados com os kits de alimentação para serem entregues aos alunos da rede municipal de ensino do município. A ação foi anunciada nesta semana pelo governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, e vai atender a mais de 21 mil estudantes.

A primeira etapa iniciará em Araguaína nesta sexta-feira, em seguida, a ação percorrerá os demais 138 municípios do Tocantins. “Esse quantitativo de alunos da rede municipal de Araguaína corresponde a cerca de 16 mil famílias e para facilitar a distribuição, de forma a não haver aglomeração durante a entrega, respeitando sempre as normas recomendadas pelos órgãos de saúde pública, as escolas estaduais servirão de polos de distribuição para as municipais. E por isso, pedimos também o apoio dos diretores das escolas municipais na hora da entrega”, complementa o governador Mauro Carlesse. Um cronograma estipulado por ordem alfabética será divulgado para evitar aglomeração nos polos.

A entrega de kits de alimentação é uma ação integrada do Governo do Tocantins que envolve a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), a Secretaria de Estado do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), a Polícia Militar (PM), e o Corpo de Bombeiros Militar (CBM).

Além das escolas da rede municipais de ensino dos 139 municípios, o Governo do Tocantins também entregou kits de alimentação para as famílias dos estudantes da rede estadual de ensino de todo o Estado.

Logística

Como meio de facilitar o recebimento dos kits por parte das famílias, a entrega será feita nas escolas estaduais, que servirão de polos para as unidades municipais de ensino.

Abaixo, segue a relação dos polos de distribuição para cada família, conforme a unidade ensino municipal:

Escola CAIC (Setor Coimbra) – será polo para as Escolas Municipais Ver. Arnon Ferreira Leal e Domingos Sousa Lemos e o CEI Dona Joaquina Mota.

Escola ASPA (Setor São Miguel) – será polo para a Escola Municipal Olavo Bilac e CEI Boanice Botelho Kalil.

Colégio Estadual Ademar Vicente Ferreira (Bairro JK) – será polo para a Escola Municipal José Gomes Sobrinho e os CEIs Nossa Senhora da Natividade, Profª Lusineide dos Santos Nascimento e Sítio da Dona Benta.

Colégio Estadual Adolfo Menezes (Setor Araguaína Sul) – será polo para a Escola Municipal Dr. Simão Lutz Kossobutizki e CEI Arnon Ferreira Leal.

Colégio Estadual Guilherme Dourado (Setor Central) – será polo para a Escola Municipal Profª Josefa Dias da Silva e os CEIs Criança Feliz e Natalina Maria de Jesus.

Colégio Estadual Henrique Cerqueira Amorim (Setor Barros) – será polo para as Escolas Municipais Luiz Gonzaga e Moderna.

Colégio Estadual Jardim Paulista (Setor Jardim Paulista) – será polo para as Escolas Municipais de Tempo Integral Joaquim Carlos Sabino dos Santos e Maria da Conceição Costa Luz.

Colégio Estadual Jorge Amado (Setor Noroeste) – será polo para as Escolas Municipais Gentil Ferreira Brito e Zeca Barros e o CEI Antônio Raimundo Costa.

Colégio Estadual Marechal Rondon (Setor Neblina) – será polo para a Escola Municipal Aurélio Buarque de Holanda Ferreira e os CEIs Dona Regina Siqueira Campos e Profª Maria de Fátima Santos.

Colégio Estadual Silvandra (Vila Couto) – será polo para as Escolas Municipal Benedito Canuto Braga e Paroquial São Vicente de Paulo e o CEI Cora Coralina.

Colégio Estadual Campos Brasil (Bairro de Fátima) – será polo para a Escola Municipal Cabo Luzimar Machado e os CEIs Otaerson Souza Lima, Nossa Senhora da Natividade e Tenente José Martins dos Santos.

CEM Castelo Branco (Vila Aliança) – será polo para as Escolas Municipais Léia Raquel Dias e Tomaz Batista, o CEI Raimundo Alves Lira e a Creche Criança Esperança.

Colégio Militar do Estado do Tocantins (Setor Coimbra) – será polo para as Escolas Municipais José Ferreira Barros e Tereza Hilário Ribeiro e o CEI Glória Moraes.

Escola Estadual Alfredo Nasser (Bairro Araguaína Sul) – será polo para a Escola São Vicente de Paula.

Escola Estadual Aplicação (Setor Couto) – será polo para a Escola Municipal João Sousa Lima e CEI Pedro Carreiro.

Escola Estadual Francisco Máximo (Setor Santa Terezinha) – será polo para Escola Paroquial São Domingos e a Creche Normando de Sousa Linhares.

Escola Estadual João Guilherme Junze (Setor São Miguel) – será polo para os CEIS Elizabeth Alves Carvalho e Prefeito João Batista de Jesus Ribeiro.

Escola Estadual Manoel Gomes (Novo Horizonte) – será polo para as Escolas Municipal São Miguel e Paroquial Dom Cornélio Chizzini e o CEI José Xavier.

Escola Estadual Modelo (Centro) – será polo para o CEI Tereza Hilário Ribeiro e Creche Mãe de Deus.

Escola Estadual Norte Goiano (Entroncamento) – será polo para os CEIs William Castelo Branco Martins e Constantino Pacífico de Oliveira e a Escola Municipal William Castelo Branco Martins.

Escola Estadual Vila Nova (Setor Vila Norte) – será polo para a Escola Municipal Francisco Bueno de Freita e o Educandário Espírita Francisco Thiesen.

Escola Estadual Welder (Bairro Eldorado) – será polo para a Escola Municipal Joaquim de Brito Paranaguá e o CEI Santa Clara.

Escola Espírita André Luiz (Morada do Sol 2) – será polo para a Escola Municipal Dr Cezar Belmino Barbosa Evangelista e o CEI Profª Edília Moraes Soares.

Escola Estadual José Alves de Assis (Setor São Miguel) -será polo para a Escola Municipal Meu Castelinho e o CEI Vovô Jorge Frederico.

Escola Estadual Rui Barbosa (Bairro Jk) – será polo para a Escola Municipal Manoel Lira.

Escola Paroquial Luiz Augusto (Bairro São João) – será polo para as Escolas Municipais Santa Luzia e Salomão Cardoso e o CEI Nossa Senhora dos Milagres.

Escola Estadual Girassol de Tempo Integral Sancha Ferreira (Setor Tenorte) – será polo para as Escolas Municipais Casemiro Ferreira e Vereador Raimundo Falcão Coelho.

Escolas da Zona Rural – A entrega será feita obedecendo a rota dos ônibus escolares, nos pontos onde os alunos embarcam. As escolas da Zona Rural são: Escola do Campo; Fazenda Bavisa; Cândido Barreira Guimarães; Duque de Caxias; José Dias Carneiro; José Nogueira; José Ribeiro dos Santos; Núcleo de Produção Agrícola; Pedro Segundo da Rocha; Santa Rosa; Santa Tereza; Santos Dumont; União; e Divino Pai Eterno. 9Jesuino Santana Jr.)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

Tocantins tem saldo positivo de 2.040 empregos em agosto

Publicado

em

O Estado do Tocantins fechou o mês de agosto com saldo positivo de 2.040 postos de trabalho de acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) publicado nessa quarta-feira, 30.  O resultado é a diferença entre os 5.822 admitidos e 3.782 desligados no período citado.  

A gerente do Observatório do Trabalho, setor ligado ao Sistema Nacional de Emprego (Sine) e à Secretaria de Estado do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), Willany Bezerra, ressalta que já é o terceiro mês consecutivo em que o Estado apresenta números positivos na geração de empregos formais, o que aponta uma reação do mercado de trabalho frente à crise econômica provocado pela pandemia do novo Coronavírus. Confirmando a análise, a gerente destaca o acumulado do ano. De janeiro a agosto de 2020, houve 35.393 admissões e 34.115 demissões no Estado, com resultado de 1.278 postos de trabalho abertos. “Mais uma vez o setor da construção civil deu uma importante contribuição para o saldo positiov em nosso estado. Quando a reação da economia reflete na geração de empregos isso significa qualidade de vida para população, o que é o grande compromisso do Governo do Estado”, explica a gerente.

Ranking Nacional

Em relação aos demais estados do Brasil o Tocantins ficou em 7º lugar como o que mais gerou empregos de janeiro a agosto de 2020, são 1.278 postos, resultado de 35.393 admissões e 34.115 demissões no período considerado. Trata-se de valores absolutos.

Setores que mais empregaram

Os setores da economia que mais contribuíram para o saldo estadual positivo foram a Construção Civil com saldo positivo de 675 novos postos de trabalho aberto, seguido do Comércio, Reparação de Veículos Automotores e Motocicletas, com saldo positivo de 613 postos, e em terceiro lugar o setor de Informação, Comunicação e Atividade Financeira, Imobiliária, Profissionais e Administrativas com saldo de 276 novos postos abertos.

Dados de Palmas

Na Capital, de acordo com o Caged de agosto, o número de contratações foi 2.240 e de desligados 1.506, gerando um resultado de 734 novos postos de empregos abertos.

O setor da economia com melhor saldo de empregos em Palmas foi Administração Pública, Defesa e Seguridade Social, Educação, Saúde Humana e Serviços Sociais, com saldo de 207 postos, seguida pelo setor de Comércio Reparação de Veículos Automotores e Motocicletas com 198 postos e Informação, Comunicação e Atividade Financeira, Imobiliária, Profissionais e Administrativas com saldo de 165. A Construção Civil fechou o mês de agosto com saldo de 106 postos de emprego na capital.

Trabalhadores têm o apoio do Sine para recolocação no mercado

Segundo o diretor do Sine Tocantins, José Alberto (Gordo), o Governo do Tocantins, por meio da Setas e Sine, tem buscado amparar os trabalhadores que perderam o emprego em consequência da pandemia do novo Coronavírus. “Temos buscado meios de continuar oferecendo nossos serviços à população. Os dados revelam que o mercado está reagindo e o trabalhador pode contar com o Sine para conseguir um novo emprego. No momento, esses serviços não podem ser presenciais, mas são disponibilizados endereços de e-mail e números de WhatsApp para que as pessoas atualizem seus cadastros e concorram às vagas disponíveis no sistema do Sine”, explica o diretor.

Diariamente, o Sine Tocantins intermedeia uma média de 300 vagas em seus nove postos no Estado. Nesta quinta-feira, 1°, são 438 vagas disponíveis no painel do Sine, sendo 84 em Palmas. Na região de Taquaralto, estão cadastradas 20 vagas; 132 em Araguaína; 62 em Paraíso; 25 em Guaraí; 36 em Porto Nacional; 52 em Gurupi; 23 em Araguatins; e 4 em Dianópolis.

Como acessar o painel de vagas do Sine

Para conferir, diariamente, a oferta de vagas nos nove postos do Sine Tocantins acesse o site da Setas https://setas.to.gov.br/vagas-de-emprego/ou as redes sociais –  Facebook @setasTo,   Instagram Setas Tocantins.

Como concorrer às vagas por aplicativo

Os trabalhadores interessados em concorrer às vagas podem se encaminhar pelo Aplicativo Sine Fácil seguindo o passo a passo no https://setas.to.gov.br/trabalho/passo-a-passo-aplicativo-sine-facilhttps://setas.to.gov.br/trabalho/passo-a-passo-aplicativo-sine-facil

Caso o trabalhador se interesse por alguma das vagas ou deseje ver as oportunidades que se enquadram melhor em seu perfil profissional, é possível atualizar o seu cadastro e pedir a carta de encaminhamento pelos seguintes contatos.

Em Palmas, pelo WhatsApp: 3218-1957 ou e-mail: [email protected]; em Paraíso, pelo WhatsApp (63) 3602-3340 ou e-mail: [email protected]; e em Gurupi, pelo WhatsApp (63) 3351-2477 ou e-mail [email protected]

Telefones demais unidades

Taquaralto: 3218 1962, 32181936; Araguaina: 3414-3634; Araguatins: 3474-1100; Porto Nacional: 3363-2717; Guaraí: 3464-1710; Dianópolis: 3692-1628.

Lembrete

O Sine informa que não está realizando nenhum atendimento presencial em virtude das recomendações de saúde decorrentes da pandemia do novo Coronavírus. (Lara Cavalcante)

Continue lendo

Tocantins

Tocantins autoriza reabertura de parques, visitas em presídios e hospitais e mantém suspensão das aulas presenciais até 31 de outubro

Publicado

em

Diante da queda do número de casos notificados e de óbitos em razão da Covid-19, o Governo do Tocantins autorizou a reabertura de parques estaduais, o retorno das visitas à unidades prisionais e socioeducativas e nos hospitais da rede pública, e manteve, até 31 de outubro, a suspensão das aulas presenciais para os alunos dos Ensinos Médio e Superior e a jornada de 6 horas para os servidores públicos.

O Decreto nº 6.159, que traz as novas medidas, será publicado no  Diário Oficial do Estado (DOE), edição desta quarta-feira, 30. Segundo o texto, mesmo com o retorno das atividades, todos os protocolos de segurança em saúde devem ser mantidos tanto pelos entes públicos quanto pelos cidadãos.

“São medidas que visam à retomada da economia do setor do turismo que foi muito prejudicado nessa pandemia. Assim, o setor volta a gerar emprego e renda para essas comunidades. Além disso, devolvemos ao cidadão o direito de visitar quem está privado de liberdade ou de acompanhar seu ente que está internado no hospital. E, na Educação, a gente assegura aos formandos do 3º ano, o direito de concluir o ensino médio e cursar uma faculdade. Mas, é claro, sem deixar de seguir todas as medidas de segurança para evitar a propagação dessa doença. O cenário já foi mais crítico, os casos diminuíram, precisamos retomar as atividades e continuar nos cuidando”, pondera o governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse.

Aulas Presenciais

Conforme o Decreto, a suspensão das aulas presenciais continuará mantida até o dia 31 de outubro para os alunos do 3º ano do Ensino Médio e para os estudantes do Ensino Superior, tanto de instituições públicas quanto particulares. Ou seja, o retorno das aulas presenciais para os alunos do 3º ano do Ensino Médio e do Ensino Superior deve ocorrer a partir de novembro, podendo ser ofertado também na modalidade não presencial. O calendário escolar para esses alunos ainda será definido e divulgado posteriormente. Já para as demais séries, as aulas presenciais permanecerão suspensas. 

O Decreto incumbe às instituições responsáveis pela oferta desses ensinos, a responsabilidade de cumprir todos os protocolos de saúde, a serem editados pela Secretaria Estadual de Saúde, com a cooperação da Secretaria Estadual da Educação, Juventude e Esportes. Esses protocolos visam assegurar aos estudantes e servidores a segurança no ambiente educacional, quando do retorno das aulas presenciais após o término da suspensão. 

Outras medidas complementares deverão ser adotadas pelos municípios, órgãos reguladores dos sistemas de ensino e mantenedoras das instituições privadas, quanto à reorganização dos calendários escolares e o devido retorno às atividades.

Parques Estaduais

Ainda conforme o Decreto, a partir desta quarta, 30, estão permitidas as visitações turísticas aos seguintes parques estaduais: Parque Estadual do Cantão (Trilha do Cega Machado, Trilha do Ferrugem e Varjão do Murici, Trilha do Lago Rico e Trilha do Lago de Dentro); Parque Estadual do Jalapão (Cachoeira da Velha, Prainha da Cachoeira da Velha, Dunas e Trilha do Espírito Santo); Parque Estadual do Lajeado (Trilha do Mirante das Mangabeiras, Trilha do Mirante da Onça, Trilha do Brejo Comprido e Trilha da Matinha); e ao Monumento Natural das Árvores Fossilizadas (Trilha da Andradina, Trilha da Buritirana e Trilha do Neco).

Sistema prisional

O Decreto autoriza também as visitas às unidades prisionais e socioeducativas e aos hospitais da rede públicas, sendo que os protocolos e normativas para que as mesmas possam acontecer deverão ser regulamentadas, de forma individual ou conjunta, pelas Secretarias de Estado da Segurança Pública, da Cidadania e Justiça e da Saúde.

Jornada de 6 horas

Quanto à jornada de trabalho dos servidores públicos estaduais, o Decreto mantém a redução de 8 para 6 horas, também até o dia 31 de outubro, cabendo aos dirigentes dos órgãos a organização das escalas para evitar aglomeração de pessoas nas repartições públicas. 

O trabalho de forma remota continua assegurado, também até o dia 31 de outubro, para os seguintes servidores: idosos com idade igual ou superior a 60 anos; gestantes e lactantes; aqueles que mantenham sob sua guarda criança menor de um ano; e portadores de doenças respiratórias crônicas, cardiopatias, diabetes, hipertensão ou outras afecções que deprimam o sistema imunológico.

Revogação

Algumas medidas previstas anteriormente foram revogadas como a vedação da circulação do transporte coletivo urbano e rural e intermunicipal de passageiros, público e privado, que exceda a metade da capacidade de usuários sentados; e o afastamento do trabalho quando em regresso de viagem. (Vania Machado)

Continue lendo

Tocantins

Tocantins confirma mais 9 mortes por Covid-19 nesta quarta, 30

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que nesta quarta-feira, 30 de setembro, foram contabilizados 597 novos casos confirmados para Covid-19 e 9 mortes.

Deste total, 265 foram registrados nas últimas 24 horas e o restante por exames coletados em dias anteriores e que tiveram seus resultados liberados na data de ontem.

Desta forma, hoje o Tocantins registra um total de 206.289 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 68.003 casos confirmados da doença. Destes 51.924 pacientes estão recuperados e 15.140 estão ainda ativos (em isolamento domiciliar ou hospitalar), além de 939 óbitos.

Clique AQUI e veja o boletim detalhado.

Continue lendo
publicidade Bronze