- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
sexta-feira, 20 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

MARANHÃO: Chega ao fim a greve dos professores da rede estadual

Mais Lidas

Depois de 77 dias de paralisação, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma) suspendeu, nesta terça-feira (17), a greve dos professores da rede estadual de ensino. A decisão do Sindicado foi tomada depois que o governo encaminhou uma nova proposta à categoria no último dia 12.

A secretária de Estado de Educação, Olga Simão, informou que o Governo do Estado vai trabalhar os pontos acordados e, principalmente, o planejamento do calendário letivo para minimizar os prejuízos causados pela paralisação para que o ano possa ser encerrado dentro prazo estabelecido pela secretaria, no dia 23 de dezembro.

“A partir desta quarta-feira (18), já estaremos nas escolas, reunindo com os gestores para trabalhar o calendário letivo e planejar a reposição de todas as aulas não ministradas”, afirmou a secretária. 

Mesmo antes da oficialização do fim do movimento pelo sindicato, nesta segunda-feira (16), professores da rede estadual de ensino da Unidade Regional de Educação (URE) de Imperatriz voltaram às salas de aula. As regionais de Açailândia, Bacabal, Balsas, Santa Inês, Pinheiro, Timon, Zé Doca, Barra do Corda, São João dos Patos, Presidente Dutra, Chapadinha, Pedreiras, Codó, Caxias e Itepecuru-Mirim também estavam  funcionando normalmente.

A proposta encaminhada pelo governo ao Sinproesemma foi resultado do que ficou pactuado em reuniões de negociação entre o Governo do Estado e a diretoria do Sindicato. A mesa de negociação foi comandada pelo vice-governador, Washington Luiz Oliveira, e secretários Olga Simão (Educação) e Rodrigo Comerciário (Articulação Institucional).

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias