Connect with us

Maranhão

Governo do Maranhão recebe primeiro lote da vacina de AstraZeneca com 48.500 doses

Publicado

em

O Governo do Maranhão recebeu, no início da tarde deste domingo (24), o primeiro lote da vacina de Oxford/AstraZeneca enviado pelo Ministério da Saúde. São 48.500 doses que serão distribuídas por todo o estado, à medida que os municípios alcançarem 70% de doses aplicadas da CoronaVac.

Com a chegada do novo lote de vacinas, o governador Flávio Dino anunciou que será acrescentada uma nova diretriz ao Plano Estadual de Vacinação do Maranhão. “Além dos profissionais de saúde, estamos orientando aos municípios que, com a chegada da nova remessa de vacinas, haja disponibilização também para os pacientes que estão em tratamento de radioterapia, quimioterapia e hemodiálise, mediante apresentação de laudo e autorização médica, pois são pacientes que podem ter um caso mais grave da Covid-19 e estão submetidos compulsoriamente a uma rotina hospitalar”, afirmou o governador.

O envio de novos lotes de vacinas aos municípios será condicionado ao lançamento no Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI), do Ministério da Saúde, de pelo menos 70% das vacinas aplicadas na etapa anterior, ou de apresentação de justificativa para eventual não cumprimento da meta. Até o momento, 27 municípios maranhenses atingiram a meta de 70% de aplicação da Coronavac.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, a medida é uma orientação do Ministério da Saúde. “A ideia é que não haja duas vacinas no mesmo local, ninguém terá opção de escolher a vacina e as pessoas simplesmente serão vacinadas. E diferente da CoronaVac, não iremos fazer a reserva das vacinas da AstraZeneca, como a aplicação dela é só daqui a 120 dias vamos usar todas as doses já nesta primeira etapa, então, as 48.500 doses irão imunizar 48.500 pessoas”, destacou o secretário Carlos Lula.

Mais doses

A Anvisa aprovou, na última sexta-feira (22), a distribuição de 4,8 milhões de doses da CoronaVac, porém, o Butantan dispõe de apenas 900 mil doses prontas. Dessa forma, o Maranhão deve receber aproximadamente mais 10 mil doses nos próximos dias do Ministério da Saúde. A chegada das novas doses trará mais celeridade ao processo de imunização contra a Covid-19 no Maranhão. (Foto: Julyane Galvão)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

STF manda Governo Bolsonaro ajudar a custear leitos de UTI Covid no Maranhão

Publicado

em

A ministra Rosa Weber determinou que o Ministério da Saúde volte a financiar leitos de UTI para pacientes com Covid-19 no estado do Maranhão.

No caso do Maranhão, cerca de 216 leitos haviam sido desabilitados em dezembro. No Twitter, o governador Flávio Dino, do PC do B, comemorou neste domingo a decisão:

“STF deferiu liminar determinando ao Ministério da Saúde repasses financeiros relativos a LEITOS de UTI no Maranhão. Ou seja, fica evidenciado que não se cuida de um “favor”, e sim de um DIREITO dos estados e um DEVER do governo federal, segundo a Constituição e legislação do SUS.”

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Após retirada de radares, aumenta número de acidentes de trânsito na Avenida Pedro Neiva

Publicado

em

Depois que foram retirados os radares de fiscalização eletrônica de velocidade da Avenida Pedro Neiva de Santana, perímetro de Imperatriz a João Lisboa (10 km de extensão), o número de sinistros de trânsito aumentou de forma considerável nestes últimos meses na rodovia estadual que registra intenso fluxo de veículos, principalmente durante os chamados horários de rush.

O coordenador geral de Trânsito, Hodislan Maciel, da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes, Setran, manifesta preocupação com o crescente número de sinistros na rodovia Pedro Neiva de Santana, fato verificado com o aumento de ocorrências para deslocamento de equipes do Grupo Tático de Trânsito, o GTT.

“A causa da maioria dos sinistros é devido a imprudência; excesso de velocidade e a falta de atenção do condutor nesta rodovia que agora está sem fiscalização por radar, fato que tinha diminuído bastante esse tipo de ocorrência”, explica ele, que considera essenciais os radares de fiscalização eletrônica de velocidade na diminuição de sinistros na Avenida Pedro Neiva de Santana.

O secretário de Trânsito e Transportes, Leandro Braga, explicou que mantém tratativas com a diretoria do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão, Detran-MA, para que o município de Imperatriz possa assumir a fiscalização eletrônica da Avenida Pedro Neiva de Santana, perímetro urbano de Imperatriz.

“Em São Luís, algumas vias que são de competência do Governo do Estado foram repassadas à Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes, SMTT, por meio de celebração de convênio”, exemplifica.

Leandro Braga considera de suma importância para melhoria da segurança viária a reativação dos radares de fiscalização eletrônica de velocidade, pois os resultados obtidos mostraram eficácia na redução dos índices de sinistros de trânsito na Avenida Pedro Neiva de Santana, perímetro que liga Imperatriz até João Lisboa.

“É indiscutível que os radares eletrônicos ajudam a salvar vidas, pois disciplina os motoristas sobre o limite de velocidade permitido na via”, frisou.

PRONTO ATENDIMENTO

Equipes do Grupo Tático de Trânsito, GTT, e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, SAMU, foram acionadas na manhã desta quinta-feira, 25, para prestar atendimento a vítima de sinistro de trânsito na Avenida Pedro Neiva de Santana, em frente à Escola Municipal Paulo Freire, no Parque Amazonas.

“Esse é mais um caso típico de sinistro de acidente de trânsito nesta avenida depois que foram retirados os radares eletrônicos, dispositivo essencial ao trabalho de fiscalização da via”, observou o coordenador geral de Trânsito, Hodislan Maciel.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Mais de 7 mil já foram imunizados contra Covid-19

Publicado

em

De acordo com a Prefeitura de Imperatriz, já foram vacinados 7.128 pessoas até esta quarta-feira, 24, contra a Covid – 19. Do total de vacinas recebidas até ontem, vale ressaltar que 8.029 são destinadas para pessoas que devem tomar pela primeira vez, e 6.330 são complementos apenas para quem já tomou a primeira. Vale destacar que 2.907 pessoas já receberam a segunda dose.

Com as 2.300 vacinas da AstraZeneca que chegaram na tarde desta quinta-feira, 25, voltadas para o público da primeira dose, a Prefeitura continua com a campanha imunizando profissionais de saúde (que serão vacinados por categoria), e idosos a partir de 85 anos (que devem se cadastrar no site da Prefeitura para se vacinar no período de 1 a 5 de março, no Drive-thru, disponibilizado no pátio da Universidade Ceuma.

Com o saldo das doses que chegaram desde o início da campanha de vacinação, serão imunizados nesta sexta feira, 26, pacientes oncológicos em tratamento no Hospital São Rafael.

Paralelo à aplicação da primeira dose, que amplia o número de imunizados em Imperatriz, a Secretaria de Saúde realiza campanha de aplicação da segunda dose, ou seja, para as pessoas que já estão no período de fechar o esquema de imunização. A Semus chama a atenção dos que já receberam a primeira, para ficarem em alerta para o período de tomar a segunda. Para quem tomou a primeira da CoronaVac, o prazo para retornar é de quinze dias; já da AstraZeneca, o período é de dois a três meses.

De acordo com a secretária da Semus, Mariana Jales, a campanha ainda segue na primeira fase. “Já foram vacinados profissionais da saúde de diversos setores, idosos institucionalizados (moradores do Lar São Francisco, Casa do Idoso Renascer e Vila João XXIII), idosos a partir de 90 anos, pacientes de hemodiálise e pacientes oncológicos em tratamento na Oncoradium. No entanto, só podemos mudar de fase quando concluirmos todos os grupos prioritários desta, inclusive os profissionais da saúde que totalizam cerca de 9 mil trabalhadores”, explicou.

Continue lendo
publicidade Bronze