Connect with us

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Força-Tarefa do Governo do Tocantins entrega mais de 400 cestas básicas a famílias de assentamentos

Publicado

em

O Governo do Tocantins deu início nessa quarta-feira, 9, à segunda etapa de entrega de cestas básicas às famílias de assentamentos rurais que tiveram sua produção e renda comprometidas pela pandemia do novo Coronavírus. A ação emergencial, realizada pelo Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) em apoio à Secretaria Estadual do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), começou novamente pela região do Bico do Papagaio, atendendo, nesse primeiro dia, 466 famílias rurais do município de Araguatins. Serão 6.559 famílias contempladas com as cestas até o dia 19 de dezembro.

Com uma logística diferente de entrega, nesta etapa os produtores aguardam em ponto específico a distribuição dos alimentos, que é feita a um membro de cada família assentada, e com apresentação de seus documentos pessoais. São 10 camionetes, uma carreta e quatro caminhões baús percorrendo a região para atender todas as famílias de assentamentos do extremo norte do Tocantins. E quem está acompanhando de perto a ação é o novo presidente do Ruraltins, Fabiano Miranda, reforçando que esta ação é prioridade do Governo do Tocantins neste momento de pandemia.

“Estamos nessa missão em parceria com a Setas na entrega desses alimentos às famílias rurais mais vulneráveis como forma de demonstrar a preocupação do governador Mauro Carlesse a quem está há tanto tempo em isolamento, deixando de vender seus produtos, deixando até mesmo de produzir e garantir a alimentação nutricional da família. O Ruraltins, através da regional de Araguatins, está à disposição para auxiliar esses produtores no que for necessário para retomarem sua atividade”, afirmou o gestor.

O gestor da Setas, José Messias Araújo, também explica que as cestas básicas são uma forma do Governo do Tocantins ajudar os agricultores familiares tocantinenses. É uma determinação do governador Mauro Carlesse que as famílias mais necessitadas do nosso Estado sejam amparadas. E nessa etapa, nós estamos iniciando o atendimento nos assentamentos do Bico, em 193 assentamentos de 25 cidades. É determinante que a nossa equipe esteja muito bem engajada para que o alimento chegue a todas às famílias assentadas da região. E essa parceria com o Ruraltins é essencial em função da logística, por ser um órgão que trabalha diretamente com este público”, enfatizou.

O presidente da Associação do Projeto de Assentamento Ronca de Araguatins, José Rodrigues da Silva, foi um dos representantes que reuniu, com satisfação, os moradores da associação para receberem os alimentos do Governo. “Esta cesta é muito bem-vinda neste momento, nós temos vizinhos que por causa da idade, por ser do grupo de risco, deixou de sair para vender o seu produto, e essa cesta ajuda demais. Eu fico muito agradecido por essa ajuda, porque eu estou olhando não só para mim, mas para todos que aqui precisam”, relatou.

Além de Araguatins, a ação vai ocorrer também nos municípios de Ananás, Aguiarnópolis, Angico, Augustinópolis, Axixá, Buriti, Cachoeirinha, Carrasco Bonito, Darcinópolis, Esperantina, Itaguatins, Luzinópolis, Maurilândia, Nazaré, Palmeiras do Tocantins, Praia Norte, Riachinho, Sampaio, São Bento, São Miguel, São Sebastião, Sítio Novo, Tocantinópolis e Santa Terezinha.

Transparência e controle

A aquisição e a distribuição das cestas básicas, por compra direta, fazem parte da ação emergencial do Governo do Tocantins para minimizar os efeitos da pandemia nas famílias mais vulneráveis do Estado. Os recursos são oriundos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep-TO) e de emendas parlamentares de deputados estaduais.

Os processos referentes às aquisições e aos contratos realizados no contexto da Covid-19 estão disponíveis no Portal da Transparência pelo endereço http://www.transparencia.to.gov.br. Para consultar, acesse na página principal a aba azul – Consulta Contratos Emergenciais -, e a aba verde – Gráficos dos Empenhos e Pagamentos -, e informe-se sobre todos os trâmites.

É importante ressaltar que compras diretas, ou seja, sem licitação, estão autorizadas pela Lei Federal n° 13.979/2020 – de enfrentamento à Covid-19, somente para atender a situação emergencial provocada pela pandemia.

Legislação federal e estadual referente a este contexto está disponível para consulta no site da Controladoria-Geral do Estado (CGE-TO) pelo link http://ww.to.gov.br/legislacao/legislacao-aplicada-a-covid-19. (Edvânia Peregrini)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Motoqueiro bate em bicicleta na Vila Miranda

Publicado

em

Nesta manhã de quarta, 12, um segundo acidente de trânsito envolvendo motocicleta foi registrado na cidade de Araguatins, no Bico do Papagaio.

Desta vez, o fato foi registrado na Vila Miranda, na Rua Antônio Fernandes. Um motociclista atingiu um vendedor de lanches que estava em uma bicicleta cargueira. Populares relataram que o condutor da motocicleta aparentava sinais de embriagues.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Dupla invade casa no Centro do Jacob e furta idoso

Publicado

em

A Polícia Militar (PM) prendeu na manhã de terça-feira, 11, um indivíduo de 19 anos e apreendeu um menor de 17 anos, acusados de invadirem a residência de um homem de 61 anos, e furtarem uma mala contendo dinheiro, roupas, perfumes, dentre outros objetos, localizada no povoado Centro do Jacob, em Araguatins, no Bico do Papagaio.

Equipe de policiais militares foi chamada para ir até ao local após o recebimento de denúncia formulada por um parente da vítima, dando conta de que os suspeitos haviam arrebentado a janela da casa e subtraído uma mala do idoso contendo vários objetos, entre eles, dinheiro.


De imediato a PM fechou o cerco e conseguiu localizar o primeiro suspeito, o adolescente de 17 anos. O menor infrator estava em sua residência quando foi apreendido pela guarnição e acabou confessando o furto aos policiais militares. Em poder do menor a PM localizou uma quantia de R$ 1.000,00 reais em espécie escondida no bolso do seu short.

O menor ainda declarou a PM que havia repassado uma quantia de R$ 182,00 reais em espécie para o comparsa da ação criminosa, o suspeito de 19 anos, que também acabou sendo preso pelos policiais militares teve o dinheiro apreendido.

O autor declarou a PM que parte dos objetos furtados havia sido dispersos nas proximidades de um matagal que dava acesso ao povoado Centro do Jacob. Os policiais encontraram R$ 17,60 em moedas, além da mala baú, contendo os objetos. Os envolvidos foram apresentados juntamente com os materiais na Delegacia de Polícia para os demais procedimentos cabíveis.

Continue lendo

Bico do Papagaio

Gestores do Bico recebem orientações para Conferências de Assistência Social 2021

Publicado

em

O Conselho Estadual de Assistência Social (Ceas) realizou na manhã desta terça-feira, 11, uma reunião de orientação sobre as temáticas e organizações para as Conferências Municipais de 2021. As orientações são direcionadas aos conselheiros e secretários executivos dos Conselhos Municipais de Assistência Social (CMAS) de municípios do Bico e outras regiões do estado. tocantinenses.

O encontro tratou dos procedimentos necessários para a realização das conferências a serem realizadas em cada localidade, destacando a metodologia e os instrumentais que devem ser utilizados antes, durante e após as conferências municipais. São conhecimentos necessários para a elaboração dos relatórios e regimentos internos das conferências.


As datas para a realização das conferências nos municípios vai até 30 de julho, e as conferências estaduais devem acontecer de 2 de agosto até 30 de outubro.

O tema para as conferencias 2021 é “Assistência Social: Direito do povo e dever do Estado, com financiamento público, para enfrentar as desigualdades e garantir proteção social”.

Dentro dessa temática principal serão discutidos cinco eixos, com o propósito de construir propostas aos municípios, ao Estado e à União. O Plano de Assistência Social toma por base, entre outros instrumentais, as deliberações postas nas conferências, e são essas propostas que norteiam os gestores municipais, estaduais e do Governo Federal em seus planejamentos e nas tomadas de decisões.

s conferências de assistência social são instâncias de caráter deliberativo e têm como maior finalidade avaliar e concretizar os avanços conquistados na política pública de assistência social, e também apresentar orientações, definindo diretrizes e aprimoramentos do SUAS. As conferências acontecem a cada quatro anos de forma ordinária e extraordinariamente a cada dois anos.

A Conferência de Assistência Social envolve três etapas. As conferências municipais, as estaduais e a nacional. A Nacional está prevista para dezembro. As deliberações da Conferência Municipal são enviadas para os Estados e as deliberações das Conferências Estaduais são enviadas para a Conferência Nacional. Os delegados que participarão da Conferência Nacional são escolhidos na Conferência Estadual. Por esses passos democráticos a Conferência Nacional é um momento único com vários representantes e atores de todos os lugares do Brasil. (Com informações de Cláudio Duarte)

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze