Connect with us

Pará

MARABÁ: Especialista do Hospital Regional comenta as consequências trágicas ao misturar álcool e direção ao volante

Publicado

em

A embriaguez ao volante é uma das principais responsáveis pelas mortes no trânsito em todo país. Segundo estudo divulgado pelo Ministério da Saúde, 21% dos acidentes registrados no Brasil estão relacionados ao consumo de álcool. 

De acordo com o médico Marcio Costa, neurocirurgião com atuação no Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, o consumo de álcool, mesmo em pequenas doses, causa muitos prejuízos ao cérebro. Além da dificuldade para andar, visão turva e voz arrastada, os reflexos diminuem e retardam o tempo de resposta, o que pode levar a acidentes graves e até óbitos no trânsito. 

“Nas primeiras doses, o álcool atua como estimulante e pode temporariamente gerar a sensação de excitação. No entanto, como é um depressor do Sistema Nervoso Central, as inibições e a capacidade de julgamento são rapidamente afetadas, prejudicando o processo de tomada de decisões”, explica. 

O especialista ainda ressalta que o aumento no consumo do álcool, as habilidades motoras e o tempo de reação também sofrem consequências, e o comportamento torna-se descontrolado, com tendência para maior impulsividade e agressividade, comprometendo mais a aptidão para dirigir. 

“A ingestão de altas doses de álcool pode causar sonolência ou até mesmo desmaios ao volante. A bebida reduz muito os reflexos e a capacidade de reação do condutor, dirigir exige máxima atenção. Somente com senso de responsabilidade e engajamento de todos podemos ter um trânsito mais seguro e humano”, afirma o neurocirurgião. 

Saiba quais os efeitos do álcool no corpo: 

Diminuição da atenção e da vigilância, reflexos mais lentos; 

Redução da força muscular; 

Dificuldade de coordenação, problemas de equilíbrio e de movimento; 

Alteração de algumas funções visuais, e fala arrastada; 

Sonolência e perda da consciência. 

Além dos riscos à saúde e a segurança, a embriaguez ao volante também é uma infração gravíssima de acordo com o artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). As penalidades envolvem multa e a suspensão do direito de dirigir por 12 meses, podendo causar a detenção e a perda do direito de dirigir. 

Conscientização 

Na Semana Nacional de Trânsito, promovida em todo país de 18 a 25 de setembro, o Regional do Sudeste do Pará vem realizando junto aos pacientes campanhas de conscientização por meio do programa “Direção Viva”. 

O objetivo é promover a conscientização e prevenção aos acidentes de trânsito, integrando as iniciativas da Pró-Saúde voltadas para a sociedade. 

Além de palestras, distribuição de folhetos informativos para motoristas e pedestres, o hospital promove blitz educativas que orientam sobre os riscos e sequelas que os traumas causados por esses acidentes provocam, além de dicas de segurança para evitá-los. 

O Regional do Sudeste é uma unidade que pertence ao Governo do Pará, sendo gerenciado pela entidade filantrópica Pró-Saúde com atendimento 100% SUS (Sistema Único de Saúde). A unidade é referência para mais de 1 milhão de pessoas de 22 municípios na prestação de serviços como ortopedia-traumatologia, cardiologia, oftalmologia, cirurgia plástica reparadora, hemodiálise e até partos de alto risco. 

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Pará

XINGUARA: EMATER fortalecerá piscicultura e fruticultura entre famílias do Projeto Casulo

Publicado

em

Cento e cinquenta famílias que integram a Associação Casulo, em Xinguara, sul do estado, serão assistidas com a inserção de novas atividades produtivas dentro do Programa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Proater), instrumento de gestão da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater-PA). O trabalho inclui estratégias de fortalecimento das cadeias de produção já existentes, como a fruticultura e a piscicultura.

Na sexta-feira (22), a propriedade rural da presidente da associação, Rosima da Rocha, recebeu a visita do técnico do escritório local, Eloelde Lima; do supervisor regional de Conceição do Araguaia, Leandro Santos; e da presidente da Emater, Lana Reis. Como encaminhamento, foi determinado a execução de um novo diagnóstico na área coletiva, visando a um plano de desenvolvimento de ações.

“Nosso trabalho de assistência técnica e extensão rural é contínuo, indo de acordo com as demandas do nosso público atendido em todos os 144 municípios paraenses para o fortalecimento da produção da agricultura familiar em todo o estado”, afirmou a presidente da Emater, Lana Reis.

A comunidade já contou com o assessoramento dos técnicos da Emater local para obtenção de financiamento via linha A, do Programa Nacional de Fortalecimento a Agricultura Familiar (Pronaf).

“Essa assistência da Emater é muito importante para nós,  pois recebemos orientação de como melhorar nossa produção, para nossas famílias acessarem as políticas públicas, para todo mundo crescer”, disse Rosima.

O supervisor regional da Emater em Conceição do Araguaia, Leandro Santos, disse que o trabalho na comunidade é feito há mais de 15 anos. “Com essas ações se busca trazer melhoria de vida para as pessoas que ali residem através da geração de emprego e renda”.

Através do Proater são desenvolvidas as ações de assistência técnica e extensão rural junto aos produtores familiares rurais, visando à produção sustentável, agregação de valor, geração de renda, organização social, diversificação agropecuária, inclusão social e manejo sustentável dos recursos naturais. (Paula Portilho) 

Continue lendo

Pará

MARABÁ: Unidade integrada em São Félix vai garantir mais segurança pública ao município

Publicado

em

O governador Helder Barbalho inspecionou as obras da Unidade Integrada de Segurança do núcleo urbano de São Félix, em Marabá, nesta segunda-feira (25). Com um investimento de quase R$ 5 milhões, fruto de uma cooperação técnica com a empresa Vale, os trabalhos devem ser concluídos até abril de 2022. 

“Estamos iniciando hoje as obras do complexo de Segurança Pública na região que inclui São Félix, Morada Nova, os municípios que estão do outro lado do Tocantins, podendo, com isso, ter uma maior presença dos órgãos de segurança, a Polícia Militar, Polícia Civil, Departamento de Trânsito, Centro de Perícias e todo o Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, portando um conjunto de serviços de segurança para garantir paz para a população”, destacou o governador.

No local que abrigaria o centro de perícias, cujas obras ficaram inacabadas, serão instaladas estruturas da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), além da unidade básica de saúde do Comando de Policiamento Regional (CPR II), onde será feito atendimento médico, odontológico, psicológico e farmacêutico. 

O governador enfatizou o compromisso em oferecer segurança para acompanhar o crescimento do município. “Já vivemos a experiência em que a audácia da criminalidade chegou a fechar as pontes do município, deixando a situação em quase estado de sítio. E com a atuação deste complexo em São Félix representa ter uma estrutura dos órgãos de segurança do outro lado do rio Tocantins, permitindo que a comunidade possa ser assistida”, destacou Helder, durante discurso. (Dayane Baía)

Continue lendo

Pará

MARABÁ: 5° Grupamento Bombeiro Militar inaugura obras de infraestrutura

Publicado

em

Com atuação estratégica no combate a incêndios urbanos e florestais e atendimento emergencial durante as tradicionais cheias do rio Tocantins, o 5° Grupamento Bombeiro Militar (GBM), em Marabá, recebeu obras de infraestrutura. Nesta segunda-feira (25), o governador Helder Barbalho participou da entrega oficial do prédio que recebeu Polo de Formação, novo alojamento feminino, guarita e uma viatura auto-plataforma mecânica com alcance de 20 metros de altura.

Nas obras de reforma e ampliação do 5º GBM, o Governo do Estado empregou, por meio do Fundo de Investimento de Segurança Pública (FISP), o valor de R$ 721.898,18 e conta com serviços de pintura, reforma de instalações elétrica e hidráulica de todo o complexo.

Em discurso, Helder Barbalho destacou a importância das obras para garantir melhores condições de trabalho ao Corpo de Bombeiros e, por conseguinte, o reflexo na prestação de serviço à comunidade.

“Quero festejar aqui os investimentos de mais de R$ 700 mil para reconstruir essa estrutura que foi entregue em 1993, ainda na gestão do governador Jader Barbalho. Hoje, ela está sendo reestruturada e adaptada para as necessidades dos dias atuais. Também aproveito para festejar a chegada desta plataforma. Pela primeira vez teremos uma estrutura fixa em Marabá para atender a casos de incêndio e com isso prestar o serviço com maior qualidade para a população de Marabá”, enfatizou o chefe do poder Executivo estadual.

Participaram da agenda autoridades municipais como o prefeito Sebastião Miranda Filho, a deputada federal Elcione Barbalho e o estadual Chamonzinho, além do secretariado estadual e o comandante geral dos Bombeiros, Hayman Apolo.

Homenagem Póstuma

Durante a agenda, foi inaugurado o Polo de Formação Bombeiro Militar 2º Sargento BM Paulo Ronaldo Batista, cujo nome refere-se ao membro de trajetória ilibada na carreira militar e atuação na unidade, falecido em 2018.

Idealizado para qualificação, aperfeiçoamento e instrução dos militares da região de Marabá, objetivando a capacitação através de cursos de formação ou de especialização. O prédio é composto por duas salas de aulas, alojamentos e banheiros para atender e dar suporte aos alunos em curso.

Plataforma em Altura

Primeiro do interior do Estado, o 5º GBM recebeu uma viatura auto plataforma mecânica (APM – 04), com alcance de 20 metros de altura ao grupamento, auxiliando no suporte a operações de salvamento em altura e combate a incêndios urbanos. (Dayane Baía)

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze