Connect with us

Pará

Moradores de Ipixuna do Pará interditam as duas pistas da BR-010

Publicado

em

Sem títuloMoradores de Ipixuna do Pará, no nordeste do estado, interditaram as duas pistas da BR-010, no perímetro urbano da rodovia, neste sábado (10). O protesto foi para pedir agilidade da polícia na investigação da morte de uma jovem no município. Carros e caminhões foram impedidos de seguir viagem. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), cerca de 2 mil pessoas participaram da manifestação.

Após quatro horas de bloqueio, a via foi liberada no início da tarde por agentes da PRF de Ipixuna do Pará, com reforço de agentes de Santa Maria e apoio da Polícia Militar. Segundo a PRF, a desobstrução foi pacífica.

Familiares e amigos da estudante Barbara Renata Albuquerque de Nazaré, de 22 anos, protestam contra a lentidão nas investigações da polícia sobre o caso. Na época, polícia tinha suspeitos, mas mantinha sigilo nas investigações.

Um congestionamento se formou na rodovia por conta da interdição. A PRF acompanhou o protesto.

Entenda o caso

O corpo de Bárbara Albuquerque, 22 anos, foi encontrado nesta segunda-feira (3), em Ipixuna, nordeste do Pará, às margens da BR-010, a Belém-Brasília. A jovem estava desaparecida desde a noite do dia 28 de maio. Segundo a polícia, o corpo foi encontrado em avançado estado de decomposição e apresentava uma fratura no crânio.

Na quarta-feira (29), a mãe da jovem registrou um boletim de ocorrência denunciando o desaparecimento da filha, que cursava o ensino médio. De acordo com o BO, a jovem teria saído de casa alegando que iria à residência de uma amiga para concluir um trabalho da escola e não voltou para casa no horário estipulado, nem atendeu aos inúmeros telefonemas da mãe.

O corpo da estudante foi encontrado no dia 3 de junho em um terreno baldio às margens da rodovia Belém-Brasília, a quinhentos metros da cidade de Ipixuna.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
1 Comment

Pará

Pará recebe mais quatro pacientes do Amazonas para tratamento de Covid

Publicado

em

Mais quatro pacientes com Covid-19, em estado grave, que saíram do estado do Amazonas, chegaram a Belém nesta terça-feira (19). São três mulheres e um homem, que foram transferidos para as Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) do Hospital de Campanha, instalado no Hangar, em Belém. 

De acordo com Camylla Rocha, diretora da Central Estadual de Regulação da Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa), a solidariedade e a união são fundamentais em um momento tão difícil como o da pandemia. 

“É muito importante que a gente estenda as nossas mãos. Vamos cuidar deles como se fossem nossos parentes, com o melhor atendimento possível. Destinamos uma ala específica para os pacientes amazonenses no Hospital de Campanha do Hangar e todos os cuidados estão sendo tomados”, informa a diretora. 

O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) veio de Parintins, local de origem dos quatro pacientes, e pousou por volta das 9h45 na Base Aérea de Belém. Cada paciente veio com um acompanhante.  

Ao todo, o Pará já recebeu seis amazonenses. Na segunda-feira (18), duas mulheres vindas também de Parintins, cidade do estado vizinho, já haviam sido recebidas.

Segundo Sipriano Ferraz, secretário adjunto da Sespa, a situação da pandemia na Região Metropolitana de Belém (RMB) é, de acordo com o monitoramento diário de casos e internações, estável e a retaguarda de leitos no Hangar permitiu o auxílio aos doentes do estado vizinho.

AMAZONAS

O Governo do Estado do Amazonas enfrenta problemas no abastecimento de oxigênio na rede hospitalar. No último dia 14 de janeiro, a média móvel de mortes havia aumentado em 187% e os hospitais lotados não tinham oxigênio para todos os pacientes internados com a doença.

O governador Helder Barbalho ofereceu ajuda ao Amazonas diante do colapso no sistema de saúde do estado vizinho, com a disponibilização de 40 leitos aos pacientes amazonenses. São 20 leitos clínicos e 10 de UTI, no Hospital de Campanha de Belém; e mais 10 leitos de UTI neonatal na Fundação Santa Casa, em Belém. 

HOSPITAL DE CAMPANHA DO HANGAR

O Hospital de Campanha do Hangar tem capacidade para expansão de até 420 leitos (clínicos e de UTI). O Governo do Pará informa que os níveis de oxigênio no Estado seguem regulares, atendendo todas as demandas.

Continue lendo

Pará

Homem e dois adolescentes foram encontrados baleados dentro de ônibus no interior do Pará

Publicado

em

Um homem e dois adolescentes foram baleados com vários tiros e amordaçados dentro de um ônibus no residencial Goiânia em Capitão Poço, nordeste do Pará.

Um dos adolescentes morreu no local com tiro na cabeça e os outros dois ficaram gravemente feridos.

As vítimas foram encontradas por moradores no ônibus abandonado em área de mata, por volta das 10h30. As pessoas chegaram a entrar no veículo e fizeram imagens.

A Polícia Militar chegou às 15h30 no local, nas proximidades de um ginásio de esportes. Segundo a PM, ninguém no local soube dar informações sobre o caso, “imperando a lei do silêncio”.

As vítimas foram identificadas como Reinaldo Brito da Silva, de 23 anos, e os adolescentes A. C. V. C. e E.S.V. Dois deles foram transferidos para Belém.

Em nota, a Polícia Civil informou que, durante as buscas no ônibus, foram encontradas cápsulas de armas de fogo e que o caso está sendo investigado pela polícia local, com apoio da Coordenadoria de Operações Especiais, Diretoria de Polícia Especializada, Diretoria de Polícia do Interior e da Superintendência da 6º Região Integrada de Segurança Pública (RISP) Caeté.

Até então, a motivação e a autoria do crime ainda não foram confirmadas.

Continue lendo

Pará

SÃO DOMINGOS DO ARAGUAIA: Colisão entre caminhão e carreta deixa homem carbonizado na Transamazônica

Publicado

em

Um grave acidente entre caminhão baú e uma carreta foi registrada nesta segunda-feira (18), na rodovia Transamazônica (BR-230), em São Domingos do Araguaia, sudeste do Pará. Uma pessoa ficou presa nas ferragens e outra morreu carbonizada.

A carreta ultrapassou o corrimão de proteção e o condutor ficou preso nas ferragens. Ele foi retirado com vida e encaminhado para o Hospital Regional de Marabá.

O caminhão baú entrou em combustão e um dos passageiros teve o corpo carbonizado e morreu no local. O motorista do caminhão sofreu ferimentos leves e foi conduzido pelo SAMU a uma unidade de saúde da região.

Continue lendo
publicidade Bronze