- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 16 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

MARANHÃO: Operação inaugura linha regular de contêineres no Porto do Itaqui

Mais Lidas

Um guindaste de terra e um de bordo retiraram do navio de bandeira do Reino Unido, CMA CGM Platon, 150 contêineres, nesta quinta-feira (17), no berço 102 do Porto do Itaqui. A operação inaugura uma linha regular de contêineres para São Luís, ampliando a vocação do porto maranhense, que sempre foi de movimentação de granéis.

Os contêineres foram trazidos pela armadora CMA CGM, que atua em mais de 450 portos no mundo e cobre a maior parte dos portos na costa brasileira. A operação conteinerizada tem custos reduzidos em relação as movimentações graneleiras, abrindo um novo mercado para importação e exportação de cargas.

A operação, iniciada à meia noite da quinta-feira (17), foi feita com os trabalhadores portuários avulsos, os chamados TPAs, escalados pelo Órgão Gestor de Mão de Obra (Ogmo) do Itaqui. Teve como operadora portuária a empresa Brazil Marítima.

O descarregamento contou com a presença de empresários da comunidade portuária, além de técnicos da Emap. O navio desatracou na maré das 11h30 da manhã desta quinta-feira, completando 12 horas de estadia no Porto do Itaqui.

“Em potencial, serão beneficiadas as empresas maranhenses de pequeno e médio porte, que poderão utilizar o porto para exportar pequenas cargas para diversos locais do mundo via contêiner”, afirmou o presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), Luiz Carlos Fossati.

Com a conclusão da ferrovia Norte-Sul – que será interligada ao Porto do Itaqui através da Estrada de Ferro Carajás -, o leque de oportunidades de negócios se amplia para movimentação de cargas também dos estados do Piauí, Pará e Tocantins. “Vimos, juntamente com a Emap, a demanda do Maranhão para operações com contêiner e acreditamos no potencial do Porto do Itaqui para operações desse tipo”, afirma Alessandro Fernandes, gerente Regional Norte da CMA CGA.

Segundo o responsável pela área de operações da Emap, Gustavo Lago, cargas frigoríficas, alumínio e equipamentos são alguns dos produtos que podem ser transportados via contêiner, atendendo, inclusive, a demanda das grandes indústrias atualmente em instalação no Maranhão e das que venham a se instalar.

A linha regular para o Maranhão terá periodicidade quinzenal. Até o final do ano pode tornar-se semanal, o que garante movimentação de mais cargas em menor tempo dentro do Porto do Itaqui (just in time). “A próxima operação está programada para o mês de abril”, afirmou Gustavo Lago.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias