Connect with us

Bico do Papagaio

Assentados compartilham histórias de vida durante entrega de alimentos pelo Governo do TO no Bico

Publicado

em

Mais de 4,9 mil famílias já foram beneficiadas com a entrega de cestas básicas pelo Governo do Tocantins em 19 municípios da região do Bico do Papagaio

Quantas histórias as imensas árvores de coco babaçu do Bico do Papagaio escondem? Os moradores de assentamentos rurais contam um pouco de suas vidas aos servidores do Governo do Tocantins que, por meio do Instituto de Desenvolvimento Rural (Ruraltins), estão entregando cestas básicas para tentar minimizar o impacto da pandemia causada pelo novo Coronavírus.

Mesmo não podendo ter muito contato ou trocar muitas palavras, os olhares dos moradores assentados já dizem tudo. A gratidão é nítida. Peles castigadas pelo trabalho árduo no sol não ofuscam a felicidade estampada no sorriso. São mais de 90 toneladas de alimentos distribuídas em assentamentos de 19 municípios do Bico do Papagaio. Com apoio da Secretaria de Estado do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas), os servidores estão indo de casa em casa para evitar a aglomeração de pessoas e diminuir risco de contaminação.

Para o presidente do Ruraltins, Thiago Dourado, as histórias da região são infinitas. “Imagina o que cada morador tem a contar? Estamos conhecendo um pouco da história da região e vimos o quanto estas famílias estão precisando, o quanto elas estão passando por dificuldade neste momento de isolamento e o quanto elas se sentiram importantes e lembradas quando chegava um carro do Governo demonstrando que o Governador Mauro Carlesse lembrou delas com a entrega destas cestas”, afirmou.

Histórias

Juanilde Silva, moradora do assentamento Santa Isabel, próximo a Esperantina, contou um pouco de sua história. Mãe de dez filhos, de resguardo da última criança, recebeu a equipe do Ruraltins enquanto lavava roupas. “Estou aqui na luta, operada, mas não posso parar, porque são muitas crianças, e cuido delas sozinhas”, relatou Juanilde Silva, que não escondeu o sorriso mesmo com toda a dificuldade.

Dona Francisca dos Santos vive em uma propriedade rodeada de netos. O local parece uma pequena vila. São quatro casas, um filho em cada uma. “Moro aqui há pouco tempo, mas nunca estou sozinha, são quase 20 netos para me fazer companhia”, conta a senhora. Ela também afirma que toma os cuidados para a prevenção do novo Coronavírus. “Tenho máscara aqui sim, só não tenho álcool em gel, porque está difícil de achar”, contou.

Balanço

São mais de 90 toneladas de alimentos distribuídos em assentamentos de 19 municípios do Bico do Papagaio

Até essa terça-feira, 12, o Ruraltins chegou a assentamentos dos municípios de Ananás, Angico, Araguatins, Augustinópolis, Axixá, Buriti, Cachoeirinha, Carrasco Bonito, Esperantina, Itaguatins, Luzinópolis, Maurilândia, Praia Norte, Riachinho, Sampaio, São Bento, São Miguel, São Sebastião e Sítio Novo.

Já foram atendidas até agora 4,9 mil famílias nesses 19 municípios. (Brener Nunes/Foto: Delfino Miranda)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Estudantes criticam suspensão de calendário acadêmico no IFTO

Publicado

em

A suspensão provisória das aulas no Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Tocantins (IFTO), decidida pelo Conselho Superior (Consup), na última segunda-feira, 25, não agradou os estudantes do câmpus de Araguatins, no Bico do Papagaio.

Os discentes alegam que as aulas estavam acontecendo de forma satisfatória via EAD e pedem que pelo menos o semestre letivo em curso, seja concluído. Segundo eles, restariam apenas 19 dias letivos, prazo que os acadêmicos pedem que seja levado até o fim, para só depois a suspensão aconteça.

O grupo de estudantes está organizando um abaixo assinado, para pressionar o IFTO a seguir com o restante do semestre letivo via EAD, reforçando que já decorreram dois meses de aulas pelo referido sistema.

Conforme a deliberação do Consup, o cronograma 2020/1 será suspenso a partir do próximo dia 1º d ejunho, com a manutenção das férias no mês de julho e o retorno das atividades de ensino no mês de agosto.

O Consup ainda definiu que a modalidade de retorno às aulas será analisada, conforme o cenário da pandemia do novo coronavírus.

Os interessados em assinar o abaixo assinado clique AQUI

Continue lendo

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Lei Seca começa nesta sexta, 29

Publicado

em

A Prefeitura de Tocantinópolis, na região do Bico do Papagaio, proibiua venda de bebidasalcoólicas, no município. O Decreto nº 26, publicado no Diário Oficial, começa a valer a partir de sexta-feira, 29 e deve durar pelos próximos 7 dias.

O decreto assinado pelo Executivo Municipal, que veta as vendas de bebidas, inclusive por meio de delivery, faz parte das medidas adotadas pelo município como forma de prevenção ao contágio do coronavírus, tendo em vista o grande aumento de casos da doença na cidade.

Os estabelecimentos que desrespeitarem a determinação estarão sujeitos à multa de R$ 395,28 a R$ 658,80. O documento ainda alerta sobre a suspensão da autorização de funcionamento para o exercício da atividade comercial, em caso de desobediência do dispositivo. 

A prefeitura irá intensificar as fiscalizações no comércio e nas ruas. A Polícia Militar está trabalhando em conjunto com a prefeitura e poderá atuar nas fiscalizações caso for necessário.

Boletim Epidemiológico

De acordo com os dados atualizados pela Secretaria Municipal de Saúde, 296 casos foram notificados. Destes, 88 foram confirmados com Covid-19; 51 apresentam sintomas e seguem em monitoramento; 10 aguardam resultado.

Até o momento, 147 casos foram descartados; 70 continuam em isolamento domiciliar; 11 estão recuperados e 3 pessoas vieram a óbito em consequência de complicações causadas pelo coronavírus em Tocantinópolis. (Ascom)

Continue lendo

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Boletim Covid-19 desta quinta, 28

Publicado

em

Continue lendo
publicidade