Connect with us

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: Hospital Regional institui ginástica laboral para servidores

Publicado

em

Um programa de recuperação e manutenção da qualidade de vida e de promoção do lazer, planejada e aplicada no ambiente de trabalho, foi iniciado no mês de agosto no Hospital Regional de Augustinópolis. A iniciativa leva aos servidores a importância dos alongamentos, das correções posturais durante a rotina de trabalho e tem surtido efeito na rotina da unidade hospitalar.

Segundo o fisioterapeuta André da Gama, responsável pelas atividades do programa, os ganhos são incalculáveis. “Além de diminuir a carga de estresse por interromper o trabalho, a ginástica laboral ainda evita o sedentarismo. Dentro do Hospital com os servidores essa prática pode melhorar e muito o desempenho dos funcionários, além de evitar lesões por esforço repetitivo e outras doenças provocadas pelo trabalho contínuo e a falta de exercícios físicos. Por conta destes benefícios, ela ajuda a diminuir o afastamento dos funcionários do hospital, o que sem dúvida, beneficia a população que precisa dos serviços do hospital”, afirmou.

O técnico de enfermagem Ilton Reis  disse satisfeito com a novidade. “Pra nós, estes momentos de atividades são muito importantes, você precisa ver o envolvimento de todos, desde o mais jovem até o servidor mais idoso, todos gostam e estamos achando muito importante, tenho ficado bem mais disposto no desempenho de minhas funções”, destacou.

A enfermeira Maysa Pacheco também aprovou a iniciativa. “As orientações que temos recebido têm sido muito proveitosas, principalmente no que diz respeito às posturas corretas, a gente sabe que nós da equipe de enfermagem desempenhamos muitas atividades que atingem diretamente a coluna e quando não nos posicionamos corretamente, acabamos com dores no final do plantão e isso agora tem sido evitado observando o que o fisioterapeuta nos passa”, declarou.

Para o coordenador da equipe multiprofissional na unidade, o cirurgião dentista Sérgio Henrique de Paula Bordon, o primeiro mês de ginástica já mostra resultados. “Temos notado a equipe mais animada e bem receptiva à ideia. Particularmente achei a iniciativa ótima desde o primeiro momento, porque a gente acaba no marasmo da má postura na hora de desempenhar as nossas funções e isso acarreta em lesões por esforços repetitivos e prejuízos individuais de cada servidor”, afirmou.

Em busca de beneficiar toda a equipe, o coordenador explicou que as atividades são feitas de forma alternada. “Estamos tentando instituir esta cultura para todos os profissionais e para tanto, além de alternar entre os plantões, estamos buscando mais profissionais fisioterapeutas para ajudar o André neste trabalho”, enfatizou.

Benefícios gerais da ginástica laboral

A ginástica laboral constitui em exercícios físicos realizados no ambiente de trabalho, no horário de expediente, com o objetivo de melhorar a saúde e evitar lesões dos funcionários por esforço repetitivo e algumas doenças ocupacionais. Entre os principais benefícios estão a melhora a saúde; redução do sedentarismo, das tensões adquiridas no trabalho; prevenção de lesões e doenças causadas por trauma cumulativo, melhorar o desempenho do funcionário , estimular na produtividade e promove a interação entre a equipe.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: Hospital Regional avança em obras de reforma e ampliação

Publicado

em

O Governo do Tocantins encerra o ano com destaque em investimentos na área da saúde, como por exemplo, no Hospital Regional de Augustinópolis. A unidade hospitalar localizada na região do Bico do Papagaio é referência para 23 cidades, atendendo aproximadamente 203 mil habitantes.

Após a reforma que está sendo realizada na unidade, o hospital passará a contar com 100 leitos e ainda propiciará melhores condições de trabalho para os profissionais da ala administrativa. O setor administrativo já está com 95% das obras executadas; o Centro de Parto Normal (CPN) com 60% e a maternidade já teve a fundação concluída, o que corresponde a 15% dos serviços realizados. A obra, de valor estimado em R$ 23.982.995,17, tem previsão de conclusão em julho de 2021. 

Além da reforma, o hospital recebeu, em agosto deste ano, 10 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), atualmente utilizados por pacientes acometidos pela Covid-19 e que  passarão a ser leitos convencionais, no término da pandemia.

“A saúde pública de qualidade é uma das preocupações do governador Mauro Carlesse e a região do Bico do Papagaio tem seu destaque neste olhar. Estamos trabalhando para que a região seja autossuficiente em oferta de tratamento para sua população, de forma que dispense transferências para Araguaína ou Palmas, mas isso demanda tempo e recursos”, afirmou o titular da Secretaria de Estado da Saúde (SES), doutor Edgar Tollini, acrescentando que enquanto a autossuficiência não acontece, os moradores do Bico do Papagaio podem contar com a assistência especializada em outros locais de referência.

Mais recursos

Na quarta-feira, 2, a SES recebeu aproximadamente R$ 8,5 milhões, oriundos de emenda parlamentar da deputada federal Dulce Miranda, para investimento no Hospital Regional de Augustinópolis e benefícios para região do Bico do Papagaio. O valor é destinado à aquisição de equipamento e materiais permanentes para a unidade de atenção especializada em saúde. (Aldenes Lima)

Continue lendo

Bico do Papagaio

AUGUSTINÓPOLIS: Edital para Vestibular de Medicina na Unitins ainda será lançado

Publicado

em

Nesta sexta, 4, ao anunciar o Vestibular 2021/1 Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), o reitor da Unitins, Augusto Rezende, comentou sobre o curso de Medicina, no câmpus de Augustinópolis, no Bico do Papagaio.

O reitor da Unitins, Augusto Rezende, explicou que esse ainda está em fase final de implantação pedagógica e estrutural. “A gente está trabalhando na estruturação dos laboratórios e também nos processos legais de autorização junto ao Conselho Estadual de Educação e demais órgãos”, afirmou.

O reitor disse ainda que posteriormente, será lançado um edital específico de vestibular para esse curso para a primeira turma de 2021. (Com informações de Josiane Mendes)

Continue lendo

Bico do Papagaio

Unitins lança Vestibular 2021/1. Inscrições começam na terça, 8

Publicado

em

A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) lançou nesta sexta-feira, 4, o Edital do Vestibular 2021/1. São oferecidas 640 vagas em 16 cursos de graduação, distribuídos nos câmpus Araguatins, Augustinópolis, Dianópolis, Palmas e Paraíso.  O período de inscrições para o vestibular começa no próximo dia 8 de dezembro, a partir das 9 horas, e segue até o dia 4 de janeiro.  Os cursos da Unitins são gratuitos e presenciais.

A taxa de inscrição é de R$ 120,00 e pode ser paga até o dia 5 de janeiro de 2021. Os interessados em pleitear a isenção da taxa terão de 8 a 10 de dezembro de 2020 para fazer a solicitação. Do total de vagas ofertadas, 50% serão destinadas à ampla concorrência e 50% para egressos da rede pública de ensino.

Uma novidade deste certame é a abertura de vagas para o curso de Pedagogia, no Câmpus Palmas. A criação do novo curso passou pelo rito necessário dentro da Unitins e também pelo Conselho Estadual de Educação (CEE), e ofertará vagas para ingresso já no primeiro semestre de 2021.

No Câmpus Araguatins, a Unitins oferta os cursos de Letras e Pedagogia; em Augustinópolis, Ciências Contábeis, Direito e Enfermagem; em Dianópolis, Administração, Ciências Contábeis e Direito; em Palmas, Direito, Engenharia Agronômica, Serviço Social, Sistemas de Informação e Pedagogia; no Câmpus Paraíso são ofertados os cursos de Ciências Contábeis, Direito e Tecnólogo em Agronegócio.

Provas

As provas da seleção estão marcadas para o dia 27 de janeiro de 2021, com duração de cinco horas, e serão realizadas de forma presencial.

O reitor Augusto Rezende informa que serão cumpridos todos os protocolos de saúde e segurança sanitária durante o vestibular, tanto os definidos pelo Governo do Estado, bem como os exigidos pelo Ministério da Educação para aplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) – que acontecerão antes das provas presenciais da Unitins. O Vestibular tem como exigências básicas o uso de máscaras para todos os participantes, uso de álcool 70°, distanciamento social, além da aferição de temperatura, entre outros pontos. A sala de aplicação de provas, por exemplo, será utilizada com apenas 50% da capacidade de alocação de pessoas, conforme informa o Protocolo Sanitário de aplicação das provas da Unitins. Os candidatos precisam estar atentos ao Protocolo para assegurar a segurança em saúde de todos.

“Será um momento de esperança para esse aluno que vem da rede pública de ensino, que concluiu o ensino médio no modelo híbrido, e terá a possibilidade de fazer o nosso vestibular. Se aprovado, no dia 18 de fevereiro iniciará as aulas no ensino superior. A Unitins cumpre sua missão social, sua função de agente de desenvolvimento das regiões, da formação de mão de obra qualificada, dando oportunidade para esses estudantes ingressarem numa universidade pública, gratuita e que se preocupa com a formação íntegra dos alunos e, principalmente, que supera essas dificuldades adversas que a pandemia nos trouxe. É um esforço que toda a universidade está fazendo para a realização desse processo seletivo”, conclui o reitor. (Com informações de Josiane Mendes)

Continue lendo
publicidade Bronze