Durante 18 meses o SENAR realizou Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) na chácara São José, do produtor Valdir Silva, no município de Araguatins, no Bico do Papagaio. O acompanhamento adequado transformou a atividade principal da propriedade, que é a bovinocultura de leite.

Segundo o técnico de campo do SENAR, José Araújo Veras, foram realizadas várias ações durante os meses de ATeG: “fizemos o planejamento da propriedade e tivemos que adequar a estrutura, investindo na perfuração de um poço artesiano, pois a propriedade não tinha água suficiente para o rebanho e nosso pensamento era disponibilizar água de qualidade aos animais. Outra ação foi a divisão da propriedade em piquetes para trabalharmos com sistema de pastejo rotacionado”, relembra.

O produtor tirava 30 litros de leite por dia e o sonho era chegar aos 50 litros, melhorando sua renda. “Entre tantas mudanças nesses meses, uma delas foi a adequação do manejo alimentar, a partir daí minha meta foi atingida. Em época de seca tenho uma produção de 112 litros por dia.”, comemora.

Com 20 animais, hoje o produtor continua na atividade de bovinocultura de leite produzindo cerca de 120 litros na época da chuva e 112 litros na época da seca.

 “Fiz financiamento e através da minha renda do leite consegui pagar e fui investindo todo o dinheiro na atividade. A alimentação do gado era só no pasto e hoje tenho silagem para alimentar todo o rebanho nos 4 meses de seca. Agora quero melhorar a genética dos animais para produzir mais leite com poucos animais.”, finaliza.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.