- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
domingo, 14 / agosto / 2022
- Publicidade -spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
- Publicidade -spot_img
Array

MARANHÃO: Valor da cesta básica subiu em fevereiro em São Luís

Mais Lidas

O valor da Cesta Básica volta a subir em São Luís em fevereiro deste ano. Segundo cálculos do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc), órgão da estrutura da Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplan), a cesta atingiu o valor de R$ 192,01.  Comparando com o mês anterior (jan de 2011), a Cesta Básica apresentou um acréscimo de R$3,12, ou seja, uma variação de 1,6%.

O presidente do Imesc, Fernando Barreto, revelou que entre os doze produtos que compõem a cesta, oito apresentaram acréscimos em seus preços médios: banana (8,4%), tomate (5,6%), farinha (5,3%), óleo (5,1%), carne (2,8%), leite (1,7%), café (1,5%) e açúcar (1,2%), sendo que a banana, o tomate, o óleo, o leite e o açúcar continuam com a tendência de aumento.

“Quanto aos quatro demais itens, o feijão (-5,4%); a manteiga (-4,9%), o pão (-1,6%) e o arroz (-0,7%), apresentaram uma queda em seus respectivos preços, com destaque para o feijão, que sofreu uma forte redução pelo segundo mês consecutivo, visto que no mês anterior havia registrado uma variação de (-9,5%)”, contabilizou Barreto.

Dessa forma, o trabalhador que ganha um salário mínimo comprometeu 37,6% da sua renda e tomando por base uma jornada mensal de trabalho de 220 horas por mês, ele precisou laborar 82 horas e 49 para adquirir esses produtos, restando, portanto 62,4% para outras despesas como habitação, vestuário, transporte, higiene e lazer.

Comparativo

Já nas 17 capitais em que o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) calcula mensalmente a Cesta Básica, o valor auferido para o mês de fevereiro de 2011 foi de São Paulo (R$261,18), Porto Alegre (R$256,51), Manaus (R$252,75), Brasília (R$250,48), Rio de Janeiro (R$249,02), Belo Horizonte (R$246,63), Vitória (R$246,31), Curitiba (R$245,15), Goiânia (R$241,53), Florianópolis (R$241,47), Belém (R$228,94), Natal (R$221,15), Fortaleza (R$213,75), Recife (R$211,40), Salvador (R$210,44), João Pessoa (R$203,26) e Aracaju (R$190,66).

Dessas capitais, nove apresentaram redução em seus preços, Florianópolis (-2,07%), Brasília (-2,02%), Vitória (-1,58%), Natal (-1,53%), Rio de Janeiro (-1,28%), Fortaleza (-1,25%), Manaus (-1,19%), São Paulo (-0,03%) e Goiânia (-0,02%) e oito capitais sofreram aumento, com destaque para Aracaju, Curitiba e Recife, com variações de 4,32%, 3,36% e 3,20%, respectivamente.

- Publicidade -spot_img
Assinar
Notificar-me
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
- Publicidade -spot_img
- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias