- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 15 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img

Condenado em Axixá por estuprar doente mental é preso por nova acusação em Marabá

Mais Lidas

A polícia prendeu em Manaus, na terça-feira (29), um homem de 43 anos suspeito de crimes de favorecimento à exploração sexual de crianças e adolescentes e também por estupro de vulnerável, cometidos na cidade de Marabá, no estado do Pará.

De acordo com a Polícia Civil, o homem é um dos proprietários de uma escolinha de futebol para crianças e adolescentes na cidade de Marabá, e se utilizava desta posição para cometer os crimes. As vítimas possuem entre 10 e 13 anos.

Equipes de investigação cumpriram, nesta manhã, o mandado de prisão preventiva em nome do suspeito. A prisão ocorreu na rua Ane, bairro Coroado, zona oeste da capital do Amazonas.


Ainda conforme a polícia, as investigações apontarem que o suspeito havia fugido de Marabá e que ele estaria escondido no bairro Coroado em Manaus.

O mandado de prisão preventiva em nome dele, que foi expedido em 03 de maio deste ano, na cidade de Marabá, pela juíza Renata G. Milhomem de Souza, titular da 1° Vara Criminal da Comarca de Marabá.

O homem irá responder pelos crimes de estupro de vulnerável e favorecimento à exploração sexual de crianças e adolescentes. Após os procedimentos cabíveis, ele foi recolhido ao presídio e está à disposição da justiça.

Em Axixá

Em 2011, na cidade de Axixá, no Bico do Papagaio, Erismar Nunes Noronha já havia sido acusado e condenado pelo crime de estupro de vulnerável, em que fora vítima um deficiente mental de quinze anos de idade.

Por conta disso, Índio foi condenado pelo juiz Océlio Nobre da Silva à pena de oito anos de reclusão.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias