Connect with us

Maranhão

MARANHÃO: Bacabal sedia etapa do Fórum Regional de Cultura

Publicado

em

Representantes dos municípios da região Central do Maranhão, incluindo o Médio Mearim, se reuniram, sábado, 22 e domingo, 23, no Centro Franciscano de Animação Missionária de Bacabal (Cefram), onde discutiram assuntos ligados à municipalização da cultura. O evento contou com a participação de gestores públicos e culturais e representantes da sociedade civil. A cidade é a segunda a sediar o Encontro, que acontecerá, ainda, em Codó, Imperatriz e São Raimundo das Mangabeiras.

Desde o ano passado, a Secretaria de Estado da Cultura (Secma) vem realizando encontros, com o propósito de debater todos os processos relacionados à institucionalização da cultura em todo o Maranhão, bem como levar informações acerca da municipalização cultural. Nesse contexto, já foram realizados seminários sobre o Sistema Nacional de Cultura, sobre a ‘territorialização cultural’, bem como a Conferência Estadual.

Segundo a secretária-adjunta de Cultura, Marlilde Mendonça Abreu, em cada uma dessas oportunidades, os participantes, gestores políticos e culturais, conhecem, de maneira mais detalhada, a nova fase por que o setor vem passando, desde 2005. “Foi o ano em que a cultura deixou de ser vista como despesa pública e passou a ser encarada como um campo de investimentos”.

 “Esses eventos promovidos pela Secma têm funcionado como uma convocação da sociedade civil e dos representantes públicos para o desenvolvimento sustentável da cultura. Com isso, as pessoas estão vendo que a valorização e o incremento cultural só acontecem quando todos os segmentos sociais se envolvem”, destaca Marlilde Abreu.

A secretária-adjunta acrescenta, ainda, que a função de levar informação para o Maranhão está sendo cumprida. Os Fóruns Regionais possibilita que o estado  faça a municipalização da cultura.

Para o prefeito de Esperantinópolis, Mario Jorge Carneiro, esse envolvimento intersetorial vem acontecendo devido ao maior engajamento das pessoas. “Todos estamos percebendo que a cultura está ganhando uma importância cada vez maior dentro da economia do Maranhão, o que vem acontecendo devido não apenas à atual conjuntura nacional, mas, sobretudo, pelo interesse do nosso Governo Estadual”, ressaltou.

Debates

Neste sábado (22), no Fórum em Bacabal foram realizadas palestras centradas no processo de municipalização. Temas como “Institucionalização da cultura”, “Sistema Nacional de Cultura (SNC)”, “Sistema Estadual e Municipal de Cultura” e “A capacitação na área da gestão cultural”, entre outros, serão abordados por técnicos da Secma e por representantes do Ministério da Cultura.

No domingo, das 9h às 11h, foi realizada a Oficina de Capacitação para Multiplicadores dos Microprojetos, por meio do Programa Mais Cultura. A atividade é voltada a pessoas que trabalham ou pretendem desenvolver ações na área cultural e terá a participação da representante do Ministério da Cultura (MinC), Selma Santiago.

Institucionalização

Conforme estabelecido pelo Ministério da Cultura, a partir da implantação do Sistema Nacional de Cultura (SNC), todos os estados brasileiros deverão ter efetivado a municipalização cultural. Na prática, isso significa a criação de uma Secretaria ou Fundação de Cultura, de um Conselho, de um Fundo e de Leis de Incentivo à Cultura. Trata-se de um processo de formalização do setor cultural, tal qual já existe na Saúde e na Educação, por exemplo. “Somente assim, todos estarão aptos a receberem os recursos federais para o desenvolvimento de projetos na área da cultura”, finaliza a secretária-adjunta de Cultura do Maranhão.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Moradores reclamam de coleta de lixo

Publicado

em

Moradores de diversos bairros de Imperatriz, município da região Tocantina, no estado do Maranhão, tem reclamado da falta de coleta de lixo.⠀

Os moradores relatam que a coleta de lixo não acontece há uma semana, e que o mau cheiro já está insuportável em diversas ruas.⠀

A Secretaria de Limpeza Pública disse que oito carros estavam em manutenção, mas nos próximos dias a atendimento deve ser normalizado. (Informações e imagens ImperatrizOnline)

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Homem é morto com tiro nas costas na Avenida Jacob

Publicado

em

Na noite desse sábado (21), um homem identificado por Fernando Silva Gomes, de 26 anos, foi morto com um tiro nas costas, em Imperatriz, na região Tocantina.

De acordo com informações policiais, Fernando era morador da cidade de João Lisboa, a 637 Km de São Luís e trabalhava em uma loja de material de construção em Imperatriz. Ainda segundo a polícia, a vítima não resistiu ao ferimento e acabou vindo a óbito.

O caso está sendo investigado e até o momento, não há informações sobre o suspeito do crime e a motivação do homicídio.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Motorista embriagado no Povoado Lagoa Verde é flagrado na BR-010

Publicado

em

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu na noite desse domingo (22) na BR-010, no Povoado Lagoa Verde, em Imperatriz, na região Tocantina, no estado do Maranhão, um motorista com sinais de embriaguez.

Segundo os policiais rodoviários, por volta das 19h25 de domingo uma equipe da PRF de plantão na Unidade Operacional da PRF na Lagoa Verde recebeu denúncia anônima que havia um veículo de passeio de cor branca realizando várias manobras em zigue-zague na BR-010. De imediato a equipe PRF deslocou-se e alcançou o veículo denunciado na altura do km 263, onde foi dada ordem de parada ao carro que era conduzido por um homem de 48 anos.

Os policiais perceberam que o condutor apresentava sinais de ingestão de bebida alcoólica, tais como odor etílico, andar cambaleante, vestes em desalinho e olhos vermelhos. Ao ser questionado, narrou que havia iniciado a ingestão por volta de 15h30 e que tinha ingerido cerca de quatro latas de cerveja. Após ser submetido a exame de alcoolemia, os policiais rodoviários constataram o teor de 1.09 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Em consulta aos sistemas de segurança, os policiais verificaram que o condutor do veículo também não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Diante das informações, os policiais rodoviários constataram a princípio os delitos de conduzir veículo com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool, embriaguez ao volante e dirigir veículo automotor, em via pública, sem a devida permissão para dirigir ou habilitação ou, ainda, se cassado o direito de dirigir, gerando perigo de dano.

Continue lendo
publicidade Bronze