Connect with us

Maranhão

IMPERATRIZ: Medidas quer evitar maus-tratos a animais na cavalgada da EXPOIMP

Publicado

em

O Ministério Público do Maranhão expediu Recomendação aos organizadores da Cavalgada e às autoridades envolvidas no evento, que acontece dia 6 de julho, para disciplinar as regras que garantam orientação ao público quanto à necessidade de preservação do meio ambiente e evitem maus tratos aos animais.

O documento ministerial foi enviado ao Sindicato Rural de Imperatriz, às Secretaria Municipais de Trânsito, Planejamento Urbano, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Defesa Civil, Secretaria de Estado da Infraestrutura e às Polícias Militar e Civil.

Autor da Recomendação, o promotor de justiça Joaquim Ribeiro Júnior, que atualmente responde pela 3ª Promotoria de Defesa do Meio Ambiente de Imperatriz, justificou a emissão do documento devido à proporção adquirida pelo evento, que precisa de maior controle por parte das autoridades.

O membro do Ministério Público ressaltou que a Recomendação também foi motivada por conta dos reiterados maus tratos aos animais nos anos anteriores, o que resultou em ações judiciais do MP para punir os culpados.

Maus tratos aos animais

Dentre as medidas disciplinadas pela Recomendação, durante o desfile, somente será permitida a participação de animais e veículos de tração animal previamente credenciados pela Setran, devendo o proprietário ser advertido da pena aplicada por maus-tratos, configurados como crime, de acordo com a Lei 9.605/98. A penalidade, segundo a legislação, é de detenção de três meses a um ano mais multa, sendo aumentada em um terço se ocorrer a morte do animal.

Quatro pessoas é o número máximo permitido em cada veículo puxado por um animal, incluindo o condutor. Aqueles que desrespeitarem essa regra serão excluídos do evento. Os proprietários de carroças deverão ser informados no ato do credenciamento que é proibida a utilização do uso de paus, pedaços de madeira ou quaisquer objetos que possam produzir ferimentos nos animais.

As Polícias Militar e Civil tomarão as medidas necessárias de forma preventiva e repressiva para os casos de maus-tratos a animais e poluição ao meio ambiente, antes, durante e após a cavalgada, adotando as providências legais, dentre as quais: prisão em flagrante delito, apreensões, perícias, lavraturas de Termos Circunstanciados de Ocorrências, dentre outros.

Preservação do Meio Ambiente

Ainda de acordo com a Recomendação, as autoridades devem proibir a utilização de garrafas, copos ou qualquer outro recipiente de vidro, sejam de conteúdo alcoólico ou não. A medida pretende evitar que tais recipientes se quebrem durante o percurso, causando ferimentos às pessoas ou animais ou ainda danos ao meio ambiente.

“O consumo de qualquer tipo de bebida ou alimentação durante a cavalgada deve ser realizado em material plástico, PET, alumínio, lata, papelão, ou similar, desde que após a utilização sejam devidamente acondicionados e entregues ao serviço de limpeza pública. Competirá ao Sinrural distribuir aos condutores dos veículos de tração animal, no mínimo 3 mil sacolas plásticas e de material resistente para o recolhimento do lixo produzido no evento, evitando a poluição do meio ambiente”, acrescentou o promotor de justiça Joaquim Júnior. (Iane Carolina)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Veja como foi a visita de Bolsonaro

Publicado

em

Por volta das 14h30, Bolsonaro participou da entrega do “Panelodrómo”, um complexo gastronômico da culinária popular em Imperatriz, segunda maior cidade do Maranhão. Com 3 mil metros quadrados, o espaço deve abrigar os comerciantes que vendem a “panelada”, um prato típico da região.

Ao chegar ao município, o presidente se encontrou com apoiadores na saída do aeroporto. Sem máscara, ele interagiu com o grupo e uma aglomeração se formou no local. Desde maio, o uso de máscara é obrigatório do Maranhão, segundo decreto do governo do Estado.

Ainda na cidade, Bolsonaro fez a entrega de pontos de internet ilimitada para áreas remotas da região. De acordo com o governo federal, a ação deve beneficiar 3 mil pessoas que vivem nas cidades de Balsas, Açailândia e Imperatriz.

A agenda do presidente no Maranhão, que tem a companhia dos ministros do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno; da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas; das Comunicações, Fábio Faria; do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho; e de Governo, Luiz Eduardo Ramos, terminou às 16h, quando eles retornaram à Brasília.

Continue lendo

Maranhão

Bolsonaro brinca sobre refrigerante no Maranhão, “Agora virei boiola, igual maranhense, é isso?”

Publicado

em

Após visitar as obras da BR-135, o presidente foi a um bar em Bacabeira, interior do Maranhão, e tomou um refrigerante fabricado no estado, conhecido como Guaraná Jesus. Ao tomar a bebida, de coloração rosa, o presidente deu risada e fez comentário homofóbico.

“Agora virei boiola, igual maranhense, é isso? [risos] O guaraná cor de rosa do Maranhão aí, quem toma esse guaraná vira maranhense [risos]. Guaraná cor de rosa no Maranhão… Que boiolagem isso aqui”.

O momento foi transmitido em uma live, por volta de 12h, em uma rede social do presidente.

Continue lendo

Maranhão

Bandidos explodem agência bancária no interior do Maranhão

Publicado

em

Bandidos explodiram na madrugada desta quinta-feira (29) a agência bancária do Banco do Brasil no município de São João Batista, a 178 km de São Luís.

De acordo com informações do tenente-coronel Márcio Silva, cinco motociclistas armados atuaram no ataque à agência. Entretanto, o grupo não levou nenhuma quantia em dinheiro, causando apenas danos materiais a unidade.

“Às 3h15 se ouviu a primeira explosão que houve na agência, a Polícia Militar foi acionada e cinco motociclistas fortemente armados estavam assaltando a agência do Banco do Brasil. Os assaltantes fugiram para o povoado, eles não levaram nada, só houve danos materiais” disse o tenente.

A polícia montou cerco nos acessos aos povoados próximos a região de São João Batista e faz as buscas pelos assaltantes.

Continue lendo
publicidade Bronze