Connect with us

Tocantins

Encontro Estadual da Indústria discute crise, em palestra para empresários de Araguaína-TO

Publicado

em

As oportunidades que podem ser construídas durante uma crise e a análise dos ciclos da economia do passado e presente como forma de antever o comportamento futuro foram abordadas pelo economista Ricardo Amorim durante o 3º Encontro Estadual da Indústria realizado na noite desta quarta-feira, 20, pela Federação das Indústrias do Estado do Tocantins (FIETO) em sua sede em Araguaína. A abertura do evento foi feita pelo presidente da Federação, Roberto Pires que citou temas de destaque da agenda da indústria em meio a esta crise como a urgência da reforma tributária e a importância da PEC 241 e da reforma trabalhista, estas duas últimas já promovidas pelo Governo Federal.

Ao falar do momento vivido no País, Roberto Pires, classificou a gravidade do que considera a maior crise econômica, política e ética da história do Brasil. “Já passamos por outros momentos difíceis, mas nada que se compare aos quase 8% de retração da nossa economia. Isso se considerarmos apenas 2015 e 2016, período em que outros países emergentes como a China e a Índia registraram crescimento de 14% e 15%, respectivamente. Pra facilitar a conta: em apenas dois anos, o Brasil perdeu o equivalente a 2 Paraguais”, analisou o presidente. Pires destacou ainda em seu pronunciamento, investimentos essenciais realizados pela Prefeitura de Araguaína como exemplos a serem seguidos ao citar a reestruturação do Distrito Agroindustrial do município, o DAIARA, sua revitalização, criterização do uso e a criação de isenções fiscais para incentivar a vinda de investidores.

A situação de gravidade da crise foi ratificada na palestra de Amorim sob o tema “A indústria na perspectiva de saída da crise”. Segundo o economista, períodos de crise obedecem a ciclos de crescimento e depressão, mas o atual é o pior da linha do tempo traçada por Amorim dos últimos 115 anos. Mesmo assim, é uma situação, que segundo o apresentador do programa Manhattan Connection na Globo News e autor do livro Depois da Tempestade, empurra os impactados para a escolha de mudar ou não.

“O Brasil numa crise com a proporção que a gente viu começou a fazer com que o brasileiro cobrasse a classe política. A gente não cobrava e eles trabalhavam para eles mesmos quando são funcionários nossos. Nas empresas vale a mesma coisa. O que se está fazendo de diferente pra melhorar o produto, processo ou atendimento pra sair fortalecido da crise? ”, lançou o palestrante para reflexão dos participantes.

Ele reforçou ainda a necessidade de construir e buscar oportunidades. “Nós estamos na fase do ciclo econômico de mais oportunidades em que a tendência é crescer. Quando todo mundo viu, a oportunidade não existe mais. Se todo mundo viu já não é oportunidade”, disse retomando a ideia central que após uma depressão profunda, que costuma ser precedida de uma crise política, a história do País demonstra na sequência períodos de crescimento.

O Encontro Estadual da Indústria tem o objetivo de criar um ambiente de exposição, análise e discussão das principais diretrizes das políticas nacionais de desenvolvimento da indústria num ambiente de crise aguda e salientar as principais “saídas” para a indústria local. Outras duas palestras estão marcadas na programação para o dia 25/10 em Palmas e 09/11 em Gurupi encerrando a edição 2017. (Priscila Cavalcante)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

Por conta da pandemia PM do Tocantins remarca para 4 de abril provas do Concurso

Publicado

em

O Governo do Tocantins anunciou, durante coletiva de imprensa nesta quinta-feira, 4, a remarcação da prova do Concurso da Polícia Militar do estado do Tocantins – PMTO. A primeira etapa do certame ocorreria no dia 14 de março, porém, devido à situação epidemiológica crítica em que se encontra o Estado, o exame foi adiado para o dia 4 de abril.

Foram oferecidas 1.000 vagas para praças, sendo 950 para o quadro operacional QPPM; 25 vagas para o quadro de músicos (QPE-Músicos); e 25 para o quadro da saúde (QPS), distribuídas em 20 para técnico em enfermagem e cinco para técnico em Saúde Bucal.

O comandante-geral da PMTO, coronel Silva Neto, explica que, com essa nova onda de contaminação da Covid-19, o governador Mauro Carlesse esteve reunido com toda a comissão do concurso e decidiu pelo adiamento. “Iremos monitorar o andamento do Estado para saber se teremos condições de efetuar o certame, mas a priori é que as provas ocorram no dia 4. A nossa preocupação, em primeiro lugar, é a saúde dos candidatos e também nos preocupamos, porque houve investimento do candidato em participar do concurso e realizar um sonho”, informou Silva Neto.

O secretário de Estado da Saúde, Edgar Tollini, também comentou sobre o adiamento do certame. “Essa prova, que estava marcada para o dia 14, nos colocaria em um risco muito grande de aumento do número de casos, principalmente, dentro da Capital. Nós temos, aqui, absoluta consciência de que essa medida foi tomada para a segurança de todos os candidatos do Estado e os que vierem de fora também. Esse adiamento é prudente e dará tempo das pessoas se organizarem, para que possam, no próximo momento, estar presentes e consigamos recebê-los aqui com mais segurança”, afirmou o secretário.

Edgar Tollini ainda destaca que o Governo está tomando todas as medidas possíveis para conter a pandemia, mas também é preciso compromisso da população. “É fato que está havendo o aumento do número de pessoas internadas. É necessário o compromisso da população com as normas de segurança: distanciamento, uso de álcool em gel, higienização com água e sabão. Também é importante evitar aglomerações e usar a máscara sempre. Não adianta bater recordes de abertura de leitos, essa não é a saída. Vamos nos manter em uma posição de responsabilidade social, para que não aconteça o que já vem acontecendo em 20 estados do país com taxa de ocupação de leitos clínicos de UTI com 100%. E isso não se refere apenas à área pública, mas também às unidades de saúde da rede privada”, orienta o gestor.

Número de inscritos

Segundo a comissão do concurso, o número de candidatos inscritos é de 44.019 para o quadro de praças, 1.016 para o quadro de Saúde e 780 para praças especialistas e músicos, totalizando 45.815 candidatos inscritos no certame.

A representante da Comissão, tenente-coronel Lorena Alfonso, explica que ainda nesta quinta-feira, 4, estará disponível a concorrência das vagas por cargos. “A demanda em relação à concorrência por vaga de cada cargo será disponibilizada ainda hoje no site da Cebrasp. A previsão é de que seja publicado no dia de 24 de março, no Diário Oficial do Tocantins e no site do Cebrasp, o edital que informará a disponibilização da consulta dos locais e dos horários de realização das provas”, afirma.

As informações sobre o concurso podem ser conferidas aqui!

Ressarcimento

Acerca do concurso anulado de 2018, será publicada em breve uma portaria prorrogando o prazo para que os candidatos possam solicitar o ressarcimento. “Isso foi necessário, porque o número de candidatos foi muito baixo, cerca de 30%. Dos inscritos nos CFOs que solicitaram o ressarcimento da taxa de inscrição, foram apenas de 42,4% e do CFSD apenas 26%. Por isso, é necessária essa prorrogação”, explicou a tenente-coronel. (Brener Nunes / Foto: Esequias Araújo)

Continue lendo

Tocantins

ARAGUAÍNA: Trinca é presa por roubo de moto do Setor Brasil

Publicado

em

A Polícia Militar prendeu na noite dessa quarta-feira, 03, no Setor Brasil em Araguaína, dois homens, 19 e 23 anos, e uma mulher, 19 anos, por roubo de veículo automotor. Com os suspeitos os policiais localizaram uma motocicleta Honda Biz 125 de cor vermelha, um aparelho celular de cor branca, documentos de identificação pessoal e uma quantia pecuniária em espécie.

Após acionados via Sistema Integrado de Operações Policiais – SIOP, a equipe de Força Tática Motos deslocou ao endereço informado, onde três indivíduos, sendo dois homens, 19 e 23 anos e uma mulher, 19 anos, anunciaram o roubo e subtraíram da vítima, uma mulher, 28 anos, um smartphone de cor branca, uma moto Honda Biz 125 de cor vermelha e  os documentos de identificação pessoal.

Diante dos fatos, a guarnição iniciou patrulhamento tático nas imediações, momento em que os envolvidos foram localizados e após busca pessoal, os objetos roubados juntamente com cinquenta reais e quarenta e cinco centavos em espécie foram encontrados de posse do homem, 19 anos. Ao serem questionados os suspeitos assumiram a autoria do crime. 

“Os indivíduos já estavam na prática recorrente de roubos na região. Graças ao tirocínio apurado e ação imediata dos policiais militares foi possível recuperar os objetos, o veículo e efetuar a detenção dos acusados”, destacou o comandante da unidade, Valdeonne Dias da Silva.

Com apoio de uma viatura os homens, a mulher, o veículo e objetos recuperados foram conduzidos à Central de Flagrantes de Araguaína, para os procedimentos legais cabíveis.

Continue lendo

Tocantins

PALMAS: Homem é preso após transitar em terminal de ônibus com pistola

Publicado

em

Na quarta-feira, 03, por volta de 14h, em Palmas, policiais do serviço ostensivo e de inteligência do 6° Batalhão da Polícia Militar prenderam um infrator, de 38 anos, que transitava nas imediações de estação de coletivo, portando arma de fogo. 

Os policiais obtiveram informações de que um homem estaria armado, próximo da estação de coletivo Javaé, em Taquaralto, região sul de Palmas, e iniciaram diligências a sua procura. Após patrulhamento pela região, as guarnições localizaram o homem, que dirigia um veículo GM/Celta, pelo setor Santa Fé, e realizaram a abordagem. O infrator foi detido e no automóvel encontrada uma arma de fogo, tipo pistola, calibre 7,65, com carregador contendo 13 munições intactas.

O material apreendido foi encaminhado à delegacia, juntamente com o autor, que foi preso em flagrante pela prática do crime de porte ilegal de arma de fogo.

Continue lendo
publicidade Bronze