Connect with us

Maranhão

IMPERATRIZ: 168 anos do Município é comemorado com homenagens

Publicado

em

Os títulos atribuídos à Imperatriz ao longo dos seus 168 anos de existência dão conta de parte da história que se desenrolou por esses cantos. Seja a cidade reconhecida por Princesa do Tocantins, Portal da Amazônia, Capital Brasileira da Energia ou Metrópole da Integração Nacional, são inúmeros os acontecimentos que fazem parte de sua biografia e contribuíram para seu crescimento.

Por conta da distância geográfica da capital São Luís, Imperatriz também já foi conhecida como a Sibéria Maranhense. Até a década de 50, a cidade tinha um lento crescimento econômico e populacional. Tudo mudou com o início da construção da rodovia Belém Brasília. Logo, o município passou a ter um surto de desenvolvimento a partir dos anos 1960 e assim recebendo na década seguinte um grande fluxo migratório.

Já passou por diferentes ciclos econômicos: ciclo do arroz (1950-1980), ciclo da madeira (1970-1981) e ciclo do ouro (1980-1990). Por conta do atual bom funcionamento dos setores da agricultura, pecuária, extrativismo vegetal, comércio, indústria e serviços, Imperatriz é o segundo maior centro econômico, político, cultural e populacional do Estado. Sendo o principal da região que liga o sudoeste do Maranhão, norte do Tocantins e sul do Pará.

Imperatriz comemora mais um ano da sua fundação nesta quinta, 16. Em decorrência da pandemia do Novo Coronavírus, Covid-19, não será possível realizar a tradicional programação de aniversário da cidade, devido ao potencial de aglomeração dos eventos. Diante disso, a Prefeitura realiza a celebração por meio de live no Facebook e Instagram oficiais do Município nesta quarta-feira, 15 de julho, às 18h.

No lugar do famoso corte do bolo feito todos os anos nas primeiras horas do dia 16 em frente à Prefeitura, serão distribuídos 168 pedaços entre os participantes da live e também entregues em casas abrigo dos programas da Secretaria de Desenvolvimento Social. Também para marcar as festividades, a Fundação Cultural de Imperatriz realiza o Corredor Cultural, que conta com a exposição das obras de 10 artistas plásticos locais, entre os dias 15 e 17 deste mês no Calçadão, no Centro.

Em 2020, as tradicionais solenidades em alusão ao aniversário da cidade dão lugar às homenagens da Prefeitura aos 259 cidadãos que infelizmente perderam suas vidas por conta da doença. Dessa maneira, a entrega da honraria Eterna Gratidão à 13 personalidades pretende reconhecer o serviço prestados no enfrentamento da Covid-19 e ainda condecora os profissionais da saúde vitimados.

O gestor Assis Ramos comenta que em decorrência de todas as dificuldades que a doença trouxe para a cidade, este não será o mais festivo dos aniversários de Imperatriz. “Embora tenhamos muitos avanços a comemorar na saúde, educação e segurança, ficamos reflexivos com o estrago provocado pela pandemia em nossas vidas. Nesta data em especial, prestamos as nossas mais sinceras homenagens a todos que perderam suas vidas”, declara.

Como parte do evento comemorativo, a Secretaria de Regularização Fundiária deu início à entrega gradativa de 700 títulos definitivos de moradia aos cidadãos imperatrizenses. 40 titulações por vez são entregues na sede da secretaria, com convocações e avisos prévios aos requerentes.

Além do pronunciamento do prefeito Assis Ramos, a programação da live tem a transmissão de produções audiovisuais para rememorar aqueles que vieram a óbito e prestar os devidos agradecimentos aos que combatem a Covid-19 na linha de frente. “Honramos nossos profissionais da saúde, que se expuseram e tivemos alguns tristemente levados de nós. Outros que permanecem aqui, na mesma batalha, porque a guerra ainda não acabou. Também congratulamos todos que se dispuseram a ajudar de todas as formas’, completa o prefeito. (Ariel Rocha/Foto: Imadronebr)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Com vitória de Braide em São Luís, Josivaldo JP vai assumir cadeira de deputado federal

Publicado

em

A vitória de Eduardo Braide (PODEMOS), para prefeito de São Luís, capital do Maranhão, neste domingo, 29, derrotando Duarte Júnior (REPUBLICANOS), beneficiou também o empresário imperatrizense, Josivaldo JP, que é primeiro suplente de deputado federal pela Coligação PMN/PHS, constituída na eleição de 2018.

A referida coligação acabou elegendo dois deputados federias, Braide e Pastor Gildenemyr, ambos do PMN na época. Braide mudou para o PODEMOS, onde se elegeu prefeito.

Josivaldo JP que acabou se tornando um dos principais interessados na vitória de Braide na capital, vai agora assumir a titularidade do mandato, com a renúncia de Braide, para assumir o comando da Prefeitura de São Luís.

Josivaldo teve 23.113 e disputou a eleição pelo PHS.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Imagem inusitada nas Quatro Bocas

Publicado

em

Nesta noite de sábado, 29, uma cena chamou atenção dos frequentadores da região das Quatro Bocas, na cidade de Imperatriz, na região Tocantina, no estado do Maranhão.

Uma mulher foi vista comendo panelada, uma comida tradicional da região, em trajes, digamos, bem à vontade. Depois de comer, a mulher embarcou em um mototáxi e foi embora.

Continue lendo

Maranhão

Flávio Dino solicita antecipação da campanha de vacinação da gripe no Maranhão

Publicado

em

Na última reunião do ano do Conselho Nacional da Amazônia Legal, nesta quinta-feira (26), o governador Flávio Dino solicitou ao presidente do Conselho e vice-presidente da República, Hamilton Mourão, que seja antecipada a campanha de vacinação da gripe (influenza). 

“No Maranhão começou o período de chuvas e as síndromes gripais começam a aparecer. É muito importante antecipar a vacina da gripe para proporcionar melhores condições operacionais no combate ao coronavírus e à influenza”, disse o governador. 

Meio Ambiente

Na reunião virtual, o governador divulgou ainda que em 2020, o Maranhão apresentou um menor número de queimadas, quando comparado com o ano anterior. “Agora, aqui no Maranhão, as queimadas começam fortemente a declinar. O nosso indicador de 2020 foi menor que o 2019 e ficou abaixo média histórica do Maranhão, no que se refere a queimadas, focos de incêndio”, disse o governador ao ressaltar a atuação do Governo do Estado por meio do Corpo de Bombeiros e secretarias do Meio Ambiente e Agricultura, em conjunto com produtores e agricultores de todo o estado. 

Outro tema abordado durante o encontro foi o Zoneamento Ecológico Econômico (ZEE). O Maranhão já concluiu todo o zoneamento do Bioma Amazônico e está em fase de execução do bioma Cerrado-Costeiro. “Até meados de 2021 teremos 100% do território com maranhense com o ZEE aprovado em lei na Assembleia Legislativa do Maranhão”, afirmou Dino. 

O governador questionou ainda sobre o repasse de recursos do Fundo da Amazônia e sugeriu a temática da bioeconomia, com maior sinergia entre setor público e o privado. “No Maranhão nós temos muitas possibilidades de arranjos produtivos significativos e ter um PPP da produção, da bioeconomia, seria uma boa oportunidade para geração de trabalho no estado”, finalizou o governador.

Continue lendo
publicidade Bronze