Connect with us

Pará

Justiça intensifica combate à violência doméstica e familiar em Marabá-PA

Publicado

em

Policiais militares e guardas municipais que atuarão diretamente no atendimento às mulheres vítimas de violência no município de Marabá, sudeste do estado, participaram, nesta quarta-feira (25), de um curso de formação. O curso faz parte de uma série de atividades relativas à luta contra a violência doméstica em municípios da região sul do Pará promovidas pela Coordenadoria Estadual das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Tribunal de Justiça do Pará (CEVID/TJPA), que tem à frente a desembargadora Diracy Nunes Alves.

As servidoras do TJPA Aline Farias (assessora da CEVID) e Riane Freitas (pedagoga) ministraram a capacitação, que ocorreu no Fórum da cidade. Na terça-feira (24) a equipe da CEVID apresentou o projeto “Judiciário na Escola: Unidos no Combate à Violência Doméstica” ao titular da Secretaria Municipal de Educação de Marabá, Luciano Lopes Dias, e a professores da rede de ensino do município. Na ocasião, houve a entrega da minuta do Acordo de Cooperação Técnica que deverá ser firmado com a Prefeitura de Marabá, referente ao projeto. Tanto a capacitação dos agentes de segurança pública quanto a reunião de apresentação do projeto contaram com a presença do juiz da 3ª Vara Criminal de Marabá, Alexandre Arakaki.

Processo de violência doméstica

Atualmente, existem aproximadamente 900 processos de violência doméstica e familiar em andamento em Marabá, segundo o TJPA. Deste total, 4 tratam de feminicídios. Só neste mês de outubro, 23 medidas protetivas de urgência foram expedidas no município. De Marabá, a equipe da CEVID segue para Redenção, onde ocorre, desde a última terça-feira (24), esforço concentrado no julgamento de processos envolvendo violência doméstica. A força-tarefa será realizada até este sábado (28).

Para os acadêmicos de direito e para a sociedade em geral também será ministrada pela servidora Riane Freitas, doutora em educação pela Universidade Federal do Pará (UFPA), a palestra “A Lei Maria da Penha e o Combate à Violência Doméstica e Familiar”. A palestra será realizada na sexta-feira (27), às 9 horas, no Plenário da Câmara Municipal de Redenção.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Pará

MARABÁ: Integrantes do MST obstruem BR-155

Publicado

em

Por volta das 7, deste segunda-feira, 29, integrante no Movimento de Trabalhadores Sem Terra (MST), bloquearam passagem na rodovia BR-155, em frente à Fazenda Cedro, em Marabá, na região de Carajás, Pará.

Às 9 horas os manifestantes iniciaram um movimento de liberação parcial, deixando passar uma parcela dos carros, para diminuir a fila de carros, mas prometem seguir com o bloqueio ao longo do dia.

Segundo Welington Saraiva, coordenação estadual do MST, foi a única forma que o grupo encontrou de chamar a atenção das autoridades e tentar cancelar o que chama de “despejo”. Ele afirma que são 150 famílias naquele acampamento na fazenda. “Entendemos que despejo no período de pandemia é crime e violação aos direitos humanos”, defende.

Continue lendo

Pará

Assista o Conexão Rural deste final de semana – Dias 27 e 28

Publicado

em

Continue lendo

Pará

PARAUAPEBAS: 13ª da Prefeitura será pago dia 7 de dezembro

Publicado

em

O secretário de administração de Parauapebas, município da região de Carajás, Pará, Cássio André Flausino, anunciou as datas de pagamento do 13ª Salário e os meses de novembro e dezembro.

O 13ª Salário será pago dia 7 de dezembro. O pagamento do mês de novembro será nesta sexta, dia 26 e o mês de dezembro, dia 17 do mesmo mês.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze