Connect with us

Maranhão

MARANHÃO: Roseana entrega helicóptero para combater criminalidade

Publicado

em

A governadora Roseana Sarney, acompanhada do secretário de Segurança Pública, Aluísio Mendes, entregou nesta segunda-feira (13), às 15h, em solenidade no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar (Calhau), um helicóptero para o Grupo Tático Aéreo (GTA) como reforço no combate à criminalidade em todo o Maranhão. O estado é o primeiro da América Latina a receber este tipo de aeronave – modelo EC145 – dotada da mais moderna tecnologia.

Em seu discurso, Roseana ressaltou o cumprimento da nova etapa do governo, que é a de garantir a segurança dos maranhenses ao equipar e capacitar as Polícias Civil, Militar e o GTA. “Uma demonstração que estamos investindo em uma polícia moderna; pronta para qualquer operação de combate ao crime, manter a tranqüilidade, afastando de vez a bandidagem do nosso estado”, afirmou a governadora.

Roseana lembrou aos presentes que assim que assumiu o Estado tratou de aparelhar a Polícia com a entrega de 443 coletes à prova de bala, 100 metralhadoras, 250 pistolas e carabinas, munição, 680 novas viaturas destinadas aos 217 municípios do Maranhão.

Ela agradeceu a parceria com o presidente Lula e enfatizou na continuidade de investimentos do estado com o governo da presidente eleita Dilma Rousseff, além de garantir ações em 2011 como o aumento do efetivo policial nos municípios.

“Vamos começar a partir do ano que vem a abrir concursos públicos, trabalhar nos projetos de câmeras de vigilância nas vias mais movimentadas do Maranhão. Enfim, continuaremos equipando as policiais para que as famílias possam sair tranqüilas às ruas”, falou Roseana Sarney.

O secretário Aluísio Mendes destacou os programas de vanguarda na área de segurança pública implantados pela governadora Roseana ainda em seu primeiro mandato, quando criou o GTA em 1996. “O Maranhão é a quarta unidade policial do mundo a operar esta aeronave. Isso mostra o salto qualitativo que estamos dando em questão de segurança pública no estado”.

Na solenidade de entrega no Quartel da PM, estiveram presentes o comandando da PM/MA, coronel Franklin Pacheco; o superintendente da PRF, Inácio Castro; a procuradora-geral de Justiça, Fátima Travassos; o líder do Governo na Assembléia Legislativa, deputado estadual Chico Gomes; o presidente da Câmara Municipal, Isaías Pereirinha, o representante da Helibrás, Marcos Melo; comandante do GTA, Laércio Costa; entre outras.

Investimentos

A aquisição do helicóptero, que vai dar suporte ao trabalho do Grupo Tático Aéreo (GTA), é o resultado de um convênio assinado pelo Ministério da Justiça (MJ), por meio do Programa Nacional de Segurança com Cidadania (Pronasci), e do Governo do Maranhão. O valor investido foi de R$ 14,9 milhões.

Além do policiamento diário, o helicóptero de alta performance será utilizado nas missões do GTA que envolvem escolta e vigilância de presos, operações de erradicação de plantio de maconha, repressão a assaltos em agências bancárias, missões de resgate, apoio em combate a rebeliões no sistema prisional, e no transporte e salvamento de pacientes.

A aeronave é certificada para vôo por instrumentos monopilotado. Sua configuração tem especialidades para operações de combate e auxilio aeromédico. Possui gancho de carga, corta-cabos, filtro anti-areia, farol de busca, portas laterais corrediças, porta traseira com possibilidade de entrada e saída de macas, macas dobráveis, parte fixa de guincho de resgate, dispositivo externo para rapel e fast rope, equipamentos de comunicação e rádio-navegação, piloto automático e sistema de GPS digital.

Existem apenas 300 aeronaves similares em atividade em 32 países. Para operá-lo, quatro pilotos do Maranhão – um policial militar, um bombeiro militar e dois policiais civis – viajaram para a Alemanha, onde foram treinados por especialistas da fábrica responsável pela construção do modelo, a fim de se capacitarem para o manuseio operacional da aeronave.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Campanha de Multivacinação acontece entre 01 a 29 de outubro

Publicado

em

A Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS) realiza entre os dias 01 e 29 de outubro a campanha de multivacinação em crianças e adolescentes menores de 15 anos. Objetivo é atualizar as vacinas dos jovens e melhorar as coberturas vacinais para diminuir a incidência das doenças imunopreviníveis. 

O secretário de Saúde, Alcemir Costa, ressalta a importância da imunização para garantir o controle e eliminação de doenças como pólio, rubéola e síndrome da rubéola congênita. “É inadmissível termos registro de doenças que já existem antídotos para preveni-las. Faremos uma campanha voltada à busca ativa das nossas crianças e jovens, disponibilizando todas as vacinas do calendário nacional” – ressaltou. 

Alcemir acrescenta que política de saúde se faz com ações preventivas, e as vacinas são fundamentais nesse processo. Ele explica que para atender a campanha, as 39 Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Imperatriz estão aptas a atender os adolescentes. Ao observar as cadernetas e identificar qualquer vacina em atraso, os pais devem procurar uma dessas unidades para seu filho receber a dose. 

“O horário de atendimento é das 8h às 16h: “Nosso atendimento é até 17h, mas por questão da logística de armazenamento e uso das vacinas, as senhas serão entregues até 16h” – informou a coordenadora de Imunização do Município, Socorro Ribeiro. 

Vacinas disponíveis para campanha:

Vacinas disponibilizadas para crianças: BCG; Hepatite B; Poliomielite 1,2,3 (VIP – inativada); Poliomielite 1 e 3 (VOP – atenuada); Rotavírus humano G1P1 (VRH); DTP+Hib+HB (Penta); Pneumocócica 10 valentes; Meningocócica C (conjugada); Febre Amarela (Atenuada); Sarampo, Caxumba, Rubéola (SCR); Sarampo, Caxumba, Rubéola e Varicela (SCRV); Hepatite A (HA); Difteria, Tétano, Pertussis (DTP); Difteria, Tétano (dT); Papilomavírus Humano (HPV); Varicela, pneumocócica 23-valente (Pncc 23*), vacina indicada para população indígena a partir dos cinco anos de idade.

Vacinas disponibilizadas para adolescentes: Hepatite B (HB recombinante); Difteria, Tétano (dT); Febre amarela (Atenuada); Sarampo, Caxumba e Rubéola (SCR); Papilomavírus humano (HPV); Meningocócica ACWY (conjugada); Pneumocócica 23-valente (Pncc 23) vacina indicada para população indígena.

Continue lendo

Maranhão

Operação combate furto de energia em municípios do Maranhão

Publicado

em

Visando apurar denúncias de furto de energia, a Polícia Civil do Maranhão realizou entre os 12 e 18 de setembro, uma ação policial batizada de “Operação Mormaço”, que resultou em seis prisões nos municípios de Colinas e Timon. A ação policial foi deflagrada pela Departamento de Defesa De Serviços Delegados(DDSD) vinculado a Superintendência Estadual de Investigações Criminais(SEIC).

A operação, que contou com o apoio de equipes da Equatorial Maranhão, resultou na inspeção de 12 locais distintos e na lavratura de 6 autos de prisão em flagrante, e na identificação do “fraudador-chefe” responsável pela prática de instalação de dispositivo acionado por controle remoto, oriundo da cidade de Teresina, capital do Piauí, o qual já foi devidamente identificado e será indiciado.

Na cidade de Colinas duas pessoas foram presas em flagrante com irregularidade em residências e  estabelecimentos comerciais. Já o município de Timon, quatro pessoas foram autuadas em flagrante por prática fraudulenta em suas residências nos bairros Vila João Reis; Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Boa Vista e Jóia.

Continue lendo

Maranhão

Policiais penais estavam facilitando entrada de celulares para presos na Penitenciária de Pedrinhas no Maranhão

Publicado

em

Uma operação da Polícia Civil do Maranhão foi deflagrada na manhã desta sexta-feira(24), visando cumprir mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva contra alvos investigados de participarem de uma associação criminosa que ofereceria vantagens para presos do sistema prisional de São Luís. Como resultado da ação policial, três pessoas foram presas em São Luís, entra elas, um policial penal.

Segundo as investigações da Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção(SECCOR), dois policiais penais e familiares de um deles teriam envolvimento em extorsões praticadas contra presos. Consta que o grupo obteve vantagens financeiras junto a presos para viabilizar a entrada de aparelhos celulares dentro do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, além de influenciarem nos processos de saídas temporárias indevidas. Segundo às investigações, o esquema criminosos se sustentou entre os anos de 2019 e 2021.


Além da prisão de um dos policiais penais, a Polícia Civil do Maranhão também prendeu duas pessoas que seriam parentes do mesmo e que integravam a quadrilha. Após serem submetidos aos processos legais na SECCOR, os presos devem ser recambiados à Unidade Prisional de São Luís.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze