- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 08 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img

AUGUSTINÓPOLIS: Enfermeira é investigada por receber frequência irregular no Hospital Regional

Mais Lidas

Foi aberta investigação por meio da Corregedoria Administrativa, da Secretaria de Administração do Estado, baseado em denúncias documentais encaminhadas à Secretaria de Estado da Saúde, que instaurou sindicância para apurar supostas irregularidades no Hospital Regional de Augustinópolis.

A denúncia é de que a enfermeira, Catiuscia Guedes Rodrigues de Sousa e Silva, teria recebido concessão de frequências indevidas, no período de 27 de julho de 2011 a 31 de dezembro 2011, não tendo exercido regularmente suas funções neste período.

Caso as denúncias se confirmem a enfermeira terá de devolver todos os salários recebidos durante o período e enfrentará processo disciplinar, assim como os responsáveis pelos envios de frequências fraudulentas.

- Publicidade -spot_img

1 Comentário

Assinar
Notificar-me
guest
1 Comentário
Mais antigo
Mais recente Mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
PEDRO BARBOSA DE SOUSA E SILVA FILHO

ATENÇÃO, ESSE FATO É PURAMENTE DE RESPONSABILIDADE DO RECURSO HUMANO DESTE HOSPITAL (AUGUSTINÓPLIS-TO), ONDE A SRA ELIANA FOI QUEM INFORMOU A DRa CATIUSCIA SOBRE ESSES PAGAMENTOS EM SUA CONTA. EU ESTIVE COM A DRa CATIUSCIA ONTEM (8 MAIO 2012) NO HOSPITAL, ONDE ELA FOI ARROLADA COMO TESTEMUNHA NA INQUIRIÇÃO DESSA SINDICÂNCIA, E NÃO COMO SINDICADA, QUE ESTÁ SENDO DESENCADEADA PELA CORREGEDORIA DO ESTADO DO TO. A FALTA DE CONTROLE DESTE HOSPITAL É DE TAMANHA …. QUE QUANDO OCORREU ESSE FATO, ELA (ELIANA) LIGOU PARA O TEL DA DRa CATIUSCIA PARA QUE ELA DEVOLVESSE O PAGAMENTO DESSES MESES. E ASSIM INDAGOU-SE: ” MAS PARA QUEM, PARA QUAL CONTA?”, FICOU DESCONFIADA.
A DRa CATIUSCIA GUEDES NÃO HAVIA NEM TOCADO NESSE DINHEIRO, POIS SÓ TEVE CIÊNCIA DESTE VALOR ATRAVÉS DE ELIANE.
OS EXTRATOS COMPROVAM O SALDO DA ÉPOCA.
A IDONEIDADE DA DRa CATIUSCIA É DE TANTA RELEVÂNCIA QUE NO PERÍODO DE JULHO DE 2011, FOI DIRETAMENTE À AUGUSTINÓPLIS-TO PARA INFORMAR À COORDENADORA DE ENFERMAGEM DO HOSPITAL, DRa ANA CLÁUDIA, QUE NÃO HAVIA CONDIÇÕES DE ASSUMIR ESSE TRABALHO, POIS HAVERIA CONFLITO COM SUA CARGA HORÁRIA EM IMPERATRIZ-MA. EXISTE TESTEMUNHAS. COM ESSE COMUNICADO, ELA NÃO MAIS FOI AO HOSPITAL ATÉ A PRESENTE DATA.
ONDE ESTÁ O RH DESSA INSTITUIÇÃO? PORQUE QUEREM RESPONSABILIZAR A DRa CATIUSCIA?
ELA CONSEGUIU ESSA VAGA PÓR CLASSIFICAÇÃO EM CONCURSO. MÉRITO DELA.
NÃO EXISTE NADA ALÉM DISSO.
SÓ QUEREMOS JUSTIÇÃ E CLAREZA NA DIVULGAÇÃO DAS INFORMAÇÕES.

- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias