O motociclista Elsivan Belem foi condenado pela Justiça por crime de lesão corporal culposa na direção de veículo automotor e condução de veículo alcoolizado a pena de 1 ano, dois meses e doze dias de prisão. A sentença foi publicada pelo juiz Frederico Feitosa, titular da 1ª Vara da comarca de Estreito.

Conforme os autos do processo, Elsivan Belém estava pilotando uma moto quando atropelou os pedestres Leomar Santos Oliveira e Zilda Alves de Almeida, causando lesões corporais nas duas vítimas. Ficou, ainda, comprovado que o piloto estava embriagado.

Ao fim do julgamento, Elsivan foi condenado por lesão corporal culposa na direção de veículo automotor e condução de veículo alcoolizado (conforme o Código Nacional de Trânsito), recebendo a pena de 1 ano, dois meses e doze dias de prisão. (iMirante)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.