Connect with us

Bastidores

Carlesse destaca esforço para aquisição de vacinas contra a Covid-19 durante reunião com ministro da Saúde

Publicado

em

O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, participou na manhã desta terça-feira, 8, de uma reunião por videoconferência com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e demais governadores brasileiros, para discutir sobre o plano de vacinação contra a Covid-19.

O ministro Eduardo Pazuello esclareceu sobre o consórcio Covax, uma aliança encabeçada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para garantir acesso à vacina contra a Covid-19. “Aderimos ao desenvolvimento de nove vacinas, para isso investimos R$ 800 milhões, e o restante está reservado para a compra de 42 milhões de vacinas”, esclareceu o Ministro, em referência à Medida Provisória (MP) editada pelo presidente Jair Bolsonaro, em agosto deste ano, liberando R$ 2,5 bilhões para adesão à Covax.

Ainda segundo o ministro da Saúde, a previsão é a de que a vacina contra a Covid-19, desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela farmacêutica AstraZeneca, tenha o registro aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no fim de fevereiro.

Quanto à vacina desenvolvida em parceria entre o Instituto Butantan e a farmacêutica chinesa Coronavac, o ministro Pazuello disse que a mesma também está no fim da fase três dos testes e, na sequência, será submetida à análise da Anvisa, que deve levar cerca de 60 dias.

“O presidente [Jair Bolsonaro] falou claramente que todas as vacinas que tiverem seu êxito e sua eficácia, com seus registros da Anvisa da maneira correta, poderão ser adquiridas. O presidente colocou de forma clara”, afirmou o ministro.

Governadores

Na avaliação do governador Mauro Carlesse, a reunião foi positiva, uma vez que o ministro foi claro quanto ao andamento do processo para aquisição de vacinas contra à Covid-19.

“No Brasil, quem comanda o programa nacional de imunização é o Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde, que repassa as doses aos estados e aos municípios. Eu fiquei satisfeito de saber que o governo não está medindo esforços para adquirir as vacinas, tendo claro, toda a cautela de oferecer, à população, vacinas que sejam seguras e que tenham sido aprovadas pela Anvisa. Não será apenas uma vacina, mas todas que forem aprovadas pela Anvisa. Tenho certeza que, em breve, nossa população estará sendo convidada a comparecer aos locais de vacinação e vamos ter uma garantia de imunização a esse vírus terrível”, destacou o Governador Carlesse, que tinha ao seu lado o secretário de Estado da Saúde, Edgar Tollini.

O governador do Piauí, Wellington Dias, falou da importância em imunizar toda a população. “Nenhum de nós deve colocar disputas políticas em um tema tão sério para todos os brasileiros. O que queremos de forma bem clara é vacina para todos. Toda e qualquer vacina que garanta segurança e eficácia, seja de qual for o país. Queremos ter o ministro da Saúde coordenando o programa nacional de imunização”, afirmou.

Já o governador do Acre, Gladson Cameli, pediu união aos governadores. “Em primeiro lugar, quero parabenizar a Anvisa pelo seu trabalho, dedicação e pelo compromisso com o país. Em segundo, quero fazer um apelo aos colegas governadores. A ansiedade está muito grande perante nossa população, a responsabilidade cai sobre os nossos ombros. Eu queria que todos estivéssemos muito unidos e que colocássemos realmente as pessoas em primeiro lugar para que a gente possa vencer o quanto antes”, afirmou.

Os governadores Wellington Dias (Piauí); Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte); Paulo Câmara (Pernambuco); Gladson Cameli (Acre); Helder Barbalho (Pará); e Ronaldo Caiado (Goiás), participaram da reunião no próprio Palácio do Planalto. Já os demais participaram por videoconferência. (Vania Machado e Sara Cardoso)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bastidores

Contribuintes já podem baixar programa para preencher e entregar a declaração do IR 2021

Publicado

em

Os contribuintes já podem baixar o programa para preencher e entregar a declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física 2021. O programa para computador está disponível no site da Receita Federal. O prazo para entrega da documentação vai da próxima segunda-feira (1º) até o dia 30 de abril. 
 
A Receita Federal espera receber até 32 milhões de declarações este ano. O órgão estima que 60% delas terão restituição de imposto que, assim como em 2020, será devolvido em cinco lotes, nos meses de maio, junho, julho, agosto e setembro. (Brasil 61)

Continue lendo

Bastidores

Tiago Dimas é o novo coordenador da bancada federal do Tocantins

Publicado

em

Escolhido nesta terça-feira, 23 de fevereiro, novo coordenador da bancada tocantinense no Congresso Nacional, o deputado federal Tiago Dimas (Solidariedade) pregou trabalho conjunto com todos os deputados federais e senadores do Estado.

Tiago Dimas irá coordenar a bancada neste ano de 2021, em substituição a senadora Kátia Abreu (PP), que comandou os trabalhos no ano passado. “Nossa responsabilidade é enorme. Hoje, a quase totalidade dos investimentos públicos que o Tocantins recebe é através da bancada federal, seja via emendas, ou por meio de recursos articulados por nós aqui em Brasília. Então, se não fosse os oito deputados federais e os três senadores o Estado e os nossos municípios praticamente não teriam investimentos”, destacou o parlamentar.

Tiago Dimas lembrou, ainda, que a bancada federal e as emendas foram importantes, inclusive, para despesas de manutenção da máquina pública dos municípios. “Nós sabemos a dificuldade de cada prefeito, de cada prefeita. Atender os municípios é ajudar diretamente a população”, destacou o deputado.

O parlamentar informou que pretende manter um diálogo permanente com o governo do Estado e com o governo federal. “Há muitas questões de interesse do Tocantins tramitando em Brasília. O trabalho de um congressista e da bancada não se limita só aos recursos. Por exemplo, agora vamos debater a questão de ICMS combustíveis, algo que pode afetar muito o governo do Tocantins e os próprios municípios, que recebem 25% do ICMS arrecadado. Precisamos de um diálogo aberto e franco sobre esse tema e todos os outros que podem interferir nas finanças públicas do Tocantins”, destacou Tiago Dimas.

Por fim, o deputado agradeceu a confiança de todos os colegas. “Aqui somos um grupo e todos foram eleitos com o objetivo de ajudar o Tocantins a crescer, trazer desenvolvimento e qualidade de vida para a população. É isso que estamos fazendo e vamos continuar nesse rumo”, salientou. (Daniel Machado)

Continue lendo

Bastidores

Célio Moura segue em recuperação

Publicado

em

O deputado federal, Célio Moura (PT), segue sua recuperação, após sofrer um acidente na rodovia BR-153, no inicio de janeiro deste ano, O irmão do congressista, Marcilon Moura, 60 anos, morreu na colisão.

Nesta terça, Moura publicou imagem de um retonor médico que fez, depois de 15 dias de alta hospitalar.

“Amigas e amigos, sigo firme na batalha da plena recuperação, muito feliz e confiante que logo após das sessões de fisioterapia – que estão agendadas – já possa retornar de corpo e alma para cumprir – com muita honra e compromisso com os trabalhadores – o nosso Mandato Popular e de Luta, que me foi conferido pelo povo tocantinense”, escreveu o parlamentar.

Continue lendo
publicidade Bronze