Connect with us

Bico do Papagaio

BRK Ambiental doa materiais de apoio para vacinação contra Covid-19 para 13 municípios do Bico

Publicado

em

A BRK Ambiental, concessionária de saneamento básico que atende 47 municípios tocantinenses, aderiu ao Movimento Unidos Pela Vacina, idealizado pelo Grupo Mulheres do Brasil, que está mobilizando a sociedade civil e a iniciativa privada para apoiar os municípios brasileiros com suprimentos necessários para a estrutura de vacinação das cidades. 

A empresa entrega para 13 municípios do Bico do Papagaio e outros 44 de diferentes regiões do estado do Tocantins, nestas terça e quarta-feira (15 e 16/6), caixas de isopor de 12 litros, caixas térmicas de 15 litros com termômetro digital, que deve auxiliar no armazenamento de imunizantes, e mais de 1.000 caixas para descarte das vacinas e agulhas após a aplicação das doses. As caixas térmicas e o suporte para descarte foram os itens mais solicitados pelas prefeituras e terão ampla utilidade no armazenamento e transporte das vacinas nos municípios.

No Bico do Papagaio, os municípios beneficiados são: Tocantinópolis, Augustinópolis, Aguiarnópolis, Ananás, Angico, Buriti, Carrasco Bonito, Esperantina, Itaguatins, Luzinópolis, Santa Terezinha, São Bento e Wanderlândia.

Nas demais regiões são: Aliança do Tocantins, Almas, Aragominas, Arraias, Babaçulândia, Barrolândia, Bom Jesus do Tocantins, Brejinho de Nazaré, Caseara, Centenário, Colinas do Tocantins, Colméia, Conceição do Tocantins, Cristalândia, Crixás do Tocantins, Divinópolis do Tocantins, Dois Irmãos do Tocantins, Fátima, Filadélfia, Gurupi, Lizarda, Mateiros, Miracema do Tocantins, Monte Santo do Tocantins, Natividade, Nova Rosalândia, Palmeirante, Palmeirópolis, Paranã, Peixe, Pequizeiro, Pium, Ponte Alta do Tocantins, Porto Nacional, Presidente Kennedy, Recursolândia, Rio dos Bois, Rio Sono, Sandolândia, Santa Fé do Araguaia, Santa Tereza do Tocantins, Taipas do Tocantins, Tupirama.

Além dos municípios tocantinenses, a companhia está apoiando outras cidades em que tem atuação prestando serviços de saneamento como São Paulo, Espírito Santo, Pernambuco, Maranhão, Alagoas e Goiás.

“A contribuição do setor privado tem se mostrado muito importante neste momento de combate a uma pandemia. A nossa participação no projeto ‘Unidos Pela Vacina’ se dá para prover, parte da logística necessária ao acesso da vacina contra a COVID-19 a todos os cidadãos tocantinenses. Apoiar os municípios em prol da imunização da população faz parte do compromisso social da empresa nas regiões onde atuamos”, destaca Thadeu Pinto, diretor de contrato da BRK Ambiental no Tocantins.

O movimento Unidos Pela Vacina atua para contribuir com a aceleração do processo de vacinação e auxiliar na disponibilidade de materiais que vão viabilizar o transporte, armazenamento e aplicação das doses. “A vacina é a nossa esperança. É também uma aposta na vida e na retomada definitiva da nossa economia. Por isso, a Acipa faz parte do movimento, que reúne o Grupo Mulheres do Brasil, cientistas, empresários, executivos e representantes de entidades e instituições da sociedade civil. Unidos vamos acelerar a imunização e atravessar com mais segurança, para o outro lado desta tempestade”, reforça Joseph Madeira, presidente da Associação Comercial e Industrial de Palmas (Acipa).

Valéria Mota, líder do núcleo Grupo Mulheres do Brasil em Palmas, destaca que o grupo está empenhado em apoiar todas as prefeituras do Estado com suporte no processo de vacinação. “Identificamos, por meio de pesquisa, que muitos municípios não tinham sequer refrigeradores adequados para acondicionamento da vacina. Esse e outros gargalos já estão sendo supridos pela empresa que amadrinhou o Tocantins. Estamos todos neste movimento contribuindo de alguma forma, seja em doações de materiais, recursos humanos, mídia, entre outros. Temos pressa em ver todos os tocantinenses imunizados e o fim da pandemia”.

Unidos pela Vacina

A BRK Ambiental aderiu ao Movimento Unidos Pela Vacina, idealizado pelo Grupo Mulheres do Brasil. A iniciativa está mobilizando a sociedade civil e a iniciativa privada para apoiar os municípios brasileiros com suprimentos necessários para a estrutura de vacinação das cidades, apoiando o Plano Nacional de Imunização. A ideia é atuar para contribuir com a aceleração do processo de vacinação e auxiliar com materiais que vão viabilizar o transporte, armazenamento e aplicação das doses.

Neste cenário, a BRK Ambiental amadrinhou e entrega nesta semana os itens para apoio aos primeiros 57 municípios do Tocantins que aderiram ao Movimento preenchendo o formulário apresentando suas necessidades estruturais.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

Produtor rural pode solicitar bloqueio de ficha sanitária para o não recebimento de animais de áreas noventenadas

Publicado

em

A Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec) publicou no Diário Oficial do Estado, da última quinta-feira, 22, a Portaria n° 215, de 19 de julho de 2021, que autoriza produtores rurais ou seus procuradores a solicitar à Agência o bloqueio de suas fichas sanitárias para o recebimento de animais oriundos de áreas e/ou propriedades noventenadas, uma vez que assumem também a condição de noventenados. A medida passa a valer a partir de 1° de setembro deste ano.

Segundo a gerente de Avaliação, Controle e Fiscalização da Adapec, Laudicéia Teles, a exigência visa garantir maior segurança aos produtores rurais que não desejam receber animais que estejam em noventenas. “Às vezes, o produtor por desconhecimento acaba adquirindo um animal que esteja nesta condição e só quando vai emitir a GTA ele descobre que sua propriedade terá que ser noventenada por causa daqueles animais”, explica. 

Laudicéia Teles acrescenta ainda que, com a norma, ele poderá ir a qualquer escritório da Adapec e informar no seu cadastro que não deseja receber animais noventenados. Assim, ele evitará que sua propriedade fique bloqueada para movimentação de animais.

Ainda de acordo com a Portaria, o comprador tocantinense que adquirir animais oriundos de áreas não habilitadas a exportar para o Chile ao receber a Guia de Trânsito Animal (GTA) do vendedor fica obrigado a apresentá-la imediatamente no escritório da Adapec. Com isso, o adquirente evita a suspensão do cadastro e declara ciência da noventena da sua ficha sanitária.

Os estados que possuem restrições para exportação de carne bovina para o Chile são: Acre, Amazonas, Amapá, Roraima, Pará, Maranhão, Piauí, Bahia, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Ceará, Rio de Janeiro e Distrito Federal. (Welcton de Oliveira)

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Confira a lista de aprovados para Brigada de Incêndios Florestais

Publicado

em

Os interessados em fazer parte da Brigada de Combate a Incêndios Florestais fizeram Teste de Aptidão Física (TAF) nesta segunda-feira, 26, por meio da 3ª Companhia do Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBMTO), em Araguatins. Eram 10 vagas e quem se candidatou precisou suar a camisa, literalmente, para conquistar uma das matrículas no Curso de Formação, que terá início nesta quinta-feira, 29.

Para garantir vaga no Curso de Formação de Brigadistas, os candidatos tiveram que percorrer 2,4 mil metros, com 24 kg (uma bomba costal cheia), com o tempo abaixo de 30 minutos.

Prova 

Quem fez o teste prático pela primeira vez, brigando por uma vaga na Brigada, viu o quanto é difícil andar rápido com a bomba costal cheia. O TAF teve apenas esse exercício como forma de classificação e eliminação dos candidatos. Para tanto, 3ª Companhia do Corpo de Bombeiros levou em conta as questões de segurança contra a Covid-19.

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Wiston Gomes é convidado por Irajá e Tabocão para se filiar no PSD

Publicado

em

Neste final de semana, entre as intensas movimentações na residência do pré-candidato a governador, Edison Tabocão (PSD), que teve a presença dos senadores Irajá Abreu (PSD) e Kátia Abreu (PP), prefeitos, vereadores e líderes, o suplente de deputado estadual, Wiston Gomes, atualmente no PRTB, foi convidado por Irajá e Tabocão, a se filiar no PSD.

Wiston tem atuado nos bastidores com outros líderes de diversas regiões do estado, para formar uma “chapinha” composta apenas por pré-candidatos sem mandato, buscando equilibrar a disputa, porém, paralelo a isso, o convite de Tabocão pesa, pois Wiston tem apoio do empresário apalavrado desde a eleição municipal de 2020. Com o crescimento de Tabocão dentro do PSD, o empresário precisa ter nomes ligados diretamente a ele, dentro do PSD e não em outras legendas e Wiston seria um deles.


No primeiro semestre, o nome da vice-prefeita, Professora Elizabete, estava na lista de pré-candidatos do PSD, fato que também reforçaria o nome de Tabocão no contexto político. A informação foi publicada aqui no webjornal Folha do Bico, e imediatamente negada pela vice-prefeita. A negativa provocou enfraquecimento dela, junto a cúpula da legenda, que trabalha para fortalecer o partido, ainda mais agora, com um nome oficialmente colocado no cenário, como pré-candidato a governador. A nota divulgada pela vice-prefeita, deixou claro que da parte dela, não havia nenhum compromisso com a legenda. Aquiles percebeu a brecha, e sugeriu o nome do ex-prefeito José Guilherme, que já filiou e será o nome do prefeito, para reforçar o PSD.

Wiston Gomes ainda não se manifestou se aceitará ou não o convite de filiação.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze