Reunião entre vereadores e assessores jurídicos na tarde desta quinta na Câmara – Foto: Paulo Palmares/VB

Após quase 200 dias, nove dos dez vereadores de Augustinópolis, que estavam afastados dos cargos, por suspeita de cobrarem propina para legislar, voltaram a Casa de Leis, na tarde desta quinta, 8. O afastamento de 180 se encerrou no dia 24 de julho, mas os parlamentares ainda não haviam comparecido a sede do Poder Legislativo.

A única ausência foi de Neguin da Civil, que continua afastado, agora por 90 dias.

Luizinha (PP), Toinho (PTB), Antônio Barbosa (SD), Antônio Queiroz (PSB), Ozeas (PR), Nildo Lopes (PSDB), Ângela da Rapadura (PSDB), Marcos da Igreja (PRB), Neguin da Civil e Vaguin do Hospital (MDB), participaram de uma reunião com o presidente da Câmara, vereador Cícero Moutinho (PR), onde ficou acertado a data para recomeço das sessões ordinárias.

Reinaldão (PR), único suplente a continuar como vereador, em lugar de Neguin da Civil, também compareceu ao encontro.

Ficou acertado que as sessões recomeçam na próxima segunda, dia 12.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.