Connect with us

Maranhão

MARANHÃO: Professores municipais de São Luíz continuam paralisação

Publicado

em

Professores da rede municipal de ensino de São Luíz continuam com a paralisação de advertência nesta quinta-feira, 15. A manifestação será na Praça Deodoro. Ontem, quarta-feira, 14, cerca de 500 professores ficaram reunidos em frente ao Palácio de La Ravardière, sede da Prefeitura, em reivindicação por reajustes nos salários. Com a paralisação, mais de 100 mil estudantes estão sem aulas.

De acordo com informações do SINDEDUCAÇÂO – Sindicato dos Profissionais do Magistério do Ensino Público de São Luís, a Prefeitura tem que reajustar os salários dos professores em 27,14%, sendo 16,92% em relação às perdas de 2009 e 10,22% em relação a 2010. O reajuste se refere também ao aumento das verbas repassadas pelo governo federal ao município, por meio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Eles também querem o cumprimento de progressões, titulações, gratificações por locais de difícil acesso que não estariam sendo cumpridas por parte do poder público municipal.

O Imirante tentou contato com membros do SINDEDUCAÇÂO, na tarde desta quarta-feira, 14, mas não foi atendido. Em entrevista ao jornal O Estado, em matéria publicada na edição de ontem, Lindalva Batista alega que a Prefeitura não sinalizou interesse em negociação.

Outro lado

A secretária municipal de Educação, Sueli Tonial, contudo, afirmou que as negociações com os professores estão ocorrendo, mas que a pauta de 2010 ainda não está sendo trabalhada. “Estamos, sim, conversando e negociando, num clima bastante tranquilo. A prefeitura vem atendendo, atendendo e atendendo tudo que eles têm reivindicado. Até me supreendi com essa paralisação. Não havia clima para isso, não precisava”, declarou ela ao Imirante.

Em 2009, segundo Sueli Tonial, foi dado um reajuste de 8% aos professores, e, no próximo mês de maio, será concedido um aumento de progressão horizontal e vertical. Ela afirma que o salário dos docentes da rede municipal de ensino, que tem piso em R$ 1.300,00, é um dos maiores do país e acima do piso nacional. “Espero que não haja outros interesses aliados a esse movimento”, destacou a secretária.

Ela ressaltou que um aumento no repasse do Fundeb – uma das justificativas utilizadas pelos professores para um reajuste – não significa aumento de orçamento da Educação. “O repasse no Fundeb aumentou porque a prefeitura arrecadou menos no ano passado e, consequentemente, a verba do programa federal teve que ser maior para chegar o valor médio de R$ 1.400,00 por aluno. Apenas uma complementação, uma compensação”, explicou ela, dizendo que se os professores demandarem uma reunião e continuação das negociações, ela irá atender. (iMirante)

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Com vitória de Braide em São Luís, Josivaldo JP vai assumir cadeira de deputado federal

Publicado

em

A vitória de Eduardo Braide (PODEMOS), para prefeito de São Luís, capital do Maranhão, neste domingo, 29, derrotando Duarte Júnior (REPUBLICANOS), beneficiou também o empresário imperatrizense, Josivaldo JP, que é primeiro suplente de deputado federal pela Coligação PMN/PHS, constituída na eleição de 2018.

A referida coligação acabou elegendo dois deputados federias, Braide e Pastor Gildenemyr, ambos do PMN na época. Braide mudou para o PODEMOS, onde se elegeu prefeito.

Josivaldo JP que acabou se tornando um dos principais interessados na vitória de Braide na capital, vai agora assumir a titularidade do mandato, com a renúncia de Braide, para assumir o comando da Prefeitura de São Luís.

Josivaldo teve 23.113 e disputou a eleição pelo PHS.

Continue lendo

Maranhão

Flávio Dino solicita antecipação da campanha de vacinação da gripe no Maranhão

Publicado

em

Na última reunião do ano do Conselho Nacional da Amazônia Legal, nesta quinta-feira (26), o governador Flávio Dino solicitou ao presidente do Conselho e vice-presidente da República, Hamilton Mourão, que seja antecipada a campanha de vacinação da gripe (influenza). 

“No Maranhão começou o período de chuvas e as síndromes gripais começam a aparecer. É muito importante antecipar a vacina da gripe para proporcionar melhores condições operacionais no combate ao coronavírus e à influenza”, disse o governador. 

Meio Ambiente

Na reunião virtual, o governador divulgou ainda que em 2020, o Maranhão apresentou um menor número de queimadas, quando comparado com o ano anterior. “Agora, aqui no Maranhão, as queimadas começam fortemente a declinar. O nosso indicador de 2020 foi menor que o 2019 e ficou abaixo média histórica do Maranhão, no que se refere a queimadas, focos de incêndio”, disse o governador ao ressaltar a atuação do Governo do Estado por meio do Corpo de Bombeiros e secretarias do Meio Ambiente e Agricultura, em conjunto com produtores e agricultores de todo o estado. 

Outro tema abordado durante o encontro foi o Zoneamento Ecológico Econômico (ZEE). O Maranhão já concluiu todo o zoneamento do Bioma Amazônico e está em fase de execução do bioma Cerrado-Costeiro. “Até meados de 2021 teremos 100% do território com maranhense com o ZEE aprovado em lei na Assembleia Legislativa do Maranhão”, afirmou Dino. 

O governador questionou ainda sobre o repasse de recursos do Fundo da Amazônia e sugeriu a temática da bioeconomia, com maior sinergia entre setor público e o privado. “No Maranhão nós temos muitas possibilidades de arranjos produtivos significativos e ter um PPP da produção, da bioeconomia, seria uma boa oportunidade para geração de trabalho no estado”, finalizou o governador.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Governo vistoria obras de pavimentação e reforma do prédio da AIL

Publicado

em

O titular da Secretaria de Estado Extraordinária da Região Tocantina (SEERT), Pastor Luiz Carlos Porto, vistoriou as obras realizadas pelo Governo do Estado na cidade de Imperatriz. Ele informou que após a pandemia do coronavírus (Covid-19) serão vistoriadas obras em outros municípios que estão na área de abrangência da SEERT.

No Parque São José, a principal reivindicação dos moradores era o asfaltamento do segmento da Rua Rui Barbosa, uma das principais artérias do bairro, que foi incluída no programa Mais Asfalto. Outra via beneficiada com as obras da gestão estadual é a Rua do Buritizal, no Parque das Palmeiras II. 

O secretário Luiz Carlos Porto explicou que várias ruas estão sendo beneficiadas, incluindo as vias em periferias. “O secretário de Infraestrutura, Clayton Noleto, vem realizando um grande trabalho”, afirmou.

AIL

Entre as obras vistoriadas pelo secretário Luiz Carlos Porto encontra-se a de restauração do prédio que abriga a Academia Imperatrizense de Letras (AIL), um dos mais suntuosos e antigos da cidade.

Por determinação do governador Flávio Dino, as obras continuam aceleradas, a expectativa é que o prédio seja entregue à população de Imperatriz até o dia 15 de dezembro.

Na companhia do presidente da AlL, Raimundo Trajano Neto, o secretário Luiz Carlos Porto tem acompanhado o trabalho dos operários, que seguem o projeto de reforma preservando a originalidade da bela arquitetura do prédio.

Aprovado pela unanimidade dos acadêmicos, a partir de sua reinauguração o prédio será nomeado como Paço da Cultura Sálvio Dino, em homenagem ao saudoso acadêmico Sálvio Dino, falecido recentemente.

Continue lendo
publicidade Bronze