Connect with us

Maranhão

IMPERATRIZ: Saúde inicia segunda etapa de Levantamento Rápido de Índices para o Aedes Aegypti

Publicado

em

Nesta segunda-feira, 03, a Prefeitura de Imperatriz, por intermédio da Secretaria Municipal de Saúde, Semus, dá início à segunda etapa do Levantamento Rápido de Índices para o Aedes aegypti, LIRAa. A iniciativa permite às entidades sanitárias conhecerem de forma rápida, por amostragem, a quantidade de domicílios com a presença de recipientes com larvas do mosquito, que é vetor da Dengue, Chikungunya, Febre pelo vírus Zika e Febre Amarela. Realizado através do setor de Controle de Vetores, da Divisão de Vigilância em Saúde, ação acontece até dia 7 de maio.

Criada em 2002, pelo Ministério da Saúde, a ferramenta permite medir o índice de infestação e, consequentemente, monitorar o nível de perigo da propagação de arboviroseas (infecções virais transmitidas por vetores), transmissíveis pelo mosquito. Afinal, quanto maior a população do vetor, maior também será a propensão das pessoas se infectarem por doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. Ao mapear os locais com alto índice de infestação, é possível alertar a população e os órgão sanitários sobre possíveis surtos das arboviroses.

O coordenador do Controle de Vetores, Allan Dantas Melo, explica que “o primeiro LIRAa do ano apresentou um Índice de Infestação Predial, IIP, de 0,5%, o que nos coloca em uma situação de baixo risco. Só que para esse dado, é bom ponderar o baixo volume de chuvas no período que foi realizado o levantamento, assim como as normas sanitárias impostas pelo Ministério da Saúde devido à pandemia da Covid-19, que faz com que os agentes não possam adentrar em todos os imóveis, apenas naqueles com acesso pelas laterais”.

De acordo com as classificações do Ministério da Saúde, os Índices de Infestação predial inferiores a 1% não apresentam risco. Já aqueles com índice de infestação entre 1% e 3,9% são considerados em situação de alerta. E considera-se em risco de surto de dengue quando o índice de infestação é maior que 4% de todos os imóveis pesquisados.

O levantamento é feito através de uma amostra da cidade,  onde são feitas visitas em 1/5 dos imóveis nas localidades sorteadas pelo sistema. “Por exemplo, em um quarteirão com 40 imóveis, o agente deverá adentrar em oito, respeitando um intervalo de cinco imóveis entre uma visita e outra. E é por meio desses imóveis visitados no LIRAa que se chega ao índice de infestação do município, que é o número de focos encontrados versus o número de imóveis visitados. Através desse número, podemos ver em que patamar de infestação nos encontramos, se baixo, médio ou alto risco”, explica Allan Dantas.

O coordenador destaca ainda que o período chuvoso é o de maior atenção do órgão, pois “no período chuvoso a propensão de aumento do número populacional do Aedes aegypti se dá principalmente pela ampliação do número de reservatórios onde a fêmea do mosquito poderá  depositar os seus ovos”. 

“Por isso que se faz de fundamental importância que se redobrem os cuidados durante esse período. A principal orientação que fica é uma mensagem bem simples, cuide do seu lar, já que a ação do morador é o que realmente faz a diferença no combate ao mosquito”, conclui. 

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

AMARANTE: Finalizada obras do IEMA

Publicado

em

Mais duas cidades maranhenses estão prestes a receber obras importantes na área da educação. As equipes de engenharia da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) finalizaram as obras no Instituto de Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) em Santa Luzia do Paruá e Amarante do Maranhão.

Na região oeste, na cidade de Amarante, a população aguarda ansiosa pela entrega oficial do prédio. A estrutura é ampla e moderna, atendendo as necessidades da comunidade estudantil. Antes, os alunos precisavam se deslocar até Imperatriz para buscar outras alternativas para ampliar o conhecimento. Agora, com a nova infraestrutura pronta, o município de Amarante passará a oferecer vagas de ensino para as cidades e povoados vizinhos.

“Com essa unidade do IEMA chegando, muitos jovens terão aulas que Amarante nunca viu, com aulas em tempo integral e com cursos técnicos. Será um salto na educação! Eu, assim como toda a população de Amarante, estou muito ansioso por isso”, destaca o estudante Thiago Viana. 

Continue lendo

Maranhão

Maranhão oferece auxílio ao Governo Federal para recuperar rodovias federais no estado

Publicado

em

O governador do Maranhão, Flávio Dino, usou as redes sociais nesta segunda-feira (2) para anunciar que encaminhou ofício ao ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, ofertando auxílio estadual para recuperação emergencial das rodovias federais (BRs) situadas no Maranhão. 

No documento encaminhado à Esplanada dos Ministérios, Dino frisa que, “com esteio no federalismo cooperativo”, coloca o Governo do Estado à disposição do Governo Federal para auxiliar na recuperação emergencial das rodovias federais “diante a situação gravíssima de vários trechos de BRs situadas no Maranhão”. 

“Encaminho ao Governo Federal proposta de um mutirão para salvar todas as rodovias federais BRs no Maranhão. Formalizo oferta de AJUDA ESTADUAL e pedido de autorização para atuarmos nas estradas federais. Situação grave nessas BRs de grande circulação”, comunicou o governador. Ele citou a BR-226 como exemplo de rodovia federal degradada em território maranhense.

De acordo com o ofício encaminhado ao ministro da Infraestrutura, o apoio estadual funcionaria como uma espécie de “mutirão”. Na oferta de auxílio, o governador ressalta que a solicitação de parceria entre a gestão estadual e o governo nacional “atende aos anseios da população”, é uma prioridade do Governo do Maranhão e “resguardaria a vida”, já que é iminente o risco de acidentes nos trechos deteriorados. 

“O mutirão deve ocorrer em TODAS as rodovias federais, começando das piores. Estamos lutando com as nossas MAs e apoiando os municípios com suas ruas e vicinais. E ofertamos ajuda ao Governo Federal para que este consiga cumprir seu dever”, concluiu o governador.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Estacionamento, embarque e desembarque de passageiros em trecho na Rua Sousa Lima é proibido

Publicado

em

Para melhor fluidez no trânsito, foi feita a nova sinalização da Rua Sousa Lima, no trecho das avenidas Getúlio Vargas e Dorgival Pinheiro de Sousa, restringe estacionamento; embarque e desembarque de passageiros do lado direito da via. Perímetro está completamente sinalizado, e passa a ser fiscalizado diariamente pelas viaturas de áreas da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes, Setran.

O coordenador-geral de Trânsito, Hodislan Maciel, explica que desde que foi implantada a nova sinalização, agentes de trânsito buscam orientar condutores a respeitar a proibição de estacionamento de veículos do lado direito da Rua Sousa Lima, no Centro. “É uma via de intenso tráfego de carros que causava congestionamentos e prejudicava a fluidez do trânsito”, justifica.

Ele ressaltou que “esse trecho da via fica proibido o embarque e o desembarque de passageiros, pois comprometia a fluidez, devendo estar livre para circulação de veículos que passam pela Rua Sousa Lima, sentido Avenida Getúlio Vargas”.

Hodislan Maciel explica ainda que “o órgão de trânsito com circunscrição sobre a via tem autonomia para decidir sobre a proibição de estacionamento e/ou de para sempre que as circunstâncias representarem prejuízo ou risco ao trânsito”. “A Setran busca alternativas para melhorar cada vez mais a fluidez de via que apresentam pontos de congestionamentos, principalmente durante os chamados horários de picos”, concluiu.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze