Connect with us

Tocantins

Em 50 dias, mais de 400 postes foram derrubados por eventos climáticos no TO

Publicado

em

Já foram mais de 400 postes derrubados no Tocantins em consequência dos temporais que atingiram o estado desde o final de setembro. Nesse período ocorreram dois eventos climáticos de intensidade graus 4 e 5 (nível máximo), segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), com ventos de quase 90 km/h. Outro fator associado também afeta diretamente o fornecimento de energia elétrica: descargas elétricas.

O Brasil é o país com maior incidência de raios no mundo: são quase 78 milhões de descargas elétricas por ano. E o Tocantins é o estado brasileiro mais afetado, com média anual de 20 raios por quilômetro quadrado. Por isso, nesta época, oscilações de energia causadas pelo mau tempo são comuns. 

“Ao longo do ano a gente se prepara para este período chuvoso, visto que a nossa rede de distribuição é aérea e tem impacto direto dos eventos climáticos. É feito trabalho de manutenção preventiva, com investimentos em infraestrutura das redes e estrutura do atendimento emergencial para que possamos estar preparados para esta época”, afirma Maurício Zanina, coordenador do Centro de Operação Integrado da Energisa.

Durante um temporal, muita coisa pode acontecer. Chuvas e ventos fortes derrubam árvores, lançam objetos na linha elétrica e provocam deslizamento de terras. Por conta de todos esses fatores, é fundamental tomar algumas medidas para garantir a sua segurança e evitar, também, perdas materiais. 

A assistente administrativa Gessyane do Nascimento sempre se preocupa em desligar todos os equipamentos durante as chuvas. “Retiro tudo da tomada e aproveito o barulhinho da chuva. Quando chove e não estou em casa, o pensamento fica lá nos eletrônicos e eletrodomésticos, com medo de que algo aconteça”, conta. 

Ao perceber a aproximação de temporais, retire da tomada e desconecte os cabos ligados aos aparelhos eletrônicos. Evite contato com objetos metálicos que estejam ligados à eletricidade, como fogões e geladeiras. Evite utilizar telefone com linha durante uma tempestade. Também se afaste de tomadas, janelas e portas metálicas. Outra coisa: não é recomendado o uso de chuveiro, secador ou chapinha, entre outros.   

Em áreas mais abertas, principalmente na zona rural, fique longe de estruturas altas, como torres de telefone ou de energia. Também não se abrigue embaixo de árvores. “Ao se deparar com cabos no chão, independentes da situação, não se aproxime. Nós temos equipamentos de proteção que, nessas situações desligam o sistema, mas como a energia não é visível, não tem como você saber se o cabo está ou não energizado”, alerta Zanina. 

Em casos de situações envolvendo a rede elétrica, entre em contato com a Energisa o quanto antes. O contato pode ser pelo 0800 721 3330 (ligação gratuita), aplicativo Energisa On, redes sociais (Facebook ou Twitter), site www.energisa.com.br ou pelo WhatsApp, por meio de mensagem para a Gisa, no número 63 9222-6664. 

Cuidados em caso de tempestades: 

• Fique distante dos cabos partidos; 

• Caso um cabo partido caia sobre o veículo, fique dentro do carro. Chame a Energisa pelo 0800 721 3330 ou o Corpo de Bombeiros 193;  

• Retire todos os aparelhos eletroeletrônicos das tomadas e desligue os fios de antena dos aparelhos; 

• Evite o uso do telefone com linha durante a tempestade com raios; 

• Fique longe de árvores e evite ficar próximo de estruturas altas como torres de telefone ou de energia elétrica; 

• Mantenha distância das tomadas, janelas e portas metálicas; 

• Jamais se aproxime de fios partidos ou caídos, nem toque em pessoas ou objetos que estejam em contato com a rede elétrica; 

• Afaste-se de campos abertos; 

• Permaneça dentro do carro, pois ele garante isolação em caso de descargas atmosféricas; 

• Mantenha-se longe de rios, córregos, lagoas, etc; 

• Chuveiro ou torneira elétrica (secador, chapinha, entre outros) devem ser desligados. 

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

ARAGUAÍNA: Membros da ACIARA conhecem nova plataforma digital responsável pelo mapeamento via satélite da cidade

Publicado

em

O secretário da Fazenda, Tecnologia, Ciência e Inovação, Fabiano Souza, e membros de sua equipe técnica apresentaram na noite da última segunda-feira, 25, a membros da diretoria da Aciara (Associação Comercial e Industrial de Araguaína), a nova plataforma digital responsável pelo mapeamento via satélite de toda a cidade de Araguaína.
 
Por meio da plataforma, a Prefeitura agora conta com um mapeamento da cidade através de aerofotogrametria e perfilamento a laser, que gerou imagens digitais de alta resolução, obtidas por meio de aerolevantamento e o levantamento com fotos da fachada das edificações.
 
As informações em alta resolução obtidas por meio da plataforma possibilitam a atualização do cadastro imobiliário e informações essenciais em diversas áreas, como planejamento urbano, Defesa Civil, projeto e obras, meio ambiente, saúde e educação da cidade.
 
IPTU
O secretário explicou ainda que o trabalho de georreferenciamento está sendo utilizado para a atualização cadastral dos imóveis, considerando a valorização ou desvalorização da área construída. A ferramenta tornará a cobrança do IPTU (Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana) ainda mais precisa, garantindo uma tributação justa.
 
“Não alterou em nada o que foi feito nos anos anteriores. Não houve aumento de alíquota. O que alterou foi a verificação, por parte da Prefeitura, de que havia inconsistências na base de cálculos”, afirmou Fabiano Souza.
 
Os associados aproveitaram para sanar dúvidas relacionadas aos critérios para a concessão de descontos, alíquota, base de cálculo, entre outras. “A gente agradece à equipe da Prefeitura, que respeitosamente veio aqui nos comunicar destas inovações. Fiquei encantada com esse software, com esse modelo de gestão moderna, que vai trazer muita revolução e inovação para nossa cidade. Quando você tem informações, você consegue gerenciar”, afirmou a presidente da Aciara, Hélida Dantas. (Mara Santos / Fotos: Marcos Sandes)

Continue lendo

Tocantins

Tocantins passa dos 100 mil infectados com a Covid-19

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que nesta terça-feira, 26 de janeiro, foram contabilizados 605 novos casos confirmados para Covid-19.

Deste total, 128 foram registrados nas últimas 24 horas e o restante por exames coletados em dias anteriores e que tiveram seus resultados liberados na data de ontem.

Desta forma, hoje o Tocantins registra um total de 320.439 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 100.204 casos confirmados da doença. Destes, 88.747 pacientes estão recuperados e 10.104 estão ainda ativos (em isolamento domiciliar ou hospitalar), além 1.353 óbitos.

Clique AQUI e veja o boletim completo.

Continue lendo

Tocantins

Mais 5.400 doses da CoronaVac chegam ao Tocantins

Publicado

em

O Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), recebeu na madrugada desta terça-feira, 26, mais 5.400 doses da vacina Coronavac. Os imunizantes serão distribuídos, integralmente, aos 139 municípios.

O Secretário da SES, Dr. Edgar Tollini, explica que especificamente nesta remessa não serão feitas reservas técnicas “todas essas doses serão distribuídas, a partir de amanhã, às cidades, isto, a fim de favorecer a logística para os municípios”, o gestor complementa que “nós queremos otimizar a entrega destas vacinas ao grupo prioritário que será imunizado neste momento, assim fazemos um planejamento prévio para a entrega destes imunizantes”, afirmou.

As doses recebidas foram encaminhadas a Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (CEADI), em Palmas, onde será feita a conferência. A previsão é que algumas doses já sejam encaminhadas nesta quarta-feira, 27, ao Polo de Distribuição da Central Estadual de Imunização da região Norte do Tocantins, em Araguaína.

Vacinas adquiridas

O Tocantins recebeu em oito dias, 60.900 doses de vacinas para imunização contra a Covid-19, sendo 44.000 Coronavac 1; 11.500 Astra Zenica 2 (Índia) e 5.400 Coronavac 2. (Erlene Miranda)

Continue lendo
publicidade Bronze