Connect with us

Tocantins

Governo do TO inicia projetos de engenharia para restauração de mais de 1.300 km de rodovias

Publicado

em

O Governo do Tocantins dará o início à segunda etapa do Contrato de Restauração e Manutenção de Rodovias (Crema) pelo Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), com a assinatura da Ordem de Serviço (OS) para a empresa Strata Engenharia Ltda. A OS aborda a elaboração de projetos de engenharia para reabilitação e manutenção de mais 1.382,86 km de rodovias estaduais, em conformidade com o Contrato nº 036/2017, no valor de R$ 4.071.316,32 milhões. A assinatura ocorre nesta sexta-feira, 1º de dezembro, em Taguatinga, região sudeste do Estado.

Este também é o início dos trabalhos da segunda etapa do PDRIS-Crema, já apelidado de Crema-2, que promoverá a continuação da reconstrução e restauração da malha viária estadual pavimentada em parceria com o Banco Mundial. Após a elaboração dos projetos, a Ageto iniciará a licitação das obras para cada região contemplada.

Os 1.382,86 km foram divididos em lotes de acordo com as residências rodoviárias da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto) para otimização dos trabalhos. A primeira Ordem de Serviço abrangerá 284,80 km de extensão, em 11 trechos em rodovias estaduais, sob a responsabilidade da Residência Rodoviária de Dianópolis.

Os projetos são para os trechos de Dianópolis a Novo Jardim; Novo Jardim à divisa TO-GO; divisa TO/GO (Garganta) ao Entroncamento da TO-040 (Dianópolis); Entroncamento TO-040 a Ponte Alta do Bom Jesus; Ponte Alta do Bom Jesus ao Entroncamento da BR-242 (Taguatinga); Taguatinga a Aurora; Aurora a Lavandeira; Lavandeira a Combinado; Combinado a Novo Alegre; Novo Alegre à divisa TO-GO e Entroncamento TO-110 aos Azuis.

Projetos

A elaboração dos projetos de engenharia para reabilitação e manutenção de cada trecho deverá conter a manutenção preliminar; a restauração; a drenagem; a sinalização e a manutenção rotineira.

A manutenção preliminar será realizada logo nos primeiros seis meses de contrato, com a empresa ganhadora da licitação para execução da obra, tendo como objetivo devolver as condições normais de trafegabilidade e segurança da rodovia e é realizada anteriormente à restauração. Por sua vez, na restauração, ocorrem obras de recuperação completa da estrutura do pavimento da rodovia, com ênfase nos pontos considerados críticos. Envolve a reconstrução total ou parcial do trecho com a substituição das camadas e revestimento asfáltico, além do nivelamento dos acostamentos com pista utilizada para o tráfego de veículos.

A drenagem é realizada antes das obras de restauração, consiste nos serviços de implantação, reconstrução e manutenção dos dispositivos de drenagem como bueiros, canaletas, sarjetas, drenos profundos e superficiais e descidas d’água, entre outros. Nesse mesmo sentido, a sinalização é a implantação da sinalização viária horizontal (pintura da pista, tachas e tachões) e vertical (placas de trânsito).

A manutenção rotineira tem início no 3° ano do contrato e é realizada de forma contínua até o fim dos cinco anos de contrato. De caráter rotineiro, envolve reparos localizados no pavimento e no acostamento, além da manutenção dos dispositivos de drenagem da rodovia, pontes, faixa de domínio, sinalização, acessos e intervenções. Também inclui a roçagem da vegetação às margens da rodovia.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Tocantins

Por conta da pandemia PM do Tocantins remarca para 4 de abril provas do Concurso

Publicado

em

O Governo do Tocantins anunciou, durante coletiva de imprensa nesta quinta-feira, 4, a remarcação da prova do Concurso da Polícia Militar do estado do Tocantins – PMTO. A primeira etapa do certame ocorreria no dia 14 de março, porém, devido à situação epidemiológica crítica em que se encontra o Estado, o exame foi adiado para o dia 4 de abril.

Foram oferecidas 1.000 vagas para praças, sendo 950 para o quadro operacional QPPM; 25 vagas para o quadro de músicos (QPE-Músicos); e 25 para o quadro da saúde (QPS), distribuídas em 20 para técnico em enfermagem e cinco para técnico em Saúde Bucal.

O comandante-geral da PMTO, coronel Silva Neto, explica que, com essa nova onda de contaminação da Covid-19, o governador Mauro Carlesse esteve reunido com toda a comissão do concurso e decidiu pelo adiamento. “Iremos monitorar o andamento do Estado para saber se teremos condições de efetuar o certame, mas a priori é que as provas ocorram no dia 4. A nossa preocupação, em primeiro lugar, é a saúde dos candidatos e também nos preocupamos, porque houve investimento do candidato em participar do concurso e realizar um sonho”, informou Silva Neto.

O secretário de Estado da Saúde, Edgar Tollini, também comentou sobre o adiamento do certame. “Essa prova, que estava marcada para o dia 14, nos colocaria em um risco muito grande de aumento do número de casos, principalmente, dentro da Capital. Nós temos, aqui, absoluta consciência de que essa medida foi tomada para a segurança de todos os candidatos do Estado e os que vierem de fora também. Esse adiamento é prudente e dará tempo das pessoas se organizarem, para que possam, no próximo momento, estar presentes e consigamos recebê-los aqui com mais segurança”, afirmou o secretário.

Edgar Tollini ainda destaca que o Governo está tomando todas as medidas possíveis para conter a pandemia, mas também é preciso compromisso da população. “É fato que está havendo o aumento do número de pessoas internadas. É necessário o compromisso da população com as normas de segurança: distanciamento, uso de álcool em gel, higienização com água e sabão. Também é importante evitar aglomerações e usar a máscara sempre. Não adianta bater recordes de abertura de leitos, essa não é a saída. Vamos nos manter em uma posição de responsabilidade social, para que não aconteça o que já vem acontecendo em 20 estados do país com taxa de ocupação de leitos clínicos de UTI com 100%. E isso não se refere apenas à área pública, mas também às unidades de saúde da rede privada”, orienta o gestor.

Número de inscritos

Segundo a comissão do concurso, o número de candidatos inscritos é de 44.019 para o quadro de praças, 1.016 para o quadro de Saúde e 780 para praças especialistas e músicos, totalizando 45.815 candidatos inscritos no certame.

A representante da Comissão, tenente-coronel Lorena Alfonso, explica que ainda nesta quinta-feira, 4, estará disponível a concorrência das vagas por cargos. “A demanda em relação à concorrência por vaga de cada cargo será disponibilizada ainda hoje no site da Cebrasp. A previsão é de que seja publicado no dia de 24 de março, no Diário Oficial do Tocantins e no site do Cebrasp, o edital que informará a disponibilização da consulta dos locais e dos horários de realização das provas”, afirma.

As informações sobre o concurso podem ser conferidas aqui!

Ressarcimento

Acerca do concurso anulado de 2018, será publicada em breve uma portaria prorrogando o prazo para que os candidatos possam solicitar o ressarcimento. “Isso foi necessário, porque o número de candidatos foi muito baixo, cerca de 30%. Dos inscritos nos CFOs que solicitaram o ressarcimento da taxa de inscrição, foram apenas de 42,4% e do CFSD apenas 26%. Por isso, é necessária essa prorrogação”, explicou a tenente-coronel. (Brener Nunes / Foto: Esequias Araújo)

Continue lendo

Tocantins

Suspeito de matar policial no Maranhão é preso no Tocantins

Publicado

em

Nesta quinta, 04, partindo de uma denúncia anônima, policiais militares do 8º Batalhão realizaram a prisão de um homem acusado de latrocínio em cidade do Estado do Maranhão, o qual era foragido da justiça e com mandado de prisão em aberto, residindo em Paraíso do Tocantins.

Após receber informações passadas anonimamente sobre indícios de que um homem acusado de crime de latrocínio (roubo seguido de morte da vítima),  foragido da justiça maranhense, sobre o qual pesa um mandado de prisão em aberto, estaria morando em Paraíso e trabalhando em uma empresa local, a Polícia Militar, por meio do do serviço de inteligência do 8º BPM constatou a veracidade.

Uma equipe de policiais militares localizaram e abordaram o suspeito que, depois de ser identificado e feitas as devidas consultas junto ao sistema operacional, foi constatado se tratar do referido criminoso foragido.

O homem de 27 anos, acusado de ter cometido o crime contra a vida de um policial militar da PM do Maranhão, recebeu voz de prisão e foi conduzido e apresentado na Delegacia Central de Flagrantes local para os demais procedimentos cabíveis ao caso

Continue lendo

Tocantins

ARAGUAÍNA: Trinca é presa por roubo de moto do Setor Brasil

Publicado

em

A Polícia Militar prendeu na noite dessa quarta-feira, 03, no Setor Brasil em Araguaína, dois homens, 19 e 23 anos, e uma mulher, 19 anos, por roubo de veículo automotor. Com os suspeitos os policiais localizaram uma motocicleta Honda Biz 125 de cor vermelha, um aparelho celular de cor branca, documentos de identificação pessoal e uma quantia pecuniária em espécie.

Após acionados via Sistema Integrado de Operações Policiais – SIOP, a equipe de Força Tática Motos deslocou ao endereço informado, onde três indivíduos, sendo dois homens, 19 e 23 anos e uma mulher, 19 anos, anunciaram o roubo e subtraíram da vítima, uma mulher, 28 anos, um smartphone de cor branca, uma moto Honda Biz 125 de cor vermelha e  os documentos de identificação pessoal.

Diante dos fatos, a guarnição iniciou patrulhamento tático nas imediações, momento em que os envolvidos foram localizados e após busca pessoal, os objetos roubados juntamente com cinquenta reais e quarenta e cinco centavos em espécie foram encontrados de posse do homem, 19 anos. Ao serem questionados os suspeitos assumiram a autoria do crime. 

“Os indivíduos já estavam na prática recorrente de roubos na região. Graças ao tirocínio apurado e ação imediata dos policiais militares foi possível recuperar os objetos, o veículo e efetuar a detenção dos acusados”, destacou o comandante da unidade, Valdeonne Dias da Silva.

Com apoio de uma viatura os homens, a mulher, o veículo e objetos recuperados foram conduzidos à Central de Flagrantes de Araguaína, para os procedimentos legais cabíveis.

Continue lendo
publicidade Bronze