Connect with us

Maranhão

MARANHÃO: SSP avança nas investigações de rebelião no Complexo de Pedrinhas

Publicado

em

Em entrevista coletiva realizada neste sábado, 13, no Auditório da Secretaria de Segurança Pública, o secretário Aluísio Mendes apresentou informações a cerca das investigações que estão sendo feitas pela Polícia Civil sobre a rebelião ocorrida no último dia 8 de novembro, no prédio Anexo do Presídio São Luis, localizado no Complexo de Pedrinhas. O gestor da Segurança do Maranhão também falou da situação dos índios Guajajaras da Reserva Canabrava em Barra do Corda.

Aluísio Mendes destacou que desde o fim das negociações e já garantida à pacificação interna no Complexo de Pedrinhas, o 12º Distrito Policial e a Delegacia de Homicídios iniciaram uma ampla investigação no intuito de identificar responsáveis e participantes da ação e elucidar as circunstâncias que levaram a tal ação criminosa. Por determinação da Justiça, o inquérito policial prossegue em sigilo absoluto.

“Nas investigações estão sendo apurados os nomes dos possíveis envolvidos e os responsáveis pelas ações que culminaram nas mortes dos internos e ainda quem motivou o motim”, disse Aluísio.

Como resultado inicial dos trabalhos, a polícia efetuou a prisão de Jorge Henrique Rabelo Pereira, de 48 anos, detido temporariamente por envolvimento na rebelião. Jorge Rabelo é agente administrativo há mais de 10 anos e estava trabalhando atualmente no Sistema Prisional do Estado.

Ele é apontado como o responsável por fornecer os dois revólveres usados durante a rebelião aos internos do presídio. Segundo indícios testemunhais e documentais, Jorge Rabelo entregou as armas em troca de R$ 1 mil cada e um celular por R$ 300,00. “Todos os envolvidos, assim que forem identificados, serão imediatamente responsabilizados”, acrescentou Aluísio.

Ainda segundo o secretário, uma das medidas emergenciais adotadas pelo Sistema Prisional do Maranhão em convênio com o Departamento Nacional Penitenciário (Depen), é transferir imediatamente para um presídio federal todo e qualquer detento que praticar algum ato de violência dentro de um estabelecimento prisional no estado.

De acordo com o juiz José Ribamar Goulart Heluy Júnior, do regime de plantão criminal, que determinou a prisão do agente administrativo, “dificilmente teria ocorrido à rebelião se o agente não tivesse, em troca de dinheiro, fornecido as armas que ceifaram a vida de dezoito internos”.

Segurança na Rodovia

Ainda durante a coletiva, a cúpula do Sistema de Segurança falou sobre a operação conjunta entre as polícias Federal, Rodoviária Federal, Civil e Militar que resultou, na manhã da última sexta-feira, 12,, por volta das 10h, no fim da manifestação criminosa promovida por índios que interditavam a BR-226, nas proximidades do município de Barra do Corda.

De acordo com o superintendente de Polícia Civil do Interior, Jair Lima de Paiva Júnior, o plano foi traçado a partir de um sobrevôo feito na tarde da última quinta-feira, onde se percebeu a dimensão do engarrafamento e a aglomeração exaltada dos índios.

A partir disso, já na manhã da sexta-feira, 12, o superintendente Jair Lima de Paiva juntamente com a delegada Bernadete Teodoro (ex-delegada regional de Barra do Corda) e mais dois agentes federais, foram ao encontro dos indígenas na barreira montada, a fim de realizar uma negociação amigável, enquanto toda a tropa policial aguardava recuada.

No acordo, que segundo informações policiais durou cerca de 50 minutos, ficou acertado que os índios liberariam o tráfico na rodovia, além de devolver a motocicleta do delegado e a promessa de não voltarem a bloquear a BR. Em contrapartida, as instituições de segurança asseguravam a autorização, já na próxima semana, de abertura de uma mesa de negociações entre os índios e representantes da Procuradoria da República no estado, Funai e Ministério Público.

Equipes do Sistema de Segurança e da Polícia Rodoviária Federal permanecem com o patrulhamento na Rodovia. Homens da Força Nacional também já foram deslocados à região para reforçar a segurança. “A polícia permanecerá no local enquanto for necessário. A operação só vai terminar quando todos os envolvidos forem presos”, afirmou o secretario de Segurança. Existem mais de 50 mandados de prisão a serem cumpridos contra índios e brancos envolvidos na manifestação.

Participaram também da coletiva o delegado geral da Polícia Civil, Nordman Ribeiro; os superintendentes de Investigações Criminais, Affonso Júnior; de Polícia Civil da Capital, Sebastião Uchoa; de Polícia Civil do Interior, Jair Lima de Paiva Júnior e a delegada do 12º DP, Regina de França Barros.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Trio aplica golpe em moradores do Pará por meio do PIX

Publicado

em

A Polícia Civil prendeu três homens que estariam roubando dinheiro usando o PIX, a nova forma de transferir e receber dinheiro criado pelo Banco Central.

Segundo a polícia, os suspeitos moram em Imperatriz, no Maranhão, e conseguiram roubar R$ 16.800 da conta de duas pessoas que moram no Pará.

Ao serem presos, os três foram autuados pela prática de crimes cibernéticos, furto mediante fraude e Associação Criminosa. Com eles, a polícia ainda apreendeu a quantia de R$ 10.429,00, celulares e objetos de valor.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Com vitória de Braide em São Luís, Josivaldo JP vai assumir cadeira de deputado federal

Publicado

em

A vitória de Eduardo Braide (PODEMOS), para prefeito de São Luís, capital do Maranhão, neste domingo, 29, derrotando Duarte Júnior (REPUBLICANOS), beneficiou também o empresário imperatrizense, Josivaldo JP, que é primeiro suplente de deputado federal pela Coligação PMN/PHS, constituída na eleição de 2018.

A referida coligação acabou elegendo dois deputados federias, Braide e Pastor Gildenemyr, ambos do PMN na época. Braide mudou para o PODEMOS, onde se elegeu prefeito.

Josivaldo JP que acabou se tornando um dos principais interessados na vitória de Braide na capital, vai agora assumir a titularidade do mandato, com a renúncia de Braide, para assumir o comando da Prefeitura de São Luís.

Josivaldo teve 23.113 e disputou a eleição pelo PHS.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Imagem inusitada nas Quatro Bocas

Publicado

em

Nesta noite de sábado, 29, uma cena chamou atenção dos frequentadores da região das Quatro Bocas, na cidade de Imperatriz, na região Tocantina, no estado do Maranhão.

Uma mulher foi vista comendo panelada, uma comida tradicional da região, em trajes, digamos, bem à vontade. Depois de comer, a mulher embarcou em um mototáxi e foi embora.

Continue lendo
publicidade Bronze