A novela biquense parece não ter fim em Augustinópolis. Na tarde dessa segunda, 13, uma nova decisão judicial retornou os vereadores titulares aos mandatos. A decisão novamente é liminar.

Com isso, a sessão desta terça, dia 14, que decidiria a cassação ou não do prefeito, Júlio Oliveira (Republicano), não será realizada.

Retornam aos cargos Luizinha (PP), Toinho (PTB), Antônio Barbosa (SD), Antônio Queiroz (PSB), Ozeas (PR), Nildo Lopes (PSDB), Ângela da Rapadura (PSDB), Marcos da Igreja (PRB) e Vaguin do Hospital (MDB) e Neguin da Civil (MDB)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.