Connect with us

Maranhão

IMPERATRIZ: Oposição considera lamentável o tratamento dado por Assis Ramos ao Parlamento

Publicado

em

Vereadores na abertura do último período da atual legislatura lamentaram os posicionamentos do executivo e as inúmeras invasões de competência dos poderes 

Na abertura do 8º período da 18ª legislatura na manhã da última terça, 04, houveram somente pronunciamentos. Nas falas, os vereadores tiveram discursos bem parecidos. Colocações sobre o que os imperatrizenses estão passando e o lamentável tratamento do poder executivo ao parlamento. Mesmo sendo convidado, o atual prefeito não participou nem enviou representante.  

Nas palavras dos vereadores, enquanto o parlamento busca melhorias para a cidade, o prefeito toma decisões totalmente contrárias. Já passados três anos e meio não há o que comemorar e o que se vê é uma grande correria para tentar compensar o que não foi feito durante quase toda essa gestão. Se a Câmara propõe uma lei, a prefeitura derruba. Se a Câmara veta algo contrário aos interesses da população, a prefeitura sanciona por decisão judicial. Em todas as situações, a prioridade é sempre o aumento da arrecadação, e todas as práticas já foram tentadas para maltratar o povo.  

Destacaram que no período de quarentena a grande maioria das cidades do mesmo porte de Imperatriz suspenderam ou prorrogaram impostos e taxas municipais, aqui foi o contrário. Mesmo com projetos apresentados autorizando a suspensão, todos os tributos vigoraram no momento mais forte da pandemia. O executivo tentou criar imposto sobre a coleta de lixo, tentou colocar multas em modo automático pelo monitoramento eletrônico, e agora em pleno aumento de desemprego, empresas quebrando, vai instalar a Zona Azul, cobrando por estacionamento em área pública, justo em umas das piores crises da economia e da saúde mundiais, fazendo o caminho oposto ao que a população espera e necessita. Deixaram claro que são todos a favor da organização da cidade, mas não da forma que está sendo feito. 

De acordo com os parlamentares, a gestão municipal vem durante todo o mandato tentando travar o poder legislativo, preferindo usar a interferência da justiça em todas as decisões e definiram como preocupante a situação que o parlamento vem passando, onde tudo que é aprovado, é derrubado em tribunais aqui ou na capital, recebendo interferência de todos os lados, diferente dos outros municípios do Brasil. Tudo que a Câmara faz, pensando na cidade, através do seu papel constitucional, sofre intervenção do judiciário.  

“Comissão Processante, CPI da saúde, pedidos de esclarecimentos, vetos, decretos e projetos de lei não tem mais validade e o judiciário tem falado o que os vereadores devem fazer. Soa de forma estranha que tudo que se aprova é derrubado. Os poderes são divididos e precisam ser respeitados.  Imperatriz está refém de um executivo que até hoje não mostrou a que veio. Bairros abandonados, servidores perseguidos, ruas destruídas, muita truculência e falta de diálogo com as instituições. Teve a maior arrecadação da história, recebeu FUNDEF, emendas, aumento de receita. O seu discurso era de combate a corrupção, mas as atitudes foram completamente opostas”, disse Aurélio Gomes.  

O líder do governo João Silva, rebateu dizendo que Assis Ramos é um ótimo prefeito, tem se mostrado muito inteligente e tem dado uma lição para a cidade, fazendo até mais do que a população esperava dele.  (Sidney Rodrigues / Fotos – Fábio Barbosa)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Mais de 1.000 idosos já foram vacinados contra a Covid-19 em suas casas

Publicado

em

A Prefeitura de Imperatriz vacina contra a Covid-19, nesta segunda-feira (08/03), idosos a partir de 80 anos, acamados ou com dificuldades de locomoção, em suas casas, e pelo sistema drive-thru montado na Universidade Ceuma desde 18 do mês passado. 

Já foram ministradas 1.547 doses em domicílio para idosos acamados, nas instituições de longa permanência na cidade ou no ponto do vacinação.

Na última quinta-feira, por ter atingindo a meta de vacinação imposta pelo Governo do Estado, Imperatriz recebeu mais 1.150 doses, D1. Deste total, 173 são destinadas aos trabalhadores de saúde, e 977 aos idosos de 80 a 84 anos que começam a ser aplicadas a partir de segunda-feira, 8. Idosos já devem aproveitar e fazer seu cadastro em imperatriz.ma.gov.br/vacina. Selecionando o meio drive-thru ou acamado.

Os idosos podem ir até o local de carro, para receber a dose pelo sistema drive-thru, ou a pé. Caso use o carro, a recomendação é que o idoso vá como passageiro, para ajudar a agilizar o processo de vacinação. 

Conforme a coordenadora da Vigilância em Saúde, para receber a dose, os moradores devem apresentar um documento pessoal com foto, o CPF ou Cartão SUS e o comprovante de residência. “A Secretaria Municipal de Saúde também tem visitados os idosos que moram na área rural, esses são imunizados em casa ou na Unidade Básica de Saúde da região mais próxima, como foi feito na sexta-feira em Coquelândia”, confirmou Gisely Vieira.

O município do Imperatriz atingiu na noite desta sexta-feira (05/03) a marca de 9.459 pessoas imunizadas, das 11.960 primeiras doses que a cidade recebeu, isso representa cerca de 79.08% de cobertura vacinal. Outras 2.993 pessoas que foram vacinados com 2ª dose. No total são 12.452 (72.06%) doses aplicadas, das 17.280 recebidas.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Tapa-buracos realiza manutenção de ruas do Centro neste domingo

Publicado

em

Equipes destinadas a operação tapa-buracos atuaram neste domingo, 07, na revitalização da malha asfáltica de ruas e avenidas da região central de Imperatriz. Ação integra o programa de melhoria de vias urbanas executado pela Prefeitura, por intermédio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Sinfra.

De acordo com o cronograma de obras, trabalho começou pelas ruas Coronel Manoel Bandeira; João Lisboa, Bahia e Aquiles Lisboa, no Centro. “Objetivo desse trabalho é recuperar essas vias que foram castigadas pelas chuvas das últimas semanas”, pontua o secretário de Infraestrutura, Zigomar Filho.

Ele disse ainda que foram incluídas no roteiro neste domingo, 07, a recuperação da Avenida Dorgival Pinheiro de Sousa, do Centro ao Entroncamento; Rua Sousa Lima; Avenida Getúlio Vargas e Rua Benedito Leite, do setor Mercadinho, Centro e Entroncamento.

“Prefeito Assis Ramos determinou que intensificássemos esse trabalho levando ações de tapa-buracos a todos os principais corredores de transporte de massa”, observou o secretário da Sinfra, Zigomar Filho, que acompanha passo a passo o andamento das frentes de recuperação de vias urbanas em Imperatriz.

DESCENTRALIZAÇÃO

A Sinfra executa nesta segunda-feira, 08, a revitalização de massa asfáltica na Rua Cel. Manoel Bandeira, entre as ruas São Paulo e Urbano Santos, Centro; Rio Grande do Norte, na Nova Imperatriz; Rua Minas Gerais com Benedito Leite, no Entroncamento, e na marginal da BR-010, próximo a rodoviária, no Jardim Tropical.

Também avança com a recuperação da Avenida Tapajós e Rua Boa Esperança, no Parque das Mangueiras; Rua Euclides da Cunha, entre Padre Anchieta e Teotônio Vilela, na Vila Nova; Avenida Itaipu, na Vila Fiquene; Rua João Pessoa, entre a marginal da BR-010 e Leôncio Pires Dourado, no Bacuri, e Rua Bom Princípio entre Avenida Estocolmo e Rua Sousa Lima, na Vilinha.

“Temos nesta segunda-feira, equipes atuando na revitalização da malha asfáltica das ruas Colinas, na Vilinha/Parque Alvorada I, bem como da Avenida Atlântico Sul”, reforça o secretário Zigomar Filho, ao citar ainda a inclusão da Avenida Silvino Santos, no Ouro Verde; Rua 9 e Avenida Industrial, no Santa Rita, e Avenida Liberdade, na Vila Ipiranga/Cafeteira.

Continue lendo

Maranhão

PORTO FRANCO: Famílias de baixa renda poderão receber descontos nas contas de energia

Publicado

em

A Secretaria Municipal de Assistência Social de Porto Franco, município na região Tocantina, no estado do Maranhão e a concessionária de energia Equatorial Maranhão, vão instar o sistema SOMOS, que é uma ferramenta onde as pessoas serão cadastradas diretamente na plataforma da empresa e terão acesso ao benefício durante a pandemia com mais facilidade.

Uma reunião para acertar os detalhes, foi realizada na última sexta, dia 5.

Os digitadores do Cadastro Único do Polo de Porto Franco, já cadastrados pela Equatorial, incluirão o Número de Identificação Social (NIS) das famílias no SOMOS que, automaticamente, receberão descontos nas contas de energia elétrica.

Participaram também da reunião, a gestora do Cadastro Único/Bolsa Família, Vegna, e o diretor do SAAE, Nouredin Rocha, que se colocou à disposição para firmar parceria para o cadastro das famílias, por meio do sistema SOMOS.

Continue lendo
publicidade Bronze