Connect with us

Bico do Papagaio

LUZINÓPOLIS: Ex-prefeito Ary é suspeito de fraudar licitação

Publicado

em

O direcionamento de licitação destinada à contratação de empresa, no ano de 2014, para fornecimento de materiais de limpeza, utensílios, consumo e alimentação levou o Ministério Público do Tocantins, por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Tocantinópolis, a ajuizar nesta quinta-feira, 12, Ação Civil Pública (ACP) em desfavor do ex-prefeito de Luzinópolis, José de Arimatéia Coelho e Damasceno; dos servidores municipais José Alves Damasceno Júnior, Antônio Sousa dos Santos, José Cardoso da Costa; e do empresário Nelson da Silva Noleto.

As supostas irregularidades foram noticiadas por meio de denúncia anônima ao Ministério Público que, a partir da instauração de inquérito civil público, apurou que o procedimento licitatório, na modalidade pregão presencial, foi apenas pretexto para que o Município de Luzinópolis pudesse contratar a empresa N. da Silva Noleto Comércio e Serviços-ME, única a comparecer no dia e hora da abertura da sessão e credenciamento dos licitantes. No entanto, o procedimento restou comprometido em virtude de irregularidades que macularam a legalidade do certame.

Segundo o Promotor de Justiça Celsimar Custódio, a referida empresa, vencedora do pregão, estaria impedida de se consagrar vencedora, em razão de possuir restrição na junta comercial, desde o ano de 2012, tendo ainda apresentado a comprovação de regularidade fiscal sem que a mesma fosse autenticada pela Secretaria da Fazenda do Estado do Maranhão, onde a empresa era registrada. “Verifica-se conluio dos servidores públicos responsáveis pelo pregão e do gestor municipal com o titular da empresa, a fim de que esta participasse do certame, com o propósito manifesto de direcionamento de licitação”, expôs Celsimar.

Com base nos apontamentos, a ACP requer à Justiça a concessão de medida liminar determinando a indisponibilidade dos bens dos requeridos, no valor R$ 347.805,10 a fim de recompor o dano efetivamente causado ao erário. (Denise Soares)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Bico do Papagaio

CARRASCO BONITO: Irmãos suspeitos de homicídio em 2019 são presos

Publicado

em

Dois irmãos suspeitos de praticar um homicídio no município de Carrasco Bonito, no Bico do Papagaio, foram presos pela Polícia Civil do Tocantins na manhã desta quinta-feira, dia 24, mediante cumprimento a mandados de prisões preventivas, expedidos pelo Poder Judiciário da Comarca de Augustinópolis.

De acordo com o delegado regional, Eduardo Morais Artiaga, os dois irmãos de 30 e 32 anos foram localizados um no Tocantins e outro no Maranhão, após investigações das equipes da 1ª Delegacia Regional de Araguatins. Eles são suspeitos de assassinar a golpes de faca, o jovem Lucas Alves Carneiro, fato ocorrido no dia 29 de julho de 2019, em uma rua da cidade de Carrasco Bonito.

Ainda segundo a autoridade policial, o motivo do homicídio teria sido uma desavença que os irmãos tinham com a vítima, sendo que, no dia do crime, os três homens se encontraram, momento em que um dos irmãos de 32 anos, segurou a vítima, para que seu irmão desferisse um golpe de faca que atingiu o peito de Lucas. Mesmo socorrido, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local.

Logo após o crime, a Polícia Civil iniciou as investigações e pouco tempo depois conseguiu elucidar toda a dinâmica dos fatos. Assim, o delegado responsável pelo caso representou pelas prisões dos dois suspeitos. No entanto, antes de serem presos, os homens fugiram e passaram a ser procurados.

Com o aprofundamento das buscas e diligências, os dois irmãos foram localizados e presos, simultaneamente, nas cidades de Carrasco Bonito e também Imperatriz. Em seguida, eles foram conduzidos para a Central de Atendimento da Polícia Civil em Augustinópolis, onde a autoridade policial deu cumprimento aos mandados judiciais. Logo depois das providências legais cabíveis, os homens foram encaminhados à Cadeia Pública da cidade, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário. (Rogério de Oliveira)

Continue lendo

Bico do Papagaio

ARAGUATINS: Conselheiros tutelares buscam melhoria salarial

Publicado

em

Os conselheiros tutelares do município de Araguatins, no Bico do Papagaio, estiveram na semana passada em reunião com os vereadores, para pedir apoio referente a reajuste salarial.

Foi apresentado aos parlamentares um relatório das ações desenvolvidas, enfatizando a realidade de como é desenvolvido o trabalho do Conselho Tutelar na garantia de direitos de crianças e adolescentes.

Continue lendo

Bico do Papagaio

TOCANTINÓPOLIS: Dupla é suspeita de roubar vendedor ambulante

Publicado

em

A Polícia Militar prendeu um homem de 19 anos e apreendeu um adolescente infrator de 13 anos, na tarde dessa quarta-feira, 23, por volta das 14h30, depois que os indivíduos roubaram um vendedor ambulante e tentaram invadir uma residência. Com um dos suspeitos, foi encontrada a faca utilizada na ação criminosa.

As equipes policiais foram informadas sobre uma invasão em uma casa no Bairro Alto da Boa vista III, em Tocantinópolis, e ao chegarem ao local, os militares encontraram parte da parede da residência quebrada e se depararam com os dois indivíduos.

Durante a busca pessoal foi encontrada na cintura do homem de 19 anos, uma arma branca (faca). Os policiais descobriram que a mesma dupla havia roubado um vendedor ambulante a poucos minutos usando a faca. 

Diante da situação os envolvidos foram conduzidos e apresentados na delegacia de plantão em Tocantinópolis, para os procedimentos legais cabíveis.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze