Connect with us

Maranhão

MARANHÃO: Justiça decreta ilegalidade da greve dos professores

Publicado

em

A desembargadora Nelma Sarney deferiu, parcialmente, a liminar pleiteada pela Prefeitura de São Luís, declarando ilegal o movimento grevista dos professores da rede municipal de ensino da capital maranhense, determinando o imediato retorno dos educadores às atividades, sob pena de multa diária no valor de R$ 5 mil.

A Ação Civil Pública, com pedido de liminar, movida pela Prefeitura de São Luís alega que no mês de março do corrente ano, representantes do Município, através da Secretaria de Educação (Semed), iniciaram as tentativas com o Sindicato dos Professores, referente ao reajuste salarial da categoria.

Por meio do procurador-geral Francisco Coelho, o Município alega que apresentou várias propostas e que o Sindicato dos Professores, apesar da limitação orçamentária e principalmente financeira, mostrou-se irredutível e não aceitou a proposta apresentada, restando à Mesa de Negociação, ainda aberta, novos estudos.

A Procuradoria do Município alega que o percentual concedido (8%) é bem superior ao concedido em outros anos anteriores, apontando que a Lei Municipal nº 4.786/2007, concedeu aumento de 3% aos profissionais da área de educação.

Diz ainda a Procuradoria que, a Lei Municipal nº 4.810/2007, garantiu aos mesmos profissionais um aumento de 1,5%; em abril de 2008, através da Lei nº 4941/2008 foi concedido reajuste de 4,5% e que na atual gestão do prefeito João Castelo (PSDB) foi conceidido aos professores um aumento de 8%, consoante ao expresso na Lei MUnicipal nº 5.095/2009, sendo novamente proposto o mesmo percentual neste exercício de 2010.

No entanto, a presidente do Sindicato dos Professores do Município de São Luís, professora Lindalva Batista, afirma que a categoria irá se reunir com sua assessoria jurídica para derrubar a liminar concedida pelo Tribunal de Justiça do Maranhão contra a greve dos professores.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Trio aplica golpe em moradores do Pará por meio do PIX

Publicado

em

A Polícia Civil prendeu três homens que estariam roubando dinheiro usando o PIX, a nova forma de transferir e receber dinheiro criado pelo Banco Central.

Segundo a polícia, os suspeitos moram em Imperatriz, no Maranhão, e conseguiram roubar R$ 16.800 da conta de duas pessoas que moram no Pará.

Ao serem presos, os três foram autuados pela prática de crimes cibernéticos, furto mediante fraude e Associação Criminosa. Com eles, a polícia ainda apreendeu a quantia de R$ 10.429,00, celulares e objetos de valor.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Com vitória de Braide em São Luís, Josivaldo JP vai assumir cadeira de deputado federal

Publicado

em

A vitória de Eduardo Braide (PODEMOS), para prefeito de São Luís, capital do Maranhão, neste domingo, 29, derrotando Duarte Júnior (REPUBLICANOS), beneficiou também o empresário imperatrizense, Josivaldo JP, que é primeiro suplente de deputado federal pela Coligação PMN/PHS, constituída na eleição de 2018.

A referida coligação acabou elegendo dois deputados federias, Braide e Pastor Gildenemyr, ambos do PMN na época. Braide mudou para o PODEMOS, onde se elegeu prefeito.

Josivaldo JP que acabou se tornando um dos principais interessados na vitória de Braide na capital, vai agora assumir a titularidade do mandato, com a renúncia de Braide, para assumir o comando da Prefeitura de São Luís.

Josivaldo teve 23.113 e disputou a eleição pelo PHS.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Imagem inusitada nas Quatro Bocas

Publicado

em

Nesta noite de sábado, 29, uma cena chamou atenção dos frequentadores da região das Quatro Bocas, na cidade de Imperatriz, na região Tocantina, no estado do Maranhão.

Uma mulher foi vista comendo panelada, uma comida tradicional da região, em trajes, digamos, bem à vontade. Depois de comer, a mulher embarcou em um mototáxi e foi embora.

Continue lendo
publicidade Bronze