Connect with us

Pará

Em Parauapebas, trânsito no entorno da Feira do Produtor começa a melhorar

Publicado

em

Sem título

Depois de quatro blitze de orientação aos donos de caminhões que estacionam seus veículos durante horas para descarregar e até mesmo comercializar frutas no entorno da Feira do Produtor, dificultando o tráfego de pedestres e também dos veículos que circulam na Rua 14, no trecho compreendido entre a Rua E e Rua A, no Bairro Cidade Nova, o trânsito no local começou a melhorar.

A ação de fiscalização para que o tráfego de veículos e de pessoas flua ao redor da feira sem dificuldade vem sendo feita todas as sextas-feiras pela manhã por agentes de trânsito do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte (DMTT) e do Detran; fiscais de tributos e de posturas das secretarias de Fazenda (SEFAZ) e de Serviços Urbanos (SEMURB), com apoio da Polícia Militar.

Nas operações, os agentes e fiscais orientaram comerciantes, notificaram algumas irregularidades e determinaram a retirada de veículos e de barracas que estavam obstruindo a passagem de pedestres.

Os agentes detectaram caminhões estacionados e descarregando melancia, laranja, abacaxi, abóbora e cebola, com placas de Marabá (PA), Capitão Poço (PA), Capanema (PA), Petrolina (PE), Patrocínio (MG) e de Parauapebas.

Os representantes dos órgãos de fiscalização garantem que as blitze vão continuar esporadicamente sendo executadas não somente ao redor da Feira do Produtor, mas também em pontos estratégicos da cidade, com o objetivo de fazer com que o tráfego de veículos e de pessoas flua sem obstáculos, proporcionando trânsito seguro e sem acidentes, além de fiscalizar se os produtos oriundos de outros municípios são acompanhados de suas respectivas guias de transporte ou nota fiscal.

Ao serem abordados pelos agentes de trânsito para retirarem seus caminhões da pista de maior movimentação ao redor da feira, os donos dos carros alegam que não existe nenhuma placa no trecho proibindo parar, estacionar ou descarregar, e por isso resistem, por algum momento, a atender aos fiscais.

Nas reuniões ocorridas todas as terças-feiras na Sefaz entre as partes envolvidas nas operações, para discutir estratégias nas ações efetuadas, foi decidido que as três ruas (13, 14 e 15) que ficam no entorno da Feira do Produtor vão ser sinalizadas vertical e horizontalmente, proibindo carga e descarga em determinado horário e permitindo este tipo de serviço em outro horário.

Além de desafogar o tráfego de veículos ao redor da feira, a operação visa também combater a concorrência desleal praticada por vendedores de outros municípios com os comerciantes regulares de Parauapebas. A maioria dos comerciantes de fora não apresenta documento fiscal que comprove a origem do produto, fato que evidencia sonegação de tributos para o município.

As secretarias envolvidas nas ações pensam em montar barreiras de fiscalização na Rodovia PA 275, à altura do campus da Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), para conferir a origem de produtos que entram no mercado de Parauapebas. Para isso, a Procuradoria Geral do Município está buscando embasamento legal e a competência de cada órgão fiscalizador para executar a ação em barreira.

Paralelo à ação desenvolvida na Feira do Produtor, os fiscais vêm deslanchando, também, operação no perímetro urbano da PA 275, proibindo comercialização de frutas e de tijolos na via pública.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Pará

Homem e dois adolescentes foram encontrados baleados dentro de ônibus no interior do Pará

Publicado

em

Um homem e dois adolescentes foram baleados com vários tiros e amordaçados dentro de um ônibus no residencial Goiânia em Capitão Poço, nordeste do Pará.

Um dos adolescentes morreu no local com tiro na cabeça e os outros dois ficaram gravemente feridos.

As vítimas foram encontradas por moradores no ônibus abandonado em área de mata, por volta das 10h30. As pessoas chegaram a entrar no veículo e fizeram imagens.

A Polícia Militar chegou às 15h30 no local, nas proximidades de um ginásio de esportes. Segundo a PM, ninguém no local soube dar informações sobre o caso, “imperando a lei do silêncio”.

As vítimas foram identificadas como Reinaldo Brito da Silva, de 23 anos, e os adolescentes A. C. V. C. e E.S.V. Dois deles foram transferidos para Belém.

Em nota, a Polícia Civil informou que, durante as buscas no ônibus, foram encontradas cápsulas de armas de fogo e que o caso está sendo investigado pela polícia local, com apoio da Coordenadoria de Operações Especiais, Diretoria de Polícia Especializada, Diretoria de Polícia do Interior e da Superintendência da 6º Região Integrada de Segurança Pública (RISP) Caeté.

Até então, a motivação e a autoria do crime ainda não foram confirmadas.

Continue lendo

Pará

SÃO DOMINGOS DO ARAGUAIA: Colisão entre caminhão e carreta deixa homem carbonizado na Transamazônica

Publicado

em

Um grave acidente entre caminhão baú e uma carreta foi registrada nesta segunda-feira (18), na rodovia Transamazônica (BR-230), em São Domingos do Araguaia, sudeste do Pará. Uma pessoa ficou presa nas ferragens e outra morreu carbonizada.

A carreta ultrapassou o corrimão de proteção e o condutor ficou preso nas ferragens. Ele foi retirado com vida e encaminhado para o Hospital Regional de Marabá.

O caminhão baú entrou em combustão e um dos passageiros teve o corpo carbonizado e morreu no local. O motorista do caminhão sofreu ferimentos leves e foi conduzido pelo SAMU a uma unidade de saúde da região.

Continue lendo

Pará

Vacinação contra Covid-19 começa no Pará

Publicado

em

A enfermeira Shirley Cuimar Cruz Maia de 39 anos foi a primeira paraense vacinada contra a Covid-19 em Belém. Em seguida, a técnica de enfermagem Marielza da Silva Monteiro, 57 anos, também recebeu a primeira dose da CoronaVac. As duas imunizadas atuam na linha de frente no combate a pandemia, no Hospital de Campanha de Belém.

A cerimônia simbólica que marcou o início da vacinação contra o coronavírus aconteceu na manhã desta terça-feira (19), no Hangar, Centro de Convenções, mesmo lugar onde funciona o hospital de campanha da capital. O ato foi acompanhado pelo governador do Pará, Helder Barbalho e pelos prefeitos de Belém, Edmilson Rodrigues, e de Ananindeua, Dr. Daniel.

Durante a cerimônia também foi realizada a primeira imunização do município de Ananindeua, região metropolitana de Belém. O enfermeiro João Bernardo, 37 anos, que trabalha no combate a pandemia foi o terceiro a receber a vacina.

As 173 mil doses de vacina devem imunizar cerca de 86 mil pessoas no Pará. De acordo com Helder, o carregamento que já está no estado precisam garantir as duas doses que cada pessoa imunizada.

Continue lendo
publicidade Bronze