Connect with us

Maranhão

MARANHÃO: Sagrima lança Promeso na Região Sul do Estado

Publicado

em

Foi lançado, na cidade de Loreto, Região Sul do Maranhão, o Programa de Promoção da Sustentabilidade de Espaços Sub-Regionais (Promeso). Cerca de 100 pessoas serão beneficiadas pelo programa, orçado em R$ 356.000,00.

O Promeso tem como objetivo aumentar a autonomia e a sustentabilidade do local, com ações voltadas para a engenharia, aquisição de equipamentos, capacitação e organização comunitária. De acordo com o gerente da Mesorregião da Chapada das Mangabeiras (que inclui o município de Loreto), Oswaldo de Deus Ferreira Júnior, essas ações são realizadas por intermédio de Fóruns onde participam representantes da sociedade civil organizada com projetos voltados para os arranjos produtivos, sendo que a leitura da região é feita pelo Governo do Estado, por conhecer a situação regional.

Compromisso

O secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), Afonso Ribeiro, explicou que em Loreto, o Governo do Maranhão injetou a quantia de R$ 56.000,00 como contrapartida para implantação dos projetos no município. As ações vão desde a construção de agroindústria até a aquisição de equipamentos. “Com esse programa, o Governo do Estado vai poder gerar emprego e renda para 100 trabalhadores rurais de forma direta e isso demonstra o compromisso da governadora Roseana Sarney com o desenvolvimento da agricultura e da sustentabilidade”, comentou.

“Sabemos que os recursos são poucos, mas tenho certeza que o que for destinado de recurso para o Maranhão será bem aplicado, principalmente no que diz respeito à agricultura familiar”, afirmou o presidente da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão (Agerp), Tadeu Lima.

Os Projetos voltados para a Mesorregião das Chapadas das Mangabeiras são: agroindústria da farinha, estruturação turística, hortifruticultura, bovinocultura, apicultura, bovinocultura de corte, piscicultura e outros.

Para o prefeito de Loreto, Germano Martins Coelho, o programa só vem agregar qualidade de vida aos trabalhadores rurais do município. “Com o apoio do Governo do Estado, por meio da Sagrima e da Agerp os nossos trabalhadores rurais passam a ter maior sustentabilidade naquilo que produzem e, para que isso continue acontecendo estamos mostrando todo o nosso empenho em investir no homem do campo”, ressaltou o prefeito.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Comitiva de Açailândia visita obras do Shopping da Cidade

Publicado

em

Com objetivo de conhecer o projeto de construção do Shopping da Cidade, situado no antigo Camelódromo (Praça Tiradentes), no Centro, o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Zigomar Filho recebeu terça-feira, 04, a visita do secretário de Indústria, Comércio e Turismo, Claudenir Viera; do superintendente da Receita Tributária, José Francisco, e o representante da Sala do Empreendedor, Adevaldo Ferreira, da Prefeitura de Açailândia.

Na visita técnica, o secretário Zigomar Filho detalhou que o empreendimento, em construção através de parceria com o Governo Federal, disponibilizará 275 boxes, incluindo praça de alimentação; jardins, bancos, banheiros e rampa de acessibilidade. O Shopping da Cidade deverá impulsionar a economia dos vendedores ambulantes, além de organizar o mercado informal com local digno.

“Nós estamos contentes com esse empreendimento maravilhoso que é o Shopping da Cidade de Imperatriz, pois pretendemos copiar coisas boas desse projeto, o nosso será menor em Açailândia. E nada melhor que ver o que está sendo feito neste sentido de organizar os vendedores ambulantes”, observou o secretário de Indústria e Comércio, Claudenir Viegas.

Na ocasião, ele parabenizou a gestão do prefeito Assis Ramos que se empenhou em viabilizar a captação de recursos e parcerias para construção do empreendimento que brevemente será inaugurado, e disse está ficando muito bonito.

“Ficamos satisfeitos com essa visita técnica a esta obra, pois nossa intenção é dar melhor qualidade de trabalho aos ambulantes que estão expostos ao sol e chuva; em calçadas ou canteiros irregulares. Vamos também proporcionar um espaço para que possam vender suas mercadorias e produtos, gerando negócios para cidade de Açailândia”, pontou.

Adevaldo Ferreira, representante da Sala do Empreendedor de Açailândia, comentou que “essa iniciativa de Imperatriz em construir um espaço destinado para o comércio popular contribui na organização. “Vamos levar esse projeto para Açailândia, a gestão trabalha para resolver essa situação em nossa cidade também, pois com a economia abalada por causa da pandemia, muita gente aderiu ao comércio informal, ocupando espaços públicos”, ressaltou.

Segundo ele, a Prefeitura de Açailândia dispõe de uma área para desenvolver um projeto semelhante ao Shopping da Cidade de Imperatriz, construído pela Gestão Assis Ramos, para fazer a organização do comércio popular.

O secretário de Infraestrutura, Zigomar Filho, que recepcionou a comitiva, agradeceu a visita técnica em nome do prefeito Assis Ramos, colocando o município à disposição para auxiliá-los com informações técnicas. “Temos a satisfação em recebê-los, pois sabemos que esse é um projeto que inspira outros gestores a construir também em seus municípios”, concluiu.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Comissão de secretários vistoria obras do Conjunto Habitacional JK

Publicado

em

Acompanhados de técnicos, uma comissão de secretários municipais realizou na manhã desta quinta-feira, 6, visita às obras de construção do Conjunto Habitacional Jk, do Programa Casa Verde e Amarela, na Vila Machado. Fizeram parte da comissão os secretários, Janaína Ramos, Desenvolvimento Social; Rosa Arruda, Meio Ambiente e Recursos Hídricos; Alessandro Pereira, Planejamento Urbano; Zigomar Filho, Infraestrutura e Serviços Públicos; e Leandro Braga, Trânsito e Transportes.

“Esta visita tem o intuito de fiscalizar o andamento da obra. Juntamente com a coordenação do programa do Casa Verde e Amarela, observamos que o empreendimento está bem avançado e, de acordo com a previsão da empresa Lastro Engenharia, até o final deste ano o residencial será entregue aos beneficiários. No que tange ao serviço da Sedes, sobre atualizações cadastrais, está tudo dentro dos conformes”, informou a secretária Janaína Ramos.

Além da construção das casas, o residencial conta com infraestrutura completa, desde rede de água, esgoto, energia elétrica, drenagem pluvial, pavimentação em todas as ruas e paisagismo. Para o secretário de Planejamento Urbano, Alessandro Pereira Silva, trata-se de um sonho de muitas famílias que será realizado.

“Essas casas são destinadas às famílias que vivem em situação de vulnerabilidade econômica e ter uma moradia adequada é essencial para uma vida de qualidade. Trata-se de mais uma ação da gestão do prefeito Assis Ramos em parceria com o Governo Federal, que vai melhorar a qualidade de vida das pessoas contempladas”, enfatizou Alessandro Pereira.

Durante a visita, a titular da Secretaria de Meio Ambiente, Rosa Arruda, destacou a importância do projeto paisagístico no residencial. 

“É importante que todos os empreendimentos tenham em seu projeto um espaço para o paisagismo. Por que além de contribuir com um visual deslumbrante, compondo a beleza do local, também colabora com o ecossistema ao seu redor e com a qualidade do ar, trazendo impactos positivos para a vida das pessoas”, destacou a titular da Semmarh.

Executada pela Lastro Engenharia, o residencial está com 90% das casas finalizadas, 71% da área de infraestrutura concluída e 81% do setor de equipamentos pronto, como praça e quadra de esporte, o que representa 86% da totalidade do empreendimento. O engenheiro Bruno Franklin, gestor de obras da construtora, estima que os trabalhos sejam finalizados até o mês de dezembro.

“A obra está muito bem encaminhada e a previsão para conclusão é até o final deste ano. Agora, se acontecer algum imprevisto, como o caso de chuvas, entre outros fatores, existe a possibilidade de uma pequena prorrogação no prazo de entrega”, disse. 

O empreendimento conta 1.000 unidades habitacionais, com 02 quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço. Cada casa possui 50 metros quadrados de área construída em um lote de 144 metros quadrados.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Prefeitura divulga novo decreto de flexibilização

Publicado

em

Decreto municipal nº 34, divulgado nesta quinta-feira, 06, autoriza a volta das aulas no modelo híbrido em instituições privadas de ensino infantil e fundamental. Escolas de idiomas e de ensino musical, assim como cursinhos pré-vestibulares, técnicos e profissionalizantes, também podem adotar os sistemas de aulas nas formas híbridas e/ou remotas. Flexibilização possível apenas mediante o cumprimento das normas sanitárias contra a Covid-19.

Instituições de nível superior podem adotar o formato híbrido de ensino e também optar por concluir o primeiro semestre de forma remota.

Ainda de acordo com o documento, disponível aqui, estão permitidos em bares, casas de shows e de eventos, clubes, parques recreativos, áreas comuns de lazer e outros estabelecimentos similares, o uso de som ambiente e a realização de apresentações ao vivo de artistas locais, cantores solos ou em dupla. Porém, segue vetada a utilização da pista de dança. O funcionamento desses locais com atividades noturnas possuem o limite de horário até às 23h59.

Lembrando que o distanciamento social entre grupos de frequentadores e o uso de máscaras de proteção por clientes, funcionários e proprietário são obrigatórios no local. A lotação desses estabelecimentos não pode ultrapassar 60% da capacidade de ocupação máxima prevista em alvará de funcionamento.

As flexibilizações levam em consideração os indicadores positivos de enfrentamento da covid-19 nos últimos 60 dias, como a queda de 75% dos casos ativos, as reduções de 70% na ocupação dos leitos de UTI da rede municipal de saúde e de 52% no número de óbitos em relação ao mês de março e abril. Também foram consideradas as reduções de 41% da ocupação na ocupação dos leitos de UTI da rede estadual de saúde e de 70% na procura por atendimento ambulatorial de pessoas com sintomas gripais.

Vale ressaltar que Imperatriz avançou no plano de vacinação contra a covid-19 dos maiores de 61 anos, o que leva à 85% das vacinas aplicadas da primeiro dose e 75% da segunda dose. O município acumula 93,7% de recuperados.

Continue lendo
publicidade
publicidade Bronze