Connect with us

Tocantins

Eduardo Siqueira relembra criação do Estado e destaca avanços nos 29 anos do TO

Publicado

em

O deputado Eduardo Siqueira Campos (DEM) aproveitou a última sessão da Assembleia Legislativa antes do aniversário de 29 anos de criação do Tocantins, que acontece nesta quinta-feira, 5, para relembrar momentos importantes da criação do Estado e também destacar os avanços conseguidos em quase três décadas de emancipação. O pronunciamento ocorreu na sessão vespertina desta quarta-feira, 4.

Siqueira iniciou sua fala cobrando do Poder Legislativo a discussão com a sociedade tocantinense de um projeto para o Estado. “Esse é um momento de discursos, de críticas e reflexões, mas principalmente de pensarmos um projeto do que será o Tocantins daqui para frente”, destacou.

O deputado salientou a necessidade conhecimento da história do Estado. “Temos duas certezas, duas convicções Se queremos avançar a um futuro de prosperidade precisamos entender com profundidade como e de que forma chegamos até aqui”, afirmou.

Luta secular

Eduardo Siqueira relembrou que a luta pela criação do Tocantins é secular e ao longo desse período, milhares de nortistas trabalharam pela divisão de Goiás. Mas em sua reta final teve condução decisiva do cidadão José Wilson Siqueira Campos”, destacou estendendo cumprimentos e parabenizando toda a população que esperou anos pela criação do Estado e também aos que para cá vieram ajudar a construir o Tocantins.

“Fiz uma reflexão com os profissionais da imprensa, lembrando que Siqueira Campos foi candidato e se elegeu Governador já com 60 anos de idade. Ele não era um jovem sonhador que havia acabado de chegar no norte de Goiás e se tornou Governador, ele já era um ancião, que quando jovem havia dormido nas calçadas do Rio de Janeiro, já havia sido soldado da borracha, já havia dormido em frente ao número 52 da Rua da Glória esperando Luís Carlos Prestes para conseguir um emprego e onde começou sua formação política”, recordou.

Divisão de outros estados

Eduardo Siqueira afirmou que a criação do Tocantins deixou a população que reside nos estados vizinhos, mas próxima ao Tocantins com o mesmo desejo de redivisão. “Nenhum deles teve o número de escolas, o número de hospitais, o número de centros universitários – o número de cidades com água tratada  e hoje faltando apenas 5 cidades para ligação com asfalto”, comparou.

O deputado afirmou que esses avanços refletem no índice de desenvolvimento humano e melhora a qualidade de vida da população. “Tínhamos o pior IDH e hoje deixamos pelo menos 10 estados para trás”, afirmou.

Palmas é destaque

Eduardo Siqueira voltou a relembrar o acerto na construção de Palmas, que além integrar a população da margem direita do Rio Tocantins e ofertar também a oportunidade de desenvolvimento, o parlamentar destacou também as notícias de que Palmas é considerada uma das melhores capitais para se viver no País.

“Alguém que montou um negócio em Palmas fez primeiro um planejamento e descobriu que Palmas crescia três vezes e meia a média nacional. E chegando aqui ainda encontrou o Basa para financiar seu empreendimento”, frisou.

O deputado também recordou que o Banco da Amazônia só está presente no Tocantins oferecendo linhas de crédito diferenciadas, por que o então congressista Siqueira Campos incluiu o Estado como integrante da região norte do Brasil, acima do Paralelo 13.

Incentivar o consumo

Por fim, Siqueira disse que o Tocantins precisa fortalecer o consumo, aliado à oferta de trabalho, para que o Estado alcance a prosperidade. “Não queremos poucos ganhando muito e muitos ganhando nada”, destacou.

Eduardo Siqueira encerrou novamente citando seu pai, o ex-governador Siqueira Campos, ao se referir-se como admirador de seus feitos e afirmando que suas realizações são suficientes para muitas discussões atualmente e no futuro. (Élcio Mendes)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

ARAGUAÍNA: Pesquisa Vetor mostra Vagner liderando com 45% seguido de Elenil com 24%

Publicado

em

Foi publicada no site www.fieto.com.br a pesquisa de intenção de votos nas eleições de 2020 para o cargo de prefeito no município de Araguaína, no norte do Tocantins, encomendada ao Instituto Vetor, pela Federação das Indústrias do Estado do Tocantins (FIETO) e TV Jovem/Record Tocantins.

As entrevistas foram realizadas de 13 a 15 de outubro com intervalo de confiança de 95% e margem de erro estimada em 4,4 pontos percentuais. O registro da pesquisa foi feito no Tribunal Regional Eleitoral (TO – 03533/2020 – Prefeito).

Continue lendo

Tocantins

Tocantins tem 7 novas mortes por Covid-19 oficializadas nesta terça

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que nesta terça-feira, 20 de outubro, foram contabilizados 365 novos casos confirmados para Covid-19.

Deste total, 118 foram registrados nas últimas 24 horas e o restante por exames coletados em dias anteriores e que tiveram seus resultados liberados na data de ontem.

Desta forma, hoje o Tocantins registra um total de 224.311 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 73.065 casos confirmados da doença. Destes 59.719 pacientes estão recuperados e 12.291 estão ainda ativos (em isolamento domiciliar ou hospitalar), além de 1.055 óbitos.

Clique AQUI e veja o boletim completo.

Continue lendo

Tocantins

Servidor do Detran no Tocantins é preso por cobrar para agilizar processos

Publicado

em

A 1ª Central de Flagrantes da Polícia Civil do Tocantins lavrou na segunda-feira, 19, um Auto de Prisão em Flagrante (APF) de um servidor contratado do Departamento Estadual de Trânsito do Tocantins (Detran-TO) pela prática de corrupção passiva. O servidor em questão foi conduzido pela equipe do Núcleo de Inteligência do Detran-TO até à Central, onde foi lavrado o APF depois de cobrar vantagens indevidas para iniciar processos no setor de veículos do Detran.

Conforme apurado, a corrupção por parte do servidor foi descoberta porque um agente do Núcleo de Inteligência presenciou o momento em que um homem, ao sair de perto de outros, um que estava em pé e o outro sentado, disse que não pagaria nada a nenhum “malandro” para ter suas questões no Detran-TO resolvidas. Ao ouvir isso, o agente se aproximou dos outros dois homens e percebeu que o que estava em pé pegou uma pasta das mãos do que estava sentado. Ao perceber do que se tratava e que o homem em pé era servidor do órgão, o agente deu voz de prisão a ele.

No desenrolar dos fatos, o subornado relatou que estava na fila quando o homem, que ele não sabia ser servidor do órgão, se aproximou e disse que poderia agilizar a transferência que ele precisava desde que ele pagasse a quantia de R$ 50,00. Assegurou ainda que seria mais em conta dos que os despachantes cobram e que seria bem mais rápido também.

Alerta

O Detran-TO alerta aos usuários que ato suspeito ou criminoso deve ser reportado para que as devidas providências sejam tomadas. A atual gestão reafirma não compactuar com tais práticas criminosas e tem o compromisso de seguir as normas e leis estabelecidas.

Continue lendo
publicidade Bronze