A empresa Suzano informou que irá tomar medidas contra o motorista de uma carreta, flagrado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no sábado, 26, na BR-010, na região de Imperatriz, no sul do Maranhão, que dirigia embriagado.

Ele foi submetido ao teste do etilômetro e estava com índice de 1.04 mg/L, o que configura crime de trânsito. Ele acabou preso, encaminhado para a Delegacia de Imperatriz e ainda foi autuado por dirigir com as lâmpadas queimadas.

A empresa disse que todo seu transporte de madeira é realizado por prestadores de serviço e que os mesmos passam por treinamentos relacionados a procedimentos de segurança na estrada.  Além do processo educacional, a empresa também possui programas que monitoram e penalizam qualquer desvio em segurança.

A companhia reforça que não compactua com este tipo de atitude e que já acionou a prestadora de serviço para tomar as medidas cabíveis.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.