Connect with us

Maranhão

IMPERATRIZ: Drogarias são notificadas por venda ilegal de antibióticos e medicamentos restritos

Publicado

em

Desde o início da pandemia do novo coronavírus (Covid – 19), em Imperatriz, a coordenação da Vigilância Sanitária tem intensificado a fiscalização sobre a venda de remédios ilegais na cidade. As denúncias se tornaram mais frequentes, de acordo com o órgão, nas últimas semanas.

São antibióticos e medicamentos, restritos apenas a hospitais, que foram encontrados em diversas drogarias de Imperatriz. Também estavam sendo comercializados produtos fracionados, em desacordo com as normas estipuladas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Anvisa.

“Anvisa vem lembrar que é proibida a venda de produtos hospitalares em drogarias, como também a venda de antibiótico por drogarias que não são permitidas para este fim, como também, proibido o fracionamento de tais medicações”, informa a chefe do Núcleo de Produtos da Vigilância Sanitária, Drielly Fregona.

A coordenadora da Vigilância Sanitária de Imperatriz, Valdenice Ribeiro, ressalta que as fiscalizações nas drogarias da cidade são frequentes, mas nos últimos dias as pessoas estão denunciando de forma mais assídua. “Estão fracionando os antibióticos, que devem ser vendidos em suas embalagens originais de produção. Então está acontecendo muitas denúncias, e estamos fiscalizando em função da prevenção da Covid – 19”.

AÇÕES CONTRA COVID -19

Diversas secretarias da Prefeitura de Imperatriz estão trabalhando em conjunto para fiscalizar atuação dos estabelecimentos da cidade que não cumprem as normas e a legislação vigente, bem como os decretos municipais. Na semana passada, a Vigilância Epidemiológica de Setor e Vetores em parceria com as polícias Civil e Militar, notificaram estabelecimentos não essenciais que estavam em funcionamento.

Já Secretaria Municipal de Planejamento Urbano, Seplu, em parceria com a Guarda Municipal fiscalizaram e notificaram locais que não estipularam distância mínima entre as pessoas. Equipes da gestão municipal trabalham, frequentemente, para atender a demanda de fiscalização e combater a proliferação do novo coronavírus na cidade. (Regilson Borges)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected]il.com que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

Youtube tira Live do “Caneta Azul” do ar e cantor faz apelo

Publicado

em

Depois do sucesso estrondoso, em sua live, com 2,5 milhões de visualizações, o cantor e compositor maranhense, Manoel Gomes, dono do hit viral ‘Caneta Azul’, teve sua apresentação retirada do ar pela plataforma do Youtube.

O cantor ainda alega, que sua live que aconteceu no domingo, 31, não foi monetizada. Ele gravou um vídeo explicando a situação e pedindo ajuda.

O número de reproduções da performance virtual superou a de grandes nomes da música brasileira, como Claudia Leitte, Paula Fernandes, Anavitória, Capital Inicial e Alcione.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Live do “Caneta Azul” bate Cláudia Leitte e Paula Fernandes

Publicado

em

Live “Caneta Azul” conquistou o primeiro lugar entre os vídeos em alta no YouTube com mais de 1,5 milhão de views, ultrapassando as visualizações de Claudia Leitte, com 1,2 milhão, e Paula Fernandes,com quase 1 milhão. 

Dono do hit que estourou no Brasil em 2019, Manoel Gomes transmitiu live show, durante mais de quatro horas, no último domingo, 31. Para o ao vivo, o sertanejo contou com participações – virtuais – de convidados, entre eles o humorista Tirullipa.

Após o sucesso da live, o cantor publicou novo vídeo no YouTube agradecendo  a todos que assistiram e também aos novos inscritos.

Natural de Balsas, no interior do Maranhão, Manoel Gomes escreveu a canção “Caneta Azul” para homenagear a sua inseparável caneta. O sucesso ganhou versões de Simone & Simaria, Wesley Safadão e até de Neymar.

O show foi realizado e transmitido direto de Imperatriz, no sul do Maranhão.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Grupo capturado na Vila Lobão, comercializaria drogas no Bico

Publicado

em

A Polícia Civil do Tocantins, por meio da 2ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado (DEIC) de Araguatins, efetuou nessa segunda-feira, 1º de junho, a prisão em flagrante de três indivíduos suspeitos de tráfico interestadual de drogas na cidade de Imperatriz (MA).

Segundo o titular da 2ª DEIC, delegado Thyago Bustorff, as investigações apontaram que parte da droga seria comercializada no extremo norte do Tocantins e que, após troca de informações com as forças de segurança de Goiás, foi possível identificar um dos suspeitos e modus operandi da associação criminosa.

Conforme apurado pela autoridade policial, a droga era enviada por meio de serviços postais e empresas de transporte, chegando na cidade de Imperatriz, onde posteriormente era comercializada.

Na posse dos suspeitos, foi encontrado aproximadamente dois quilos de maconha, R$ 2.400, quatro munições de calibre 32, além de invólucros que são utilizados para separação do entorpecente.

Os suspeitos presos foram encaminhados para a Penitenciária Regional de Imperatriz, onde ficarão à disposição da Justiça maranhense. (Com informações da SSP-TO/Foto: ImperatrizOnline)

Continue lendo
publicidade