Connect with us

Tocantins

Audiência da Segurança Pública recebe várias sugestões em Araguaina

Publicado

em

Os trabalhos da Comissão de Segurança Pública presidida pelo deputado Sargento Aragão (PPS), teve início na noite desta quinta-feira, dia 05, nas dependências da Câmara Municipal de Araguaína. Esta é a segunda, das sete audiências que serão realizadas em todas as regionais do Estado do Tocantins visando levantar dados junto às comunidades que possam diminuir o índice de violência que ultimamente vem ocorrendo no Estado.

Na oportunidade, o Cel. Luiz Cláudio Gonçalves Benício, Comandante Geral da Polícia Militar reconheceu que o atual efetivo da PM é muito inferior às necessidades da sociedade tocantinense. “Tenho solicitado dos comandantes dos batalhões que criem alternativas para atender as ocorrências dentro do possível”, comentou. Segundo ele, o Estado do Tocantins necessita hoje de um efetivo de 7 mil e 980 policiais e hoje conta apenas com 3 mil e 980 homens.

O Comandante adiantou que está em fase final o concurso para mais 300 homens, já que o último foi realizado em 2005. Novas gestões estão em andamento junto ao governador para iniciar imediatamente outro processo de um novo concurso para efetivar mais 1000 soldados na corporação. “Nosso efetivo é velho. Vamos trabalhar junto ao Conselho Estadual de Segurança Pública, Defensoria e Ministério Público. Vou levar ao Governador, as sugestões apresentadas nas Audiências Públicas, para que possamos agilizar o processo e impedir o avanço da violência no Estado”, finalizou.

Por outro lado, a Defensora Criminal, Cristiane Japiassu sugeriu a ressocialização dos presos como alternativa para aliviar os custos da Segurança Pública. “Os presos precisam trabalhar. É necessário uma reforma no Código Penal. Cada preso custa mais de 2 salários mínimos aos cofres públicos que são alimentados com os impostos pagos pelos cidadãos”, pontuou.

Outro assunto levantado durante a Audiência da Segurança Pública em Araguaína foi a Educação. De acordo com o Promotor Criminal, Benedito Guedes, a educação é a base de tudo. “É aí que começa a formação do cidadão”. Entre vários assuntos apresentados durante o seu pronunciamento, ele adiantou que é preciso capacitar e dar estruturas de trabalho a delegados, peritos e agentes. Informou ainda que o crime organizado está instalado em Araguaína. “Aqui uma célula do Comando Vermelho está enraizado no presídio Barra da Grota. Tenho documentos que provam o que estou falando”, comentou.

Na ocasião, o delegado geral de Polícia Civil, José Herisson de Macedo rebateu a informação. “Eu desafio aqui, alguém que me aponte um único crime cometido neste Estado por Organizações Criminosas”, solicitou.

O deputado José Bonifácio (PR) cobrou um concurso imediato para a Polícia Civil. Já o deputado Zé Roberto (PT) lembrou que a maioria dos servidores públicos dos órgãos do Estado está concentrado na capital, inclusive policiais, delegados, defensores e peritos. Sugeriu a polícia na rua e investimento em inteligência. Em seu pronunciamento, o deputado Eli Borges (PMDB) afirmou que a impunidade é a cousa do aumento da violência. “Precisamos investir em tecnologia e na reformar do Código Civil. A maioridade penal precisa ser revista”, concluiu.

Os trabalhos da Comissão de Segurança Pública realizada em Araguaína foram encerrados pelo deputado Sargento Aragão, na madrugada desta sexta-feira, dia 06 de setembro. As sugestões colhidas nesta audiência farão parte do resumo final, que será discutido pelos membros da comissão e, após aprovado em plenário, será encaminhado ao Governo do Estado do Tocantins para as devidas providências. Além do presidente da Comissão, Sargento Aragão, participaram também da audiência pública os deputados, José Bonifácio, Josi Nunes, Zé Roberto e Eli Borges.(Belmiro Gregório- de Araguaína).

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

Governo do Tocantins anuncia novo concurso da Segurança Pública

Publicado

em

Conforme o secretário Cristiano Sampaio, o novo concurso é necessário devido ao fato de que 37% dos cargos da carreira da Polícia Civil encontram-se vagos.

O governador do Tocantins, Mauro Carlesse, anunciou na manhã desta quarta-feira, 3, a formação da comissão que irá preparar o novo concurso público da Secretaria de Estado da Segurança Pública. O anúncio, feito em solenidade restrita no Palácio Araguaia.

Conforme o secretário de Segurança Pública, Cristiano Sampaio, o novo concurso é necessário devido ao fato de que 37% dos cargos da carreira da Polícia Civil encontram-se vagos e à iminente aposentadoria de diversos outros policiais. 

Continue lendo

Tocantins

PF realiza operação para investigar organização criminosa suspeita de corrupção no TCE do Tocantins

Publicado

em

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta, 3, a Operação “Esopo 267”, visando desarticular organização criminosa suspeita de fraudar processos licitatórios e a execução de contratos relacionados a construção do prédio anexo do Tribunal de Contas do Estado do Tocantins.

Aproximadamente 70 policiais cumprem 13 mandados de busca e apreensão, todos expedidos pelo Ministro Og Fernandes do Superior Tribunal de Justiça, além de outras medidas de interesse da investigação, nas cidades de Palmas/TO e Goiânia/GO.

A Polícia Federal, o Ministério Público Federal e a Controladoria Geral da União constataram além dos indícios de fraude à licitação e de desvios na execução dos contratos, diversos outros elementos que apontam para o cometimento dos crimes de corrupção ativa e passiva, lavagem de ativos, evasão de divisas, além da constituição de organização criminosa por servidores públicos e empresários do ramo da construção civil.

Além da obtenção de novas provas, busca-se interromper a continuidade das ações criminosas, identificar e recuperar ativos frutos dos desvios, além de resguardar a aplicação da lei penal.

Os contratos investigados somam mais de R$ 25 milhões. A partir das movimentações financeiras suspeitas, laudos periciais e informações de campo, estima-se um prejuízo aos cofres púbicos da União superior a R$ 4 milhões.

A operação Esopo 267 faz referência a uma das versões da fábula do Lobo em pele de cordeiro, em virtude de que os ilícitos investigados estariam associados ao próprio órgão responsável por evitá-los.

Continue lendo

Tocantins

ARAGUAÍNA: BRK Ambiental realiza obra emergencial após soterramento de unidade de captação de água no setor Maracanã

Publicado

em

A BRK Ambiental trabalha na perfuração de um novo poço em Araguaína, após o soterramento de uma unidade responsável pelo abastecimento de 16 bairros da cidade. Após o incidente, a concessionária precisou desativar o poço localizado no setor Maracanã e, por isso, até que seja concluída a obra da nova unidade, a região poderá enfrentar intermitência no fornecimento de água. 

Além de dar início imediato à perfuração de um novo poço para normalizar o abastecimento, a empresa vem adotando ações emergenciais para suprir a falta desse poço durante a obra, que deve durar cerca de 45 dias. Dentre as medidas já adotadas para suprir o déficit de produção de água na região, a BRK Ambiental aumentou as horas de operação de outros poços existentes, realiza manobras nas unidades de tratamento circunvizinhas e conta com o apoio de caminhão pipa (para atender unidades de saúde, escolas e situações emergenciais específicas). 

“Nossas equipes estão mobilizadas para reduzir ao máximo os transtornos para os clientes. Além do monitoramento do abastecimento nesta região, atuamos para concluir o quanto antes a perfuração do novo poço. Até lá, contamos também com a contribuição de todos, com o uso racional de água, para evitar maiores transtornos”, destaca Álem Felipe da Silva, responsável operacional da BRK Ambiental em Araguaína. 

A empresa orienta ainda que os clientes que possuem caixa d’água devem economizar para que os níveis dos reservatórios continuem suprindo a necessidade durante o período de obra e recuperação do sistema de abastecimento. Caso o cliente precise de alguma informação, pode procurar a concessionária pelos canais de atendimento como o 0800 6440 195, disponível 24h, e o Whatsapp (11) 99988-0001, que funciona em horário comercial e apenas por mensagem. 

Os bairros impactados pela ocorrência são: Maracanã, Universitário, Setor Sul, Presidente Lula, Costa Esmeralda, Costa Esmeralda Norte, Vila Norte, Vila Couto, Jardim das Mangueiras, Bela Vista I e II, Belchior, Vila Jardim, Boa Vista, Parque Bom Viver e Setor Barros. 

Continue lendo
publicidade Bronze