Foi preso nesta quarta, 25, pela Polícia Federal, o ex-secretário extraordinário de Integração Governamental, na gestão Marcelo Miranda, o suplente de deputado estadual Elmar Batista Borges, conhecido como Cenourão.

A prisão foi parte da operação denominada Carotenóides, um desdobramento da Operação Reis do Gado que também envolve desvios de dinheiro público.

A esposa de Cenourão, Tatiane Felix Arcanjo, também foi presa.

A suspeita é que lavado dinheiro usando ‘laranjas’ no registro de bens móveis e imóveis com o objetivo de ocultar a origem ilícita dos recursos.

A operação cumpriu os mandados em Natividade, no sudeste do Tocantins e Imperatriz, no sul do Maranhão.

De acordo com a polícia, o objetivo dessa ação é aprofundar as investigações, com foco em investigados que figuraram como laranja nos registros de veículos, bem como procuradores e intermediadores na negociação de fazendas, participando no processo de lavagem do dinheiro ilícito.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.