Connect with us

Maranhão

No MA, adolescente invade casa para roubar, não encontra nada e agride idoso

Publicado

em

Um idoso identificado como José Jesus Castro Ataíde, de 76 anos, foi agredido violentamente com vários socos, chutes e facadas dentro da própria residência em Santo Amaro, a 240 km de São Luís.

O crime aconteceu nesta quinta, dia 7.

O suspeito do crime foi um adolescente que invadiu a residência para assaltar ao perceber que o idoso estava sozinho. Como não encontrou nada de valor, ficou muito agressivo e agrediu José Ataíde. O adolescente fugiu, mas foi encontrado pela polícia e apreendido.

Segundo o mecânico, Ronald Fontes, o adolescente já é conhecido no município pela prática de assaltos e pela forma como age. “O adolescente perfurou a cabeça dele com a faca, não satisfeito pegou a bengala de alumínio e massacrou a cabeça dele. Ele foi ao hospital, o rapaz fugiu, o pegaram na casa dele e levaram para a delegacia”, contou.

Ainda de acordo com Ronald Fontes, é a segunda vez em menos de um ano que ele atacou o idoso. “Ele já foi assaltado duas vezes pela mesma pessoa, ele ameaçou o idoso com a faca e por ser deficiente, ele não conseguiu reagir. Essa pessoa levou a quantia de R$500 do bolso dele”, afirmou.

A família teme pela saúde de José, que foi atendido em Santo Amaro e aguarda transferência para um hospital em São Luís. Um levantamento do Centro Integrado de Apoio e Prevenção à Violência Contra o Idoso (CIAPVI) mostra que, de janeiro a outubro de 2019, já foram registrado 1.495 casos de agressão contra idosos na região metropolitana de São Luís.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

No MA, mortes por coronavírus quase triplicaram em menos de 24h

Publicado

em

Subiu para 230 o número de casos do novo coronavírus no Maranhão. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) na noite desta terça-feira (7). O número de óbitos pela doença também aumentou e agora chega a 11.

Mortes por Covid-19

Veja detalhes sobre os óbitos já registrados pelo novo coronavírus:

  1. Homem de 49 anos, de São Luís, com histórico de hipertensão;
  2. Mulher de 89 anos, de São Luís, com histórico de cardiopatia, hipertensão e câncer de mama;
  3. Homem de 70 anos, de São Luís, com histórico de hipertensão, obesidade e diabetes;
  4. Homem de 74 anos, de São Luís, com histórico de doenças no cardíacas;
  5. Mulher de 79 anos, de São Luís, com histórico de hipertensão, diabetes e problemas renais;
  6. Homem de 94 anos, de São Luís, sem histórico de comorbidades;
  7. Homem de 50 anos, de São Luís, com histórico de diabetes, hipertensão e obesidade;
  8. Homem de 64 anos, de São Luís, sem informações sobre o histórico médico.
  9. Mulher de 36 anos, que já tinha histórico de doença renal crônica.
  10. Homem de 75 anos com quadro de doença renal crônica, diabetes e hipertensão arterial.
  11. Homem de 64 anos, que era hipertenso e tabagista.
Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: 10 novos leitos de UTI são entregues para reforçar combate ao coronavírus

Publicado

em

Ampliando o alcance das medidas voltadas para o atendimento às pessoas diagnosticadas com o novo coronavírus (Covid-19) no Maranhão, o Governo do Estado realizou, nesta terça-feira (7), em Imperatriz, a entrega de 10 novos leitos de UTI. Instalados no Hospital Macrorregional Drª Ruth Noleto, a estrutura soma-se a outros 12 leitos para tratamento de síndromes respiratórias, que já existem na unidade, sendo dois deles de isolamento.

“Estamos inaugurando estes leitos extras para dar suporte aos casos graves que por ventura venham ser confirmados na cidade e na região. Dessa forma, o estado reafirma seu compromisso com a saúde pública, garantindo segurança para todos. Em paralelo, continuaremos a pedir para a população que siga as recomendações de isolamento social e evite aglomerações, pois o Covid-19 é uma doença que tem se mostrado com alto índice de contaminação”, disse o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, que acompanhou a entrega dos leitos.

A unidade destinou aproximadamente 180 profissionais para trabalhar diretamente com os pacientes doentes em razão da Covid-19. Fazem parte da equipe multidisciplinar da unidade macrorregional médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, além de fisioterapeutas, farmacêuticos, nutricionistas e assistentes sociais.

Segundo o diretor clínico do Hospital Drª Ruth Noleto, Wesley Garcia, além dos 10 leitos de UTI criados, o hospital também preparou mais 24 leitos de enfermaria para internação de pessoas com síndrome respiratória. “Temos ainda a possibilidade de expansão para mais 10 leitos de UTI, além dos que já foram criados. Dessa forma, em caso de um agravamento da pandemia dentro do nosso cenário poderemos chegar a 20 leitos reservados para pacientes com Covid-19, e mais 2 de isolamento”, destacou.

Também participaram da entrega dos leitos o diretor administrativo do Macrorregional de Imperatriz, Fellipe Hanz; a coordenadora de enfermagem, Keyla Santos; a infectologista Andrea Nappo; o médico responsável pelo atendimento da Clínica Médica, Reginaldo Batista; a gestora da Região de Saúde de Imperatriz, Antonia Iracilda Viana; e os deputados estaduais Rildo Amaral e Marco Aurélio.

Presente na solenidade de entrega, o presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), Marcos Grande, reiterou o compromisso do estado em prestar assistência completa e em tempo hábil. “É mais uma estrutura que o Governo do Estado inaugura dentro do nosso plano de contingenciamento, desta vez na cidade de Imperatriz. Com isso damos segurança, tanto para que os serviços do Macrorregional continuem a funcionar com normalidade, como também o indivíduo receba atendimento e saia daqui recuperado, que é o nosso objetivo”, destacou.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Socorrão prepara 7 leitos de isolamento para atendimento a casos de coronavírus

Publicado

em

Estão quase prontos no Hospital Municipal de Imperatriz, HMI/Socorrão, 7 leitos de isolamento para pacientes infectados pelo novo coronavírus. Após serem reformados, pela Prefeitura, os leitos das enfermarias do Posto 2, serão  destinados exclusivamente ao atendimento e tratamento do Covid -19.  

Os ambientes estão sendo adaptados para as condições sanitárias indicadas pelo Ministério da Saúde com instalação de divisórias, pintura geral, climatização e reforma das instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias. Iniciativa faz parte do conjunto de ações de enfrentamento à pandemia.

“Estes leitos foram montados para abrigar casos mais graves da doença, em que as pessoas manifestem sintomas e não tenha condições de fazer isolamento social em casa”, explicou o secretário Alair Firmiano. 

Paralelo a esta ação, em aproximadamente 10 dias, a Prefeitura conclui o Centro de Referência Municipal para pessoas infectadas pelo novo coronavírus que contará com 50 leitos exclusivos para tratamento de casos suspeitos e confirmados, sendo 40 de enfermaria e 10 de UTI. 

O espaço funcionará no prédio do antigo Hospital Escola da Facimp – Rua Ceará esquina com Rua São João, bairro Nova Imperatriz. Outras medidas que reforçam os cuidados de prevenção e combate dentro da urgência e emergência são as capacitações contínuas e o uso de Equipamentos de Proteção Individual, EPI´s. 

“Criamos também um grupo dos protocolos para condução de casos suspeitos e estamos montando  kits de paramentação para médicos, enfermeiros e técnicos que vão atuar no tratamento dos pacientes isolados”, informa a diretora do HMI, Marília Carvalho. 

Segundo ela, o kit conterá máscara cirúrgica, máscara N95, óculos de proteção, avental descartável e luva para procedimento, kit para manuseio do paciente com aparelho PA, aparelho de glicemia, estetoscópio, termômetro, laringoscópio e cânulas de guedel (números 3,4 e 5).

Para enfrentamento da pandemia foi realizada convocação de 40 médicos de 118 especialidades no dia 20 de março, que irão atuar principalmente na prevenção do vírus. Profissionais haviam sido aprovados no último concurso, realizado em dezembro de 2019. A posse que só ocorreria em abril foi antecipada. “Estes servidores vão trabalhar conosco no Centro de Referência e nos ajudar a combater esta pandemia”, pontuou Alair.

Continue lendo
publicidade