- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
segunda-feira, 16 / maio / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

MARANHÃO: Sedagro inaugura projetos produtivos no interior do estado

Mais Lidas

A secretária de Estado de Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Conceição Andrade, esteve nos municípios de Tutóia, Chapadinha, Vargem Grande e Brejo, durante o fim de semana, para inaugurar obras e visitar projetos em fase final de instalação.

No assentamento Santa Rosa dos Tomás, no município de Tutóia, foram inauguradas as Unidades de Processamento de Polpa de Frutas e de Beneficiamento do Caju. As mulheres já participaram de treinamento feito pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (Sedagro), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), e agora estão produzindo de doces de mamão, acerola, abacaxi, banana, abóbora, melancia, carambola e caju, além do licor de maracujá e de caju. Já os homens do assentamento estão se preparando para iniciar o processamento da castanha de caju. Eles já contam com uma área plantada de 400 hectares de caju anão precoce no assentamento.

A secretária da Sedagro informou que enviará uma equipe técnica para capacitar os produtores de Santa Rosa em empreendedorismo, para que possam fazer a organização e o gerenciamento do próprio negócio.

Em Chapadinha, Conceição Andrade participou do encerramento do Curso de Instrumentalização Tecnológica em Ovinos e Caprinos, com a participação de 40 técnicos e 10 criadores de assentamentos rurais, uma ação de diversos parceiros como Sedagro, Agerp, Associação Estadual de Cooperação Agrícola (Aesca), Sebrae e Ufma, para estimular o crescimento da caprinocultura no Maranhão.

Ainda em Chapadinha, no povoado Água Fria, foi inaugurada a primeira Casa de Farinha mecanizada implantada pela Sedagro no estado. A produção é de 25 toneladas por hectare. Neste processo, à exceção da descascagem que é manual, todas as etapas de produção da farinha são automatizadas. Outra vantagem é a redução no tempo de produção da farinha, que cai de duas para uma hora. São 15 famílias beneficiadas.

“Estamos trabalhando para que os agricultores saiam da roça de toco para projetos produtivos mais sustentáveis. Isto vai ajudar no aumento da renda familiar, na diminuição das dificuldades das comunidades rurais e as pessoas não vão ficar tão exaustas como na produção tradicional”, declarou a secretária.

Comunidade modelo

Em Vargem Grande, Conceição Andrade esteve na comunidade quilombola Piqui da Rampa, uma comunidade rural modelo quando se trata de resultados alcançados com os investimentos públicos. Lá a Sedagro tem instalados os programas: Telado, Viva Terra, Geração Futura da Agricultura Familiar, Sistema Agro ecológico Integrado Sustentável (Sais), e o Centro de Inclusão Digital para jovens. Pelo programa Viva Terra são duas áreas com cinco hectares, onde são produzidos milho, abóbora, macaxeira, maxixe, batata doce e cebola de cabeça em um plantio em área de sequeiro, feito com adubação e fertilizantes adequados, com aumento na produção e na produtividade, beneficiando 25 famílias.

“Meus pais já viveram muito tempo na roça do toco e nunca tivemos nada. Agora com hortaliças estamos progredindo, até a nossa saúde melhorou. Diziam que o Maranhão não produzia cebola de cabeça e nós estamos produzindo”, disse o jovem Marcos Vinícius Fernandes, que faz parte do programa Geração Futura.

O Telado é uma área coberta com tela que permite o cultivo protegido de hortaliças contra pragas, doenças e excesso de luminosidade, de água e de vento. O Telado de Piqui da Rampa já está produzindo couve manteiga, pimentão berinjela, beterraba e alfaces americana, crespa e roxa. Em plantio aberto os agricultores também já estão produzindo cenoura. Em conversa com os agricultores Conceição Andrade informou que a Sedagro vai realizar um Dia de Campo e um curso de capacitação em Produção de Hortaliças em Ambiente Protegido para os agricultores de Piqui da Rampa.

Conceição Andrade também esteve no povoado Acampamento, no município de Brejo, para verificar o Telado que acaba de ser implantado pela Sedagro. O Telado já foi montado, está sendo finalizada a instalação do sistema de irrigação e as 12 famílias de agricultores já vão começar a produção das mudas. As famílias envolvidas no Projeto recebem da Sedagro sementes híbridas de alta qualidade e alta produtividade e insumos como cal corretiva de solo, adubos e fertilizantes.  Os agricultores já possuem uma experiência inicial do plantio em área aberta de um hectare irrigado de hortaliças com apoio da Agerp e do Sebrae.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias