Connect with us

Tocantins

ARAGUAÍNA: Dimas faz nova intermediação para regularização de lotes no Setor Alto Bonito

Publicado

em

O prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas, reuniu em seu gabinete na manhã desta segunda-feira, 5, representantes do Ministério Público, Defensoria Pública, Câmara de Vereadores, Prefeitura, proprietário e ocupantes para intermediar novamente a regularização de 173 lotes no Setor Alto Bonito, ocupados desde 2001. Após a reunião, que durou mais de quatro horas, a negociação avançou com redução de 10% no valor da entrada e parcelamento do pagamento para evitar a reintegração de posse da área, já pedida pela Justiça.

“Junto ao proprietário da área houve um avanço desde as primeiras intermediações já que o proprietário só aceitava pagamento dos lotes à vista. Na negociação de hoje, a entrada no valor de cada lote passou de R$ 10 mil para R$ 9 mil e com parcelas de R$ 500 ou de acordo com a renda de cada família”, informou Dimas.

O presidente do Setor Alto Bonito, Kaique Aparecido de Lima, agradeceu o apoio do Município, Defensoria Pública, Ministério Público e Câmara Municipal. “Estamos muito gratos pela intermediação do prefeito, promotores, defensores e vereadores pela disponibilidade, já que o proprietário antes não aceitava nenhum acordo e agora ele está aberto a parcelamento e negociações”.

Participaram ainda da reunião o promotor de Justiça Tarso Rizo Oliveira; o defensor público Luís da Silva Sá; o procurador do Município, Gustavo Fidalgo; os secretários municipais Simão Moura, da Infraestrutura; Fabiano Souza, da Fazenda; e Marcus Marcelo de Barros, chefe de Gabinete; o superintendente da Habitação, Danilo Leite; os vereadores Edmar Leandro da Conceição e Terciliano Gomes; os assessores da Defensoria Jefferson Henkede de Sousa e Panmela Rudimila Menezes; a vice-presidente do bairro, Mariza Gomes de Sousa; e os moradores Edilene Nunes, Nailma dos Santos e Maria Ivaneide Rodrigues.

Próximo passo

Após a intermediação, os ocupantes que concordarem com a proposta do proprietário do loteamento deverão entrar com pedido de conciliação junto ao Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) ou por meio da Defensoria Pública.

“Isso não impede nenhuma família de solicitar a audiência de conciliação e analisar caso a caso, de acordo com a possibilidade de cada uma. Se não entrarem com o pedido de conciliação, estando o Ministério Público e Defensoria cientes, a ação de reintegração de posse continua valendo”, lembrou o prefeito.

Desconto em impostos

Entre as ações realizadas pela Prefeitura, está ainda a redução do Imposto Sobre Transmissão de Imóveis (ISTI) aos moradores de baixa renda. “Caso haja acordo, enviaremos à Câmara projeto de lei para conceder a redução e eles possam pagar apenas um valor simbólico”, afirmou o prefeito.

Outra ação proposta pela Prefeitura é a isenção de juros e multas em relação ao Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) em atraso desde 2001. Dimas falou que, se o proprietário do loteamento aceitar a proposta de redução da entrada para R$ 6 mil, será realizado parcelamento do tributo às famílias de baixa renda.

A Prefeitura fez o levantamento de cada lote pela Secretaria da Habitação e fará o levantamento socioeconômico das famílias nas próximas semanas.

Proposta com redução

Segundo o proprietário, Fabiano Ferraz, o parcelamento só foi possível após as intermediações. “Estou fazendo o parcelamento, mas não precisaria, estou aberto a negociações nesse sentido. Se for pagamento à vista, pode ser feito no meu escritório, a prazo será via Cejusc”.

O proprietário ainda deu a opção aos ocupantes de abatimento nas parcelas, caso a entrada seja maior que R$ 9 mil.  Ficou acordado também que as parcelas serão fixas e sem juros. A primeira parcela poderá ser paga em 60 dias após o acordo na Justiça. (Thatiane Cunha/Fotos: Marcos Filho Sandes)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

BRK Ambiental divulga ruas que serão interditadas para obras de esgoto em Araguaína e Colinas

Publicado

em

A BRK Ambiental, empresa responsável pelos serviços de saneamento em 47 cidades do Tocantins, está realizando a implantação de redes de esgoto em novas áreas de Araguaína e Colinas do Tocantins, na região norte do estado. 

Durante os trabalhos, ruas e avenidas serão interditadas para a segurança dos motoristas, pedestres e trabalhadores. As interdições ocorrem das 07h às 18h. Confira os setores com ruas e avenidas que serão interditadas, e opte por transitar em vias alternativas.

Setor Tocantins em Araguaína

Segunda-feira (19)

Rua das Samambaias

Terça-feira (20)

Rua Araça

Rua das Malvas

Quarta-feira (21)

Rua das Sempre-Vivas

Setor Santo Antônio em Colinas do Tocantins

Segunda-feira (19)

Rua Goiás entre as Ruas Santos Dumont e Pachorel

Terça-feira (20)

Rua Joviano Manoel de Oliveira entre as Ruas das Flores e Goiás

Rua Domingos Rodrigo Coelho entre Rua das Flores e Gurupi

Quarta-feira (21)

Avenida Santos Dumont entre as Ruas das Flores e Gurupi

Rua Gurupi entre Avenida Santos Dumont e Rua Pachorel

Quinta-feira (22)

Avenida Santos Dumont entre ruas Gurupi e Cuiabá

Rua Cuiabá entre Avenida Santos Dumont e Rua Araguaína

Sexta-feira (23)

Avenida Santos Dumont entre as Ruas Cuiabá e São Francisco

Rua São Francisco entre Avenida Santos Dumont e Rua Araguaína

Sábado (24)

Avenida Santos Dumont entre as Ruas São Francisco e São João

Ruas Luiz Alves Guida entre Avenida Santos Dumont e Rua Araguaína

Continue lendo

Tocantins

No Tocantins, “capangas” mantêm mulher refém por conta suposta dívida contraída pelo marido

Publicado

em

Uma ação conjunta de combate à criminalidade, deflagrada pela Polícia Civil do Tocantins, na tarde desta segunda-feira, 19, por policiais civis da 6ª e 8ª Divisões Especializadas de Combate ao Crime Organizado (DEICS de Paraíso do Tocantins e Gurupi), resultou nas prisões em flagrante de cinco homens pela prática, em tese, do crime de extorsão mediante sequestro. Na oportunidade, os policiais civis encontraram e libertaram a vítima que estava em poder do grupo no momento em que eles chegavam à cidade de Gurupi.

De acordo com os delegados Hismael Athos (6ª DEIC de Paraíso) e Rafael Falcão (8ª DEIC de Gurupi), as investigações tiveram início em Paraíso após funcionários de um hotel daquela cidade perceberem que na manhã desta segunda-feira, 19, uma hóspede havia sido arrebatada ainda no interior daquele estabelecimento por cinco homens, sendo um deles policial Civil do estado do Maranhão.

De imediato, a Polícia Civil iniciou as diligências, e constatou que o grupo, que estava em dois carros, havia tomado como destino a cidade de Gurupi. Por meio de levantamentos, os policiais civis da 6ª DEIC apuraram que o objetivo do bando era entrar em contato com uma cunhada da vítima e exigir o pagamento de uma suposta dívida contraída pelo marido da sequestrada, como forma de libertá-la.

De posse das informações, os policiais civis da 6ª DEIC acionaram os policiais da 8ª DEIC de Gurupi, que imediatamente entraram no caso e logo em seguida, localizaram os veículos entrando na cidade, sendo os mesmos abordados logo em seguida.

Ao ser ouvida pela autoridade policial, a vítima confirmou que era coagida a pagar a dívida do marido e seguida por um dos sequestradores desde o último sábado, 17. No entanto, na manhã de hoje foi arrebatada em um hotel de Paraíso do Tocantins e permaneceu em poder dos cinco conduzidos, os quais lhe ameaçaram inclusive com uma arma de fogo, colocando-a em um carro e trazendo para Gurupi contra a sua vontade.

A vítima narrou ainda que desde o último sábado, 17, era mantida como refém e para ter sua liberdade, deveria pagar a dívida contraída pelo seu esposo que é corretor de grãos. Ainda segundo os delegados, a vítima relatou que nesta segunda-feira, sequer se alimentou, pois foi colocada num veículo juntamente com os sequestradores e seguiram para Gurupi, onde eles ligaram para sua cunhada cobrando o dinheiro do resgate para realizar sua libertação.

Após buscas nos automóveis abordados, a equipe da 8ª DEIC Gurupi encontrou uma pistola calibre .40, várias munições do mesmo calibre, bem como a quantia de R$ 3.386,10 e aparelhos celulares. Na sequência da ocorrência, também foi possível constatar que a cunhada da vítima foi contatada pelos conduzidos, tendo confirmado que eles exigiam o pagamento de valores para que a vítima fosse colocada em liberdade.

Diante dos fatos, os envolvidos foram conduzidos para Central de Flagrantes de Gurupi onde foram autuados em flagrante pelo crime de extorsão mediante sequestro. Se condenados, podem pegar uma pena de até 20 anos de reclusão. Após a realização das providências legais cabíveis, os indivíduos foram recolhidos a Casa de Prisão Provisória de Gurupi, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário. (Rogério de Oliveira)

Continue lendo

Tocantins

ARAGUAÍNA: Município registra menor número de casos ativos da Covid-19 desde o mês de maio

Publicado

em

Os dados divulgados na ultima sexta-feira pela Secretaria Municipal da Saúde por meio do boletim epidemiológico mostram uma queda constante no número de novos infectados pela covid-19 em Araguaína. De acordo com os dados, o número de casos confirmados por semana, que chegou a atingir 1.219 no período de pico da pandemia, teve uma redução de mais de 86%, registrando apenas 167 na última semana.

Os novos casos que necessitem de internação estão sendo encaminhados para o prédio da primeira etapa do Hospital Municipal Eduardo Medrado (HMEM), inaugurado na semana passada, que está atualmente funcionando como unidade referência para tratamento de pacientes com covid-19, com capacidade de 20 leitos em unidade de terapia intensiva (UTI) e 40 leitos clínicos.

“Nós estamos chegando em um momento importante de redução no número de casos que já era esperado devido a quantidade de pessoas que já venceram o vírus em Araguaína. Mas essa redução só foi possível com o cumprimento de todas as medidas de combate que temos realizado desde o início da pandemia”, afirmou o superintendente da Vigilância em Saúde, Eduardo Freiras.

Grupos mais atingidos

Os gráficos também apontam os grupos por faixa etária que foram mais atingidos pelo vírus em Araguaína, destacando as pessoas entre 30 e 39 anos, com 25% dos casos na cidade, seguidos do grupo entre 20 e 29 anos com 23,6%.

Apesar da queda também na média de novas mortes por semana, que atualmente está abaixo da margem de erro de +15%, o Município alerta para o número de óbitos de pessoas sem nenhum tipo de comorbidade, como doenças respiratórias crônicas, que foi o maior até agora, destacando a importância da prevenção mesmo com os índices positivos.

“A população precisa estar ciente que ainda há riscos, podendo haver uma nova onde de infecções, por isso é importante manter todas as medidas preventivas, como uso de máscaras e higienização das mãos, até que tenhamos uma vacina”, alertou Eduardo Freiras.

Cuidados importantes

O novo coronavírus é transmitido de pessoa a pessoa, por meio de gotículas de saliva ou secreção nasal quando uma pessoa infectada tosse ou espirra. Como até o momento não existe uma vacina ou tratamento específico para a covid-19, a recomendação dos órgãos de Saúde ainda é o isolamento domiciliar de todos os casos suspeitos ou confirmados por 14 dias após o início dos sintomas.

Em caso de aparecimento de sintomas leves, como febre até 38 graus, coriza, espirro e tosse seca, o morador deve procurar uma das unidades básicas de saúde (UBS) de referência: Albeny Soares e José Rezende. O paciente ainda pode entrar em contato com o médico pelo Telecovid 63 9105-3625.

Continue lendo
publicidade Bronze