Connect with us

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Grupo questiona Audiência Pública do MPE e aluguel do Governo

Publicado

em

Sem título

Lideres araguatinenses estranharam a iniciativa do Ministério Público Estadual (MPE), de Augustinópolis, em não convidar nenhum representante da Prefeitura Municipal, sociedade civil ou Câmara Municipal, para participar da Audiência Pública que debaterá a transferência provisória de parte do atendimento do Hospital Regional de Augustinópolis para Araguatins.

O MPE realiza o evento nesta quarta-feira, 18, às a partir das 9h, na Câmara Municipal de Augustinópolis e convidou representantes dos municípios de Augustinópolis, São Sebastião do Tocantins, Esperantina, Carrasco Bonito, Praia Norte e Sampaio.

O grupo araguatinense pediu para que nomes não fossem mencionados na reportagem, para que o ato não tome conotação política e criticou a postura da promotoria. “É inadmissível se propor uma reunião dessas sem convidar representantes de Araguatins. Essa transferência vem se arrastando há tempos, daí o MPE vai debater o assunto e não chama o município recebedor para discutir?”, questionou um dos membros do grupo.

Outro ponto questionado é a demora na transferência do hospital, que se arrasta há mais de um ano. O grupo apontou que o Governo do Estado paga desde junho deste ano, o aluguel do Hospital Nossa Senhora Aparecida, mas nunca colocou a unidade de saúde para funcionar. O grupo apresentou cópia do Diário Oficial do Estado, que comprova que a Secretaria de Estado da Saúde (SESAU), firmou um contrato de locação do imóvel para funcionamento dos serviços de obstetrícia e pediatria do Hospital de Referência de Augustinópolis, no valor de R$ 264.000,00 (duzentos e sessenta e quatro mil reais), totalizando R$ 22 mil (vinte dois mil reais) por mês, mas até agora nenhum serviço foi implantado no local. “Olha o contrato é de 12 meses e já se passaram 6, ou seja, a metade do contrato já foi cumprida e o hospital não funciona”, comentou o grupo que questionou, “Seria importante o promotor realmente agir de forma prática e cobrar do Governo esse dinheiro que até agora não teve retorno prático para a população do Bico e de Araguatins. O Governo fala em conter gastos, mas já jogou fora seis meses de aluguel que totalizam mais de R$ 130 mil”.

“É importante lembrar aqui, que ninguém é contra o aluguel do Hospital Nossa Senhora Aparecida, aliás, entendemos que é o único lugar adequado para receber e prestar os serviços à população. O que não admitimos é o Governo ficar enrolando, gastando dinheiro publico com aluguel e não prestar o serviço para a população. Isso mostra incompetência”, finalizou o grupo.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
7 Comments

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Inscrições para Vestibular 2021 do IFTO começam nesta segunda, 30

Publicado

em

O Instituto Federal do Tocantins (IFTO) lança nesta sexta-feira, 27, o Edital do Vestibular Unificado 2021, com mais de 2 mil vagas, distribuídas entre todas as unidades. As inscrições devem ser feitas até o dia 21 de dezembro, via a Página Seja IFTO.

Não haverá provas nesta edição do vestibular, em razão da necessidade de distanciamento social, por conta da pandemia do novo coronavírus. Sendo assim, a seleção será feita via análise curricular, por isso o candidato deve ficar atento às exigências do edital, que varia conforme o curso desejado.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 20,00 para cursos de graduação e de R$ 15,00 para cursos técnicos, concomitantes e subsequentes ao ensino médio.  

Em caso de dúvidas e informações, o candidato deve entrar em contato pelo e-mail: [email protected]

Isenção da taxa de inscrição

Conforme a Lei nº 12.799/13, pode solicitar a isenção de pagamento da taxa de inscrição para o certame o candidato que comprovar: renda familiar per capita igual ou inferior a 1,5 salário-mínimo; ser egresso integralmente de escola pública ou ter sido bolsista integral em escola da rede privada; e estar inscrito no vestibular por meio do cartão de inscrição. A solicitação deve ser feita via o e-mail:  [email protected], entre os dias 1º e 8 de dezembro.

Continue lendo

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Sargento do Exército morto em acidente de trânsito é sepultado

Publicado

em

Foi enterrado neste domingo (29), em Tocantinópolis, no Bico do Papagaio, o corpo do 3º Sargento do Exército Valenttim de Oliveira, que morreu após um acidente registrado na BR-010, perímetro urbano de Palmas, na noite de sexta-feira (27).

Segundo informações da Polícia Militar, dois militares do Exército morreram e um ficou ferido, após o carro capotar na rodovia. Além de Valenttim, o cabo Jhomes Gleiton Lima também não resistiu. O corpo dele deve ser sepultado nesta segunda-feira (30), em Paragominas (PA), onde vive a família.

O terceiro militar ficou ferido e foi levado para o Hospital Geral de Palmas. A informação do Exército é que ele está bem. O cabo passou por exames e por avaliação médica e segue internado no HGP.

O acidente

A PM foi chamada para atender o acidente na noite de sexta-feira e no local, se deparou com o veículo, um monza na cor marrom, capotado. Dentro do veículo, havia um cabo do Exército preso às ferragens.

O dono do carro, também cabo do Exército estava do lado de fora com sinais vitais, mas inconsciente. O sargento Valenttim também foi encontrado fora do veículo, já sem vida.

Segundo testemunhas, o automóvel seguia no sentido sul da cidade, quando capotou. Os dois cabos foram encaminhados para o hospital, mas Jhomes Gleiton, o proprietário do veículo, acabou morrendo no Hospital Geral de Palmas.

Os militares são lotados no 22° Batalhão de Infantaria do Exército Brasileiro. Em nota, a corporação informou que os militares estavam em horário de folga e que o acidente não envolveu outro veículo.

“Face ao ocorrido, o 22º BI e seus integrantes lamentam o ocorrido e estendem suas condolências aos familiares e amigos; e informam que se mantêm prestando assistência às famílias dos militares”.

Continue lendo

Bico do Papagaio

WANDERLÂNDIA: Contenda entre irmãos termina em morte no povoado Ponta de Areia

Publicado

em

Uma discussão entre três irmãos terminou com uma morte no povoado Ponta de Areia, em Wanderlândia, no Bico do Papagaio. A Polícia Militar informou que um homem de 45 anos teria ferido a irmã mais nova, de 43 anos, e depois foi morto pela irmã mais velha, de 53 anos.

A confusão aconteceu por volta das 20h de sexta-feira (27). Quando a polícia chegou ao local encontrou o homem morto e deitado em uma rede. O sobrinho da vítima, que tem 20 anos, contou que estava em casa e acordou com os gritos da própria mãe, a mulher de 43 anos.

O jovem afirmou que a mãe tinha sido ferida com golpes de faca e tentou defendê-la, agredindo o tio com um pedaço de madeira na cabeça. Logo depois, a mulher de 53 anos chegou ao local bastante agitada e agressiva.

A irmã mais velha deu vários golpes no irmão de 45 anos, que morreu no local. A suspeita fugiu do local, mas se apresentou na delegacia da cidade durante a madrugada deste sábado (28) junto com a arma do crime.

A perícia esteve no local da morte e o corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal. A suspeita foi levada para a central de flagrantes de Araguaína. Ainda segundo a PM, o celular do sobrinho de 20 anos foi apreendido para averiguação. (G1)

Continue lendo
publicidade Bronze