Pela primeira vez na história, Imperatriz passará a contar com a cobertura 100% na Atenção Básica em Saúde, com a contratação de pelo menos trezentos Agentes Comunitários de Saúde, ACS. Em atendimento a solicitação do prefeito Assis Ramos, o Ministério da Saúde autorizou o Município a cadastrar os aprovados no seletivo de ACS e vai bancar 95% dos salários desses profissionais. A Prefeitura vai pagar os 5% restantes e encargos salariais.

Publicada no Diário Oficial da União, edição do dia 4 de julho, a portaria do Ministério da Saúde, que traz a autorização, representa um grande avanço na saúde da segunda maior cidade do Maranhão. “Imperatriz nunca teve, nos seus 167 anos de existência, uma cobertura total na Atenção Básica. Isso vai ser implantado agora no governo do prefeito Assis Ramos, um feito muito importante para a cidade, nenhum município do Maranhão, nem mesmo a capital do estado, tem 100% de cobertura”, destacou o secretário de saúde, Alair Firmiano.

Atualmente a cobertura é de 56%. A contratação será por etapas e os novos ACS farão um novo curso de formação com data, ainda será definida. A coordenadora da Atenção Básica em Saúde, Sormane Branco adiantou que a primeira etapa será de análise de documentos. “A Secretaria Municipal de Administração e Modernização, Seamo, responsável pelo seletivo, vai chamar os aprovados para analisar os documentos. Na segunda etapa a Atenção Básica vai fazer o cadastro no banco de dados nacional e na terceira etapa vamos fazer um curso de formação”, explicou. Mesmo quem fez o curso introdutório, terá de participar dessa nova capacitação.

“Por mais que tenhamfeito o curso introdutório, mas será necessário fazer esse curso para eles poderem ir a campo. E depois desse curso, aí vêm os exames admissionais”, finalizou Sormane Branco.

O prefeito Assis Ramos comemorou o atendimento de seu pleito pelo Ministério da Saúde após uma de suas idas a Brasília, em março deste ano, ocasião em que apresentou pessoalmente várias demandas ao ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta como foi o caso da restruturação do Hospital Infantil, Socorrinho, prontamente atendido. “Agora vamos poder, além de atender as pessoas que aguardavam ansiosas por essa convocação, também, melhorar o atendimento a nossa população, neste serviço que é tão importante e há muito tempo necessitava ser reforçado”, comemorou o prefeito Assis. 

Estrutura

O programa municipal de Atenção Básica ou atenção primária, responsável pelo pelos atendimentos iniciais da população. Está sob a coordenação da Atenção Básica a rede de Unidades Básicas de Saúde, UBS, e seu objetivo é orientar a população sobre a prevenção de doenças, solucionar os possíveis casos de agravos e direcionar os mais graves para níveis de atendimento superiores em complexidade. (João Rodrigues)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.