Connect with us

Bico do Papagaio

ITAGUATINS: Acusado de matar irmão de policial em Parauapebas é capturado em bar

Publicado

em

Policiais Civis da 17ª Delegacia de Polícia de Itaguatins, no extremo norte do estado, com apoio de agentes da 16ª DP de São Miguel do Tocantins, efetuaram nesta sexta-feira,29, a prisão de um homem de 28 anos de idade, o qual é suspeito pela prática de homicídio na cidade de Parauapebas-PA. Ele foi localizado por agentes da Polícia Civil em um bar na cidade de Itaguatins e capturado, mediante cumprimento a mandado de prisão preventiva, expedido pela 1ª Vara Criminal de Parauapebas.

Segundo o delegado-chefe da 17ª DP, Antonio Bandeira, os policiais civis obtiveram informações da polícia paraense de que um indivíduo suspeito de assassinar o irmão de um policial militar de Parauapebas estaria escondido em Itaguatins. “Com base nas informações recebidas, intensificando as buscas e localizamos o suspeito e, de posse da decisão judicial, efetuamos a prisão do mesmo”, disse a autoridade policial.

Assim, o homem foi conduzido até a sede da central de atendimento da Polícia Civil em Araguatins. Após os procedimentos legais cabíveis, ele foi recolhido à Unidade Prisional daquele município, onde permanecerá a disposição do Poder Judiciário da Comarca de Parauapebas, município para onde deve ser recambiado.

O crime

Segundo o delegado Antonio Bandeira, na noite do dia seis de dezembro de 2020, o suspeito foi até a casa da vítima, de 47 anos, e iniciou uma conversa que, momentos depois, evoluiu para um confronto físico. “Durante a luta corporal, o indivíduo preso hoje desferiu vários socos e chutes que atingiram, sobretudo, a cabeça da vítima. Mesmo socorrida a vítima não resistiu à gravidade dos ferimentos e veio a óbito”, disse o delegado.

Fuga para o Tocantins
Ainda segundo a autoridade oficial, um dia depois de supostamente cometer o crime, investigado fugiu para Itaguatins, onde permanecia em liberdade até a data de hoje.

Periculosidade

O Delegado ressalta ainda que o homem preso é de extrema periculosidade e já responde a um crime de homicídio tentado em Itaguatins, além de crimes de roubos. ”Nossas investigações apontaram que o suspeito havia se mudado para o Pará, onde respondia, em liberdade,  pelos crimes praticados no Tocantins”, frisou o Delegado.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

PRAIA NORTE: Quinta morte por Covid-19 é confirmada

Publicado

em

O quinto óbito por Covid-19 foi oficializado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), no município de Praia Norte, no Bico do Papagaio. A informação foi divulgada por meio do Boletim Epidemiológico.

A vítima é uma mulher de 84 anos, com hipertensão arterial sistêmica. Ela morreu na quinta, dia 25, no Hospital Regional de Augustinópolis.

Continue lendo

Bico do Papagaio

PRAIA NORTE: Morte é confirmada por Covid-19

Publicado

em

Neste sábado, 27, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio de seu Boletim Epidemiológico, confirmou mais um óbito por Covid-19, no município de Praia Norte, no Bico do Papagaio. Agora sobe para 4 o número de vítimas da doença.

O óbito oficializado neste sábado, é de um homem de 65 anos, obeso, de morreu dia 20 de janeiro, no Hospital Regional de Augustinópolis.

Continue lendo

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Na Vila dos Pescadores, homem é preso com arma e maconha após agredir companheira

Publicado

em

Na noite de sexta-feira, 26, por volta das 21h, através de policiais militares da 5ª Companhia Independente, quando realizavam a Operação Pagamento em Tocantinópolis, a Polícia Militar prendeu um homem de 44 anos de idade, por posse irregular de arma de fogo de uso permitido. 

A prisão ocorreu quando os Policiais foram informados sobre uma ocorrência de violência doméstica na Rua da Palha, na Vila dos Pescadores. Quando chegaram na residência foram recebidos pela companheira do autor a qual relatou que mora com o acusado e que este havia lhe agredido com empurrões, mas não pretendia representar o crime de violência doméstica.  

Após entrevista com o casal, a mulher de 24 anos, informou que no interior da residência havia uma arma de fogo. Imediatamente a equipe efetuou busca e localizou a referida arma. Foi localizado também uma munição calibre 28 intacta, uma certa quantidade de substância análoga a maconha e cinco armas brancas. Outrossim, a arma de fogo localizada, trata-se de fabricação artesanal, tipo revólver, calibre 22.

O acusado foi conduzido à Delegacia da Polícia Civil em Tocantinópolis para os procedimentos cabíveis. As armas, a munição e a substância entorpecente foram exibidos na mesma delegacia.

Continue lendo
publicidade Bronze